Em São José, campanha no material escolar | Fábio Campana

Em São José, campanha no material escolar

O ex-prefeito de São José dos Pinhais e atual deputado federal Luiz Carlos Setim (DEM) está enroscado com o Ministério Público do Paraná. Uma ação pública assumida agora pelo MP-PR pede a condenação de Setim por improbidade administrativa.

O promotor Divonzir Borges sustenta que o ex-prefeito transformava livros didáticos em material eleitoral. Setim utilizava o slogan de sua campanha na capa das publicações. E nas primeiras páginas apareciam mensagens assinadas pelo ex-prefeito e pela esposa Neide Maria Setim, à época secretária de Educação. Tudo com dinheiro público

Para piorar, o ex-prefeito teria declarado ilicitamente dispensa de licitação para a confecção destes mesmos livros para a Secretaria Municipal da Educação.

Procurado pela Folha de Londrina, Setim foi evasivo. Confirmou a existência das mensagens nos livros, falou que “não se lembrava“ do slogan na capa e garantiu que “não deve nada”.
Agora, o Ministério Público pede à Justiça que condene Setim a pagar perdas e danos ao Município de São José dos Pinhais. Um fardo e tanto para quem pretendia se candidatar novamente à Prefeitura da cidade.


6 comentários

  1. pedro dos santos
    terça-feira, 17 de abril de 2012 – 20:49 hs

    E Fazendai Rio Grande ??? quando o ministério público irá fazer justiça e pedir a condenação deste prefeito que está fazendo de gato e sapato essa prefeitura!!!! cores amarelo e azul, tv no terminal com propaganda politica discarada!!! quem anda de ônibus como eu e se ferra, não aguenta mais essa pouca vergonha dessa administração!! e até agora nada. nepotismo e muito mais, e o MP não faz nada….

  2. curioso
    terça-feira, 17 de abril de 2012 – 22:43 hs

    vai precisar de um bom guarda-chuva…

  3. Tiburcio esteve aqui
    quarta-feira, 18 de abril de 2012 – 8:38 hs

    O cara foi prefeito de 1997 até 2004 e só agora conseguiram descobrir isso??? Isso ta com cheiro de armação politica!

  4. Pedrão Colônia Murici
    quarta-feira, 18 de abril de 2012 – 14:38 hs

    Que é isso gente…ele só colocou umas palavras e sua foto e o da sua mulher nos livros escolares para incentivar as crianças a estudarem direitinho…não tem nenhum interesse político nisso…imagina…rsrsrs

  5. saojosedospinhais
    quarta-feira, 18 de abril de 2012 – 15:49 hs

    Jesus Cristo! Se o Ministerio Publico tá pedindo a condenação do Setim por improbridade adminstrativa, por gastar o dinheiro publico em imprimir “propaganda politica” na contra capa de livros didaticos infantis, imagine daqui há uns 15 anos quando julgarem o Pref. Ivan sobre a derrubada do patrimonio historico e as dispensas de licitações de milhoes de reais vão pedir o quê? A FORCA? PELOTÃO DE FULIZAMENTO?

  6. SJP
    quarta-feira, 18 de abril de 2012 – 16:49 hs

    Interessante determinadas preocupações do nosso digníssimo promotor. É claro que tem que zelar pela coisa pública porém suas preocupações poderiam também passar por questões como: derrubada de uma Casarão histórico da cidade em plena calada de uma noite fria; cortes de árvores centenárias em pleno centro; problemas na merenda escolar; problemas sérios no atendimento de saúde; muitas dispensas de licitações o que trouxe o TCE para cá; promoções caríssimas em veículos públicos e tal. Será que não são suficientes para uma série de ações por parte dele. Se já tomou, nossos parabéns, e até poderia vir a público dar satisfações de quando andam suas medidas. Do contrário parece coisa politica e das menores.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*