Dilma oficializa indicação de Brizola Neto para pasta do Trabalho | Fábio Campana

Dilma oficializa indicação de Brizola Neto para pasta do Trabalho

Brizola Neto (esq.), cotado para assumir a pasta, ao lado de Carlos Lupi, o ex-ministro

De Márcio Falcão, para a Folha:

O Palácio do Planalto confirmou oficialmente nesta segunda-feira (30) a indicação do deputado Brizola Neto (PDT-RJ) para comandar o Ministério do Trabalho. Ele deve tomar posse na quinta-feira (3), dando fim a um impasse que já durava cinco meses.

A pasta era comandada interinamente por Paulo Roberto Santos Pinto desde dezembro do ano passado, quando o ex-ministro Carlos Lupi deixou o cargo em meio a denúncias de irregularidades.

O convite a Brizola Neto foi feito pessoalmente hoje pela presidente Dilma Rousseff. O deputado e a presidente se reuniram por mais de meia hora.

Ele foi recebido no Planalto logo após reunião da presidente com o próprio Lupi, que é presidente do PDT, e o ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência).

Apesar de contar com apoio das centrais sindicais, a indicação de Brizola Neto para o cargo ainda enfrentava resistências internas. Questionado sobre a escolha do colega, o líder do PDT na Câmara, Andre Figueiredo (CE), evitou comentar. “É uma escolha pessoal da presidente.”

Além de Brizola Neto, o PDT apresentou os nomes do deputado Vieira da Cunha (PDT-RS) e do secretário-geral do partido, Manoel Dias. O partido controla o ministério desde o governo Luiz Inácio Lula da Silva.

NOTA

Em nota, a presidente disse que Brizola Neto “prestará grande contribuição ao país” e destacou sua trajetória política como ex-secretário de Trabalho e Renda do Rio de Janeiro, ex-vereador e deputado federal.

Dilma ainda agradeceu o ministro interino. “A presidenta agradeceu a importante colaboração do ex-ministro Carlos Lupi, que esteve à frente do Ministério no primeiro ano de seu governo, e do ministro interino Paulo Roberto dos Santos Pinto na consolidação das conquistas obtidas pelos trabalhadores brasileiros nos últimos anos”, diz a nota.

Apesar da resistência de parte da bancada do PDT, o deputado, de 33 anos, conquistou nos últimos meses o aval da Força Sindical e da CUT (Central Única dos Trabalhadores).

Brizola Neto assumirá o posto de ministro mais novo da Esplanada. Neto de Leonel Brizola, fundador do PDT e ex-governador do Rio de Janeiro e do Rio Grande do Sul, o deputado exerce o segundo mandato na Câmara dos Deputados.

Chegou a liderar o PDT em 2009 e teve uma atuação sempre fiel ao governo. Em 2011, se licenciou da Câmara para exercer o cargo de secretário de Trabalho e Renda do Rio de Janeiro.

Em seu site, ele destaca a ligação com o avô. “O nome que carrego é uma bandeira. É um símbolo para milhões de pessoas que sonham com um Brasil diferente, com um Brasil com justiça, com trabalho,com progresso para nosso povo.”

1º DE MAIO

A escolha ocorre um dia antes das comemorações do Dia do Trabalho, nesta terça-feira (1º), e após Dilma se encontrar com Lula na semana passada em Brasília.

A presidente não deve participar das comemorações do Primeiro de Maio em São Paulo, onde as centrais sindicais realizam grandes eventos. Enviará Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral) em seu lugar e fará pronunciamento em rede nacional de rádio e TV.


12 comentários

  1. SAMURAI
    segunda-feira, 30 de abril de 2012 – 19:21 hs

    Esta foto de braço dado com o Lupi é comprometedora, porém
    como são farinhas do mesmo saco tanto faz a escolha do político !!

  2. alex felisberto
    segunda-feira, 30 de abril de 2012 – 19:32 hs

    parabéns fabio campana pelo seu blog q tem contribuido muito pelo nosso estado trazando sempre essa informações muito importante, e através desse noticiario q sempre acompanho sua pagina fico muito mais realizado com a confirmação do grande ministro do trabalho briusola neto

  3. JURANDIR ROSA - LONDRINA-PARAN
    segunda-feira, 30 de abril de 2012 – 19:50 hs

    PARABÉNS AO P.D.T. QUE FICA NOVAMENTE COM A PASTA DO TRABALHO – BRIZOLA NETO NOVO MINISTRO.
    A MILITÂNCIA PEDETISTA PARABENIZA O COMPANHEIRO BRIZOLINHA.

  4. Geraldo
    segunda-feira, 30 de abril de 2012 – 20:09 hs

    O Lupi ainda conseguiu sair na foto. Esse ninguém engole o Malão do ano.

  5. Silva Jr.
    segunda-feira, 30 de abril de 2012 – 21:29 hs

    Grande representante da família Brizola, neto daquele que pôs a Globo a correr diante da fraude da Proconsult, peitou a Globo antes, durante e depois da ditadura.

  6. antonio
    segunda-feira, 30 de abril de 2012 – 22:20 hs

    Melhor assim. Como disse um deputado federal do PDT: Nenhum candidato do PDT teria unanimidade dentro do partido. Então coube a Presidenta escolher o que é melhor para o Brasil. E o partido que se contente pois não conseguiu definir um candidato para sugerir ao governo.

  7. segunda-feira, 30 de abril de 2012 – 23:13 hs

    Brizolinha não conseguiu nem se eleger mas PT paga a conta , conforme o prometido

  8. Cajucy Cajuman
    terça-feira, 1 de maio de 2012 – 0:48 hs

    Carlos Lupi é um cara de pau, não? Agarrado no braço de Brizola Neto forçando uma imagem de que está tudo bem, maravilhoso…

    No entanto, Brizola Neto não é o nome que se destaca entre as lideranças do PDT, nem Lupi é flor que se cheire, arrancado do trono ministerial pela própria presidente Dilma.

    Tudo é um jogo de faz-de-conta.
    Durma-se com um barulho desses…

  9. Cajucy Cajuman
    terça-feira, 1 de maio de 2012 – 0:50 hs

    Da coluna do jornalista Cláudio Humberto:

    01/05/2012 | 00:00
    Dilma quer acabar ‘feudo do PDT’ no Ministério do Trabalho

    A presidenta Dilma Rousseff pretende acabar com o ‘feudo do PDT’ montado pelo ex-ministro Carlos Lupi no Ministério do Trabalho. Durante as negociações que levaram à escolha de Brizola Neto (PDT-RJ) ao comando da pasta, o Planalto impôs a nomeação de secretário-executivo ligado à Central Única dos Trabalhadores (CUT), do PT. E também a divisão dos cargos da Força Sindical com outras centrais.

  10. Cajucy Cajuman
    terça-feira, 1 de maio de 2012 – 0:57 hs

    E ainda: apenas para se informar, diz Cláudio Humberto:

    01/05/2012 | 00:00
    Lupi, uma vergonha

    Brizola Neto tentava virar ministro do Trabalho desde março de 2011, enquanto organizava brizolistas históricos para destronar Carlos Lupi da presidência do PDT. Para ele, Lupi sempre envergonhou o partido.

  11. CAÇADOR DE PETISTAS
    terça-feira, 1 de maio de 2012 – 7:43 hs

    NINGUEM ME ENGANA, LULA E DILMA, SÃO IGUAIZINHOS E TEM OS MESMOS PROPÓSITOS PARA O BRASIL QUE É A DE SE PERPETUAR NO PODER. DILMA É PAU MANDADO DO FASCISTA LULA O CHEFE DO MENSALÃO DO PT.

  12. katia de Foz
    terça-feira, 1 de maio de 2012 – 22:58 hs

    tomara que seja que nem o Leonel de Moura Brizola mas pra tar com Lupi
    me da medo

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*