Gleisi elabora ação de auxílio a Estados atingidos pela chuva | Fábio Campana

Gleisi elabora ação de auxílio a Estados atingidos pela chuva

A ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil) interrompeu seu período de recesso e volta hoje a Brasília por conta dos estragos provocados pelas chuvas, principalmente nos Estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Ela agendou reunião à tarde com as equipes do ministério da Integração Nacional, Ciência e Tecnologia e Defesa Civil para acertar ações de auxílio aos Estados mais atingidos pelas chuvas neste início de ano.

Gleisi falou pela manhã com a presidente Dilma, em férias na Bahia, e acertou com a chefe seu retorno a Brasília. Em seguida, a própria presidente conversou com o governador mineiro Antonio Anastasia para oferecer ajuda federal ao Estado, onde ocorreu um acidente grave por conta das chuvas na cidade de Ouro Preto.


10 comentários

  1. terça-feira, 3 de janeiro de 2012 – 22:29 hs

    Agora vai………..assim como o pessoal de SC está esperando há 5 anos e o RJ está esperando há 1 ano ….agora vai…fazer mais promessas

  2. claudio
    terça-feira, 3 de janeiro de 2012 – 23:43 hs

    Espero que esta reunião não fique só no cafezinho. Isto porque os desabrigados das enchentes do ano passado no Rio de Janeiro estão até hoje a espera de ajuda do governo que só prometeu e não cumpriu nada.

  3. Vigilante do Portão
    quarta-feira, 4 de janeiro de 2012 – 2:22 hs

    O JN mostrou como são esses “planos de ajuda”.

    Prometem, prometem e não mandam o dinheiro.

    Tanto é verdade, que a verba de “emergência” para socorrer as vítimas do desastre do ano passado no RJ, ainda não foram liberadas.

    O Secretário de obras disse:

    A verba está no orçamento, só que não havia “fisicamente” o dinheiro…

  4. Luis Carlos Break
    quarta-feira, 4 de janeiro de 2012 – 8:39 hs

    Não ta fazendo nada alem de sua obrigação. Ou é socorro político a base de apoio que teve Dilma?

  5. Paulo Siqueira
    quarta-feira, 4 de janeiro de 2012 – 9:35 hs

    Aqui em Rio Negro, divisa do Paraná com SC, ainda estamos aguardando a liberação de verba do ministério do PT dos estragos das enchentes de 2009. Detalhe somos do sul (não de Pernambuco) e o prefeito é tucano.

  6. Revoltado
    quarta-feira, 4 de janeiro de 2012 – 10:11 hs

    Esta é a futura governadora do Paraná que vai assumir em 2015 no lugar do desgovernador Beto Richa, se vencer o Senador Requião nas urnas.

  7. Mar
    quarta-feira, 4 de janeiro de 2012 – 10:13 hs

    A ministra não faz mais do que sua obrigação, pois para isso é paga, para trabalhar para o povo brasileiro. Afinal, as férias já acabaram, é hora mesmo de começar a trabalhar, mormente diante da gravidade da situação. Ministra, faça jus ao seu salário, que não é pouco, e isso vale para todos os políticos que recebem do povo.

  8. Parreiras Rodrigues
    quarta-feira, 4 de janeiro de 2012 – 11:35 hs

    O caso do ministro pernambucano, aquele dos 90 por cento de verbas direcionadas pro seu Estado, com fins declaradamente eleitoreiros, seria, num país sério, motivo prá demissão sumária.

  9. Kibinho
    quarta-feira, 4 de janeiro de 2012 – 12:05 hs

    Esta é a epoca que mais chove no país, tem que saber e sem férias no proximo ano Ministra !

  10. quarta-feira, 4 de janeiro de 2012 – 12:34 hs

    Promessas de novo ? O governo PeTista só promete, faz propaganda do Brasil dos sonhos mas a realidade é bem outra.
    Basta de promessas vazias!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*