Dilma promete 'reconstruir' a base da Antártida | Fábio Campana

Dilma promete ‘reconstruir’ a base
da Antártida

Dilma Rousseff mandou divulgar uma nota sobre o incêndio que destruiu a Estação Comandante Ferraz, base do Brasil na Antártida. A presidente declarou-se “consternada”, solidarizou-se com as vítimas e anunciou a reconstrução das instalações. Diz a nota:

“A presidenta reafirma a importância do programa de pesquisas desenvolvido na Estação e elogia a abnegação e o desprendimento dos brasileiros que lá trabalham. A Presidente manifesta, ainda, a firme disposição do país de reconstruir a Estação Antártica Comandante Ferraz.”

Em conversa com o ministro Celso Amorim (Defesa), Dilma determinou “a adoção de todas as medidas necessárias para salvaguardar a segurança dos cientistas, militares e visitantes que se encontravam na base.”

Dilma telefonou na tarde deste sábado (25) para o presidente do Chile, Sebastián Piñera. Agradeceu o apoio no socorro e no resgate dos sobreviventes do incêndio, alojados numa base chilena na Antártida.

Na nota, Dilma agredece também “o apoio e a solidariedade prestados pelos governos da Argentina e da Polônia”, que também mantém instalações próximas à base brasileira. Aqui, a íntegra do texto divulgado pelo Planalto. Mais informações sobre o incêndio aqui, aqui e aqui. Abaixo, dados sobre as instalações atingidas pelo incêndio:


9 comentários

  1. Mirian Waleska
    sábado, 25 de fevereiro de 2012 – 23:47 hs

    Pois é, “abnegação e desprendimento” exatamente o que lhe falta para governar esse país Dona Dilma. Aliás, a senhora não tomaría uma aspirina pelo Brasil.

    Se pegar fogo no Planalto, por favor, não reconstrua.

  2. Vigilante do Portão
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 7:57 hs

    KKKKK

    Dou o exemplo do “Minha Casa, Minha Vida”.

    Apenas 5% das casas para famílias de baixa renda – até R$1.600,00 – foram construídas.

    O dinheiro da parceria com a União – o governo Federal irria entrar com até R$15mil p/ habitação –
    NÃO FOI LIBERADO.

    No caso dos imóveis para a Classe Média, esse andou,
    É só FINANCIAMENTO e com juros de mercado.

  3. Parreiras Rodrigues
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 10:36 hs

    Não “reconstruiu” Antonina, Morretes, as cidades da região serrana no Rio.

    Das obras do São Francisco, só andam as tocadas pelos recos do Exército.

    Agora mesmo, no Globo Rural, reportagem que mostra a incompetência do Incra no atendimento a assentamentos na região do rio Paraguaçu, na Bahia. A maioria dos assentados, sem irrigação em seus lotes, os abandonaram.

  4. Só rindo mesmo
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 10:40 hs

    e tem gente que acredita

    kkkkkkkkkkkkkk

    país de descerebrados

  5. Parreiras Rodrigues
    domingo, 26 de fevereiro de 2012 – 18:01 hs

    Será a mesma disposição para com as localidades abaladas por enchentes e deslizamentos?

  6. porrete de lapacho
    segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012 – 7:13 hs

    palavras ao vento..

    esqueçam …promessas dessa terrorrista são garantias de que nada será feito

    se não conseguiram manter os equipamentos em boas condições de funcionamento, como terão capacidade para construir novos??

    o pt está destruindo o Brasil, nesse episódio as verdades começam a se espalhar pelo mundo

  7. Mara Montezuma Assaf
    terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 – 11:40 hs

    Sim , tem toda a lógica petista Dilma afirmar que vai reconstruir a base incendiada , blábláblá…Lógica nenhuma seria ter investido, modernizado a base …que certamente não teria pegado fogo se assim fosse. Já que para melhorar precisa primeiro pegar fogo, toquemos fogo nos ministérios de Dilma URGENTE

  8. Ernesto
    terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 – 14:22 hs

    “O Globo” acusa Dilma pelo desastre da base da Marinha na Antártida, diz que não se pode excluir essa possibilidade.
    Utilizando o mesmo raciocínio, não podemos excluir a possibilidade do jornal ser corrupto e ter como objetivo eleger a “oposição sem rumo e fraquinha” para continuar os privilégios que tinha no governo FHC. Nenhuma possibilidade deve ser descartada!

  9. Mirian Waleska
    terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 – 18:15 hs

    Mara M. Assaf.

    Vamos lá Mara, voce coloca fogo nos ministérios e eu no Congresso. Com dois palitos a gente inicía uma mobilização Nacional. Que acha, quando poderia ser?
    Tô com algumas férias vencidas e uma graninha prá chegar lá.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*