PMDB quer apoio ou neutralidade de Dilma na eleição de Curitiba | Fábio Campana

PMDB quer apoio ou neutralidade de Dilma na eleição de Curitiba

Mais uma pedra no sapato de Gustavo Fruet. O PMDB do Paraná vai encaminhar à presidente Dilma Rousseff (PT), um pedido de apoio a pré-candidatura de Rafael Greca ou sua neutralidade antes e durante a campanha para as eleições de Curitiba.

A solicitação será entregue pelo deputado Henrique Eduardo Alves, líder do PMDB na Câmara Federal, que se reúne com Dilma agora em março, para discutir a composição das alianças dos dois partidos nas eleições municipais de 7 de outubro.

“O Rafael Greca foi cabo eleitoral do Lula e da Dilma nas eleições anteriores. Nós votamos com o Governo e damos sustentação ao mandato da presidente na Câmara e no Congresso Nacional”, informa o deputado federal e secretário-geral do PMDB do Paraná, João Arruda.

“Se o PT tiver candidato próprio tudo bem. Mas se o PT não lançar candidato próprio, e tudo indica que é isto mesmo, o Rafael Greca e o Ratinho Jr, do PSC, são os únicos com legitimidade para receber o apoio da presidente Dilma”, disse João Arruda.

O secretário-geral informa que Henrique Alves vai levar à Dilma, para esta reunião, um levantamento que está sendo elaborado pelo presidente nacional do PMDB, o senador Valdir Raupp, sobre as pretensões eleitorais do PMDB, com projeções de candidatos e focos regionais de tensão entre os dois partidos.

Valdir Raupp, lembra João Arruda, já confirmou o apoio do PMDB nacional a candidatura própria do PMDB em Curitiba e deverá vir ao Paraná, ainda no primeiro semestre do ano, para o lançamento oficial de Rafael Greca.


16 comentários

  1. Mirian Waleska
    sábado, 25 de fevereiro de 2012 – 13:28 hs

    E agora tia?

  2. Diego
    sábado, 25 de fevereiro de 2012 – 15:07 hs

    Grande bobagem, dá até nojo de ler isso…

    Imaginem só: casal de ministros, braço direito da presidente, que tem um candidato escolhido para a eleição não vai receber apoio da presidente. Só idiota acredita nisso. Ainda mais, declarar neutralidade por causa do candidato do Requião!

    É o mesmo que o Beto Richa não declarar apoio ao Ducci por que o PSDB nacional é oposição e o PSB é situação.

  3. ADEMIR*
    sábado, 25 de fevereiro de 2012 – 15:44 hs

    Estão se borrando de medo do Gustavo Fruet, vão fazer de tudo para derrubar, sem exito, com certeza a vitória sera mais saborosa !

  4. Vigilante do Portão
    sábado, 25 de fevereiro de 2012 – 16:40 hs

    Não disse,

    O FRUET vai ficar sozinho.

    Sem tempo de Tv;
    Sem dinheiro para campanha;
    Sem apoio de outros Partidos.

    ELE MERECE.

    Todo o castigo para “vira casaca” é pouco

  5. bico doce
    sábado, 25 de fevereiro de 2012 – 17:05 hs

    O sobrinho do Requião mais uma vez está por fora ao tentar se posicionar como liderança.
    Ele esqueceu que o titio lançou candidatura para a presidência e talvez mantenha essa ambição, mas algumas alas do PMDB e do PT não. Requião rema contra a maré vermelha.
    E tem a candidatura de Gleisinha Paulo Bernardo para o governo do Paraná, os desafetos do titio. É nisso que a Dilminha está preocupada, bem onde Greca e os Requiões são obstáculos.

  6. Viezzer
    sábado, 25 de fevereiro de 2012 – 17:34 hs

    A presidente Dilma Rousseff já demonstrou que tem personalidade…E se ela quiser apoiar o candidato A, B ou C…Assim ela fará…

  7. umurama - noticias
    sábado, 25 de fevereiro de 2012 – 22:00 hs

    governador beto richa é a mesma coisa que está acontecendo em umuarama o deputado estadual FERNANDO SCANAVACA DIZ QUE É DA BASE DO GOVERNO FEZ CAMPANHA ABERTA PARA O OSMAR DIAS , JUNTO COM O ATUAL PREFEITO MOACIR SILVA, NAO SE ENGANE GOVERNADOR ELES VAO DE GLEISE HOFFMAN EM 2014 É O MAIOR TRAÍRA , MAS FALSO QUE NOTA DE TRES, JÁ ESTÁ FAZENDO CAMPANHA PARA FILHA DO OSMAR DIAS EM CURITIBA PARA VEREADORA. ABRE O OLHO GOVERNADOR.

  8. DO LITORAL
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 0:23 hs

    NÃO SEI PORQUE TANTA EXIGÊNCIA DO PMDB PARANAENSE, SE OS MESMO ESTÃO SENTADINHOS NO COLO DO BETO RICHA, DIGA-SE ROMANELLI FURA PEDÁGIO, ALEXANDRE CURI, ET CATERVA.

  9. Lanbari de valeta
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 1:00 hs

    Certo essa posição, o vice do Brasil é do PMDB em politica não existe romantismo,é toma lá da cá,coisa do PT,temos esse casal de podre do governo federal,no nosso Paraná,pra que livrar a cara desses 02 .esta certo João Arruda.

  10. Walter Cipriano Testa
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 12:10 hs

    A Dilma ao lado do Greca e’ no minimo insolito.
    O Greca era da Juventude da Arena e depois do PDS do General Figueiredo. Ou perderam o memoria?

  11. Wilson Fisk
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 14:44 hs

    E a água no barco esta aumentando…

  12. Joao Carlos
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 15:18 hs

    A presidente Dilma sabe muito bem como estao as pesquisas em Curitiba….So da Gustavo Fruet….Futuro prefeito…

  13. Luciano
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 15:25 hs

    Se for por justiça acho que a Dilma devia apoiar o Ratinho porque ele foi o unico que sempre esteve ao dela é do Lula nos mandatos então nada mais justo do que os caras apoiem ele agora.

  14. Emerson
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 16:04 hs

    Olha a cara do sujeito…

  15. cleusa ventura
    segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012 – 10:30 hs

    nao muda nada. se o fruet nao ganhar no 1 turno, certamente estara no 2. ai, dilma estara liberada para apoia-lo.
    A vitoria de Fruet é iminente.

  16. CAÇADOR DE PETISTAS
    segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012 – 10:45 hs

    Pode vir também a companheira Dilma pois, lembrem-se companheirada, nem o demagogo Lula da Silva conseguiu com sua lábia eleger sua companheirada.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*