Horror. Três crianças e um professor mortos à porta de escola judaica na França | Fábio Campana

Horror. Três crianças e um professor mortos à porta de escola judaica na França

Três crianças e um adulto foram abatidass a tiro à porta de uma escola judaica de Toulouse, no sudoeste de França, por um homem que se pôs em fuga numa “scooter”. O Presidente Nicolas Sarkozy considerou o atentado “uma tragédia nacional”.

Testemunhas oculares afirmam que um homem abriu fogo sobre as pessoas que se concentravam à porta da escola Ozar Hatorah, numa altura em que os pais deixavam os seus filhos no estabelecimento de ensino.

As quatro vítimas mortais são um professor de religião de 30 anos e seus dois filhos, de seis e três anos, bem como uma outra criança, de dez anos, indicou o procurador da República Michel Valet. Um adolescente de 17 anos ficou também gravemente ferido.


2 comentários

  1. Palpiteiro
    segunda-feira, 19 de março de 2012 – 17:40 hs

    O antissemitismo está de volta. O anticristianismo está na moda. No Sudão perseguem cristãos e massacram o povo às centenas de milhares. Enquanto isso, a ONU, uma estrutura burocrática que serve de cabide de emprego para terceiro mundistas que não encontram ocupação decente no ocidente, passa a mão na cabeça do carniceiro Al-Bashir, com as bençãos de Lula, da diplomacia brasileira e do PT, que o chamou de “cumpanhero”. Apressam-se em condenar os ataques defensivos de Israel contra o Hamas, mas, toleram vagabundos, ditadores, carniceiros e outros mundo afora.

  2. ATADAILHA
    terça-feira, 20 de março de 2012 – 5:13 hs

    vou citar apenas um dos milhares de ataques defensivos de israel?
    massacre de sabra e chatila.
    5ooo mortos numa bairro palestina no libano,
    ,so mulheres criancas bebes misturado com cavalos e animais mortos.
    entrou o exercito terrorista judeu apoiado pelos cristaos maronitas libanezes.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*