PEC proíbe coligações nas eleições proporcionais | Fábio Campana

PEC proíbe coligações nas eleições proporcionais

Da Roseli Abrão

Apesar de ser um dos pontos da reforma política em debate no Congresso Nacional, o deputado Duarte Nogueira, do PSDB de São Paulo, apresentou uma Proposta de Emenda à Constituição proibindo as coligações nas eleições proporcionais (vereador, deputado estadual e deputado federal).

Segundo matéria da Agência Câmara de Notícias, o deputado sustenta que a experiência dos últimos 25 anos revela que essas coligações não atendem ao interesse público.

— Encerrado o pleito, os partidos coligados não defendem projeto comum, como era de se esperar, afirma.

Segundo Duarte Nogueira, o projeto fortalece os partidos e a representação popular. Ele diz que hoje, com as coligações, o eleitor é enganado, porque vota acreditando estar apoiando determinado programa político que depois, na prática, não se materializa

— Essa realidade se agrava quando verificamos que o voto em determinado candidato de um partido acaba auxiliando a eleição de candidato de outra agremiação que, após eleito, passa a defender políticas públicas extremamente diversas daquelas defendidas pelo partido ao qual o eleitor depositou o seu voto, avalia.

Para o deputado tucano, essa situação contribui para a falta de credibilidade dos partidos políticos.


6 comentários

  1. valmir
    sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 – 10:57 hs

    parabéns deputado é isso mesmo fim das coligações já é por ai que a politica brasileira começa melhorar, só com o fim das coligaçõs partidárias a politca brasileira deixa de ser um negócio para varios candidatos.

  2. Pitongo
    sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 – 12:04 hs

    Neste caso o PSD sifu. Bem feito para o Sciarra que trata os funcionários sem a mínima educação.

  3. tony
    sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 – 16:39 hs

    Que idéia mais idiota esta. Se nem a Lei da Ficha Limpa passou, não vai ser uma bizarrice como esta é que vai prosperar. ACarlos

  4. Dorival Selbach
    sexta-feira, 6 de janeiro de 2012 – 20:18 hs

    Não o conheço deputado, mas parabéns. Desta forma não teremos mais certas aberrações políticas que temos assistido nos últimos anos. Espero, e os brasileiros de bem esperam também, que sua iniciativa comece já nestas eleições que estão chegando. A sociedade merece políticos com legitimidade, ficha limpa, e densidade eleitoral, sem precisar negociar com partidos nanicos de aluguel.

  5. Pedrão
    sábado, 7 de janeiro de 2012 – 0:01 hs

    É mais fácil uma vaca voar do que aprovar essa PEC, voces acham que a maioria dessa canalhada quer mudar alguma coisa?, Há mais de vinte anos que se fala nisso e nada acontece. Só vai acontecer alguma mudança depois que o povo perder o respeito por essa gente.

  6. sábado, 7 de janeiro de 2012 – 21:10 hs

    Parabéns deputado, já votei em um e elegi o outro, que decepção. Não acredito que passe esta PEC, mas acredito na força da perseverança..

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*