Piola defende ampla aliança para governar Foz do Iguaçu | Fábio Campana

Piola defende ampla aliança para governar
Foz do Iguaçu

O pré-candidato a prefeito Gilmar Piola (PT) voltou a defender a unidade dos partidos da base de apoio do governo Dilma Rousseff em torno de um projeto estratégico de desenvolvimento para o futuro de Foz do Iguaçu.

“Foz do Iguaçu é a maior cidade de fronteira do Brasil. E para continuar avançando, a prefeitura tem que manter o bom relacionamento com o governo federal e com a Itaipu Binacional. E melhorar o relacionamento com o governo estadual, que nos últimos anos não vem tratando Foz do Iguaçu com o respeito que a cidade merece”, disse Piola, apontado como o nome que representa a renovação da política iguaçuense.

De acordo com Piola, é preciso construir um grande entendimento, que deve começar internamente no PT e seguir com os partidos que formam a base de sustentação do prefeito Paulo MacDonald Ghisi e da presidenta Dilma Roussef.

“O governo federal está investindo mais de R$ 1 bilhão em Foz do Iguaçu. E a iniciativa privada investe mais de R$ 500 milhões no turismo. Temos que atrair muito mais investimentos para gerar progresso e bem-estar social a todos os iguaçuenses e desenvolver a nossa região de fronteira”, afirma.

“O PT é o maior partido político do Brasil. Temos o ex-presidente Lula e a presidenta Dilma muito bem avaliados. Temos o diretor-geral da Itaipu, Jorge Samek, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, e a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, que foi eleita senadora com uma votação recorde em Foz do Iguaçu. O PT não pode abrir mão de lançar candidato próprio. Seria perder uma oportunidade histórica”, desafia Piola.

Segundo ele, o momento é de união e sensatez. “O PT representa a esperança de renovação da política local. E Foz do Iguaçu quer um petista na prefeitura. Não podemos frustrar essa expectativa”.

“O partido precisa estar forte e unido neste momento eleitoral importantíssimo para o futuro de Foz do Iguaçu. A candidatura própria do PT é competitiva, tem a simpatia dos aliados e da população, mas se prevalecerem os interesses pessoais e interferências dos opositores, não contem comigo”, condicionou.

O movimento por aliança, que conta com apoio de alguns dirigentes estaduais do partido, que usariam Foz do Iguaçu como moeda de troca para acertos políticos em outras cidades, não preocupa Gilmar Piola, que segue com a pré-campanha a todo vapor, mesmo vivendo um momento familiar delicado, com o agravamento do estado de saúde de sua mãe. “A família é a nossa maior referência. Sem ela ficamos sem rumo. Minha família precisa de mim neste momento”, disse Piola em sua página pessoal no Facebook.


3 comentários

  1. domingo, 29 de abril de 2012 – 10:12 hs

    Os mão de ferro, Lula, Palocci e José Dirceu, estão colocando todos os políticos da oposição dos estados, no confinamento, em acordos, para garantir o PT mais uns 40 anos no poder da República. Ao PT interessa fazer acordo até com o DEMO desde que garantam apoio ao PT para eleger deputados federais, senadores e presidente da República. Coisa pior vem no futuro, quando o PT tiver 98 % de apoio no Congresso nacional, sem nenhuma oposição. Chavez fez isto, Hitler fez isto. O PT segue com os planos destas mãos de ferro e amplia seu poder, e os tongos, burros da oposição não perceberam este jogo. Vão carregar a mala do PT. Cairam na armadilha do fisiologismo personalista. Não pensam na necessdidade da democracia de ter opsição, democracia que garante as liberdades de hoje. Pensam que vão comer a cenoura pendurada na vara, que vai na frente do burro. Eles sentem até o o cheiro da cenoura e nucna vão comer, vão ser comidos, como GUSTAVO FRUET, que já está fazendo discurso para a reeleição da presidente Dilma. É o mais novo cabo eleitoral dela no Paraná.

  2. Henrique Luiz
    domingo, 29 de abril de 2012 – 11:16 hs

    Vc descobre quem vai ganhar.
    Quando todos já batem nele antes do inicio da campanha!
    Força Piolla!

  3. Paulo
    domingo, 29 de abril de 2012 – 13:29 hs

    Essa candidatura não sai do lugar, quem tem musculatura pra tentar derrubar o Reni é o Chico Brasileiro com apoio do atual prefeito se não a eleição será do Reni mesmo…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*