Francischini pode ser candidato a vice em Curitiba | Fábio Campana

Francischini pode ser candidato a vice em Curitiba

Do Felipe Patury

O prestígio angariado pelo deputado Fernando Francischini em seu primeiro ano de mandato é tal que o PSDB pretende indicá-lo para o posto de vice na chapa do prefeito de Curitiba, Luciano Ducci (PSDB). Não é um posto trivial. Se Ducci conseguir se reeleger, seu vice tem grandes chances de herdar parte do mandato. Isso ocorrerá se o prefeito decidir renunciar ao cargo em 2014 para concorrer a um mandato federal. Ex-delegado, Francischini é ligado ao governador paranaense Beto Richa.


50 comentários

  1. adalberto
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 19:07 hs

    Se o Franceschini for vice do Ducci, eu que sou policial mais minha esposa e parentes próximos não votaremos no Ducci, pois o Franceschini mostrou não ser merecedor de voto de policia ao dizer que soldado querer receber 7600,00 era brincadeira, ou seja ele é da linhagem de quem trabalha receba pouco.

  2. lalanja
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 19:24 hs

    entao nao precisava ser deputado. So ele nao tem outros nomes. Deve cumprir o mandato. Chega politicos elege e um ano ja quer outro cargo.

  3. Honório
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 19:32 hs

    Caro Adalberto.
    Se vc parar e pensar, verá que o Delegado Franceschini está corretamente certo. O senhor deve saber muito bem qual é o valor
    do mínimo no Brasil. Não desmerecendo a classe policial, ganham
    muito bem. Aconselho a procurar outra profissão mais rentável, eu
    inclusive já tomei esta decisão em minha vida, mudei de profissão

  4. Capão da Imbuía
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 19:36 hs

    sou mais o derosso para vice. kkkk…

  5. Alberio
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 19:49 hs

    O Dep. Francischini falou uma grande verdade. Pra ganhar 7600 tem que fazer concurso pra ganhar esse valor. Quando um Soldado PM faz concurso é pra nivel médio e salário de uns 3000. Depois que tá lá dentro querer ganhar 7600 é demais.
    Pq não questionou o salário antes de ter entrado…

  6. Joao Carlos PM
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 19:53 hs

    Adalberto vc é um idiota mesmo. O único cara que nos defende é o Francisquine. Acredita nesses caras que Sao candidatos a vereador como o recalcado daqueles dois Subs vendidos para o Cel Furquim. Tenho 15 anos na gloriosa e se ficarmos juntos, sem brigar em casa, vamos ter o melhor salário do Brasil. Agora bater no nosso único amigo acredtando na carochinha é demais…

  7. Fernando Maia
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 19:55 hs

    Só se for vice do Gustavo… Que é para quem ele liga a cada dois dias falando mal do mundo…

  8. José Andrade
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 20:04 hs

    Esses vão cair do trampolim…

  9. G. Pm
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 20:11 hs

    Com certeza fr

    ancischini e a melhor escolha pra vice…. Sempre defendeu o parana e principalmente os militares. Realmente 7 mil como salario inicial.. Eh incabivel. Devido a esse tipo de atitude de militares com pouca informacao que ate agora n consegimos nada… Infelizmente policiais com pouca informacao vao afastar da tropa o unico deputado que deu a cara a tapa pra nos defender.

  10. sargento p.
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 20:25 hs

    Eu não concordo. Acho o Francischini uma pessoa muito séria e um político muito honesto. Ele sempre batalhou pela nossa classe, já fui um dos nossos. Com certeza não souberem entender o que ele disse. Não ligue Francischini isso é confusão da oposição.

  11. Pedrão
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 20:26 hs

    É isso aí Francischini, não de bola para a oposição. Eles não sabem o que dizem e precisam chamar a atenção de algum jeito. Não possuem luz própria como você.

  12. Paulo PM
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 20:27 hs

    Parabéns para o prefeito Luciano Ducci se essa noticia for verdade! precisamos de alguem igual ao deputado federal Francischini que tem pulso firme para acabar com esses bandidos de Curitiba, garanto que com a experiencia dele dentro da polícia trabalhando nas ruas prendendo VAGABUNDO pode ajudar muito e estruturar melhor a guarda municipal.

  13. Alaor
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 20:32 hs

    É pessoas igual ao Francischini que precisamos para nossa Curitiba, Adalberto deve estar preocupado com algum cargo que deve perder! Parabéns prefeito e ao PSDB pela Ilustre e certa escolha.

  14. LUIS
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 20:48 hs

    nao concordo, votei nele, tem que cumprir o mandato ate o fim. DEROSSO VICE.

  15. quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 21:08 hs

    caso do Dep. Franceschini seja vice de Ducci, eu que sou policial e minha familia, apoiaram o mesmo, pois dentre muitos que falam, ele é um dos poucos que da a cara e se pronuncia em favor da nossa classe.

  16. quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 21:13 hs

    Vai ser ótimo para Ducci e para o povo curitibano que reconhece Francischini como um dos melhores Deputados do Estado. Tomara que essa indicação se confirme.

  17. quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 21:16 hs

    Apesar de Francischini ser Dep. Federal é muito querido e eficiente no Estado do Paraná, foi o que quis dizer.

  18. amir
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 21:35 hs

    Esse tipo de noticia eu já li aqui, quando o deputado Franceschini disse que seria o Secretário de Segurança Pública do Paraná, então é esperar para ver.

  19. CarlÃO DO POVO
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 21:53 hs

    se não for o Fransceschini que é um bom nome, tem que ser o Neiy Leprevost vice do nosso Prefeito Luciano Ducci.

  20. AMARAHAL
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 22:13 hs

    É uma pena, Franceschini é importante em Brasília e lá tem espaço político para se destacar, aqui, como coadjuvante de prefeito vai quebrar a cara………….. e também sua carreira política.

  21. quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 22:17 hs

    Se for vice do Fruet, voto nele. Por favor Deputado, siga sua trajetória sem subserviência da politicagem.

  22. FALTA COMBINAR COM OS PARTIDOS
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 22:22 hs

    SÓ QUERO VER OS OUTROS PARTIDOS ACEITAREM ESSA CONDIÇÃO DO PSDB.

    DAQUI A POUCO O PAU VAI COMER E QUERO VER COMO VAI FICAR ESSA TAL ALIANÇA DOS PARTIDOS DE APOIO.

    NO MAIS, QUERIA VER O POSICIONAMENTO DESTE IDIOTA FRANCISCHINI SOBRE A CONDIÇÃO DO HOSPITAL DA PM QUE TÁ UMA VERGONHA POIS JÁ NÃO TINHA CONDIÇÕES DE ATENDER OS POLICIAIS E SUAS FAMÍLIAS E AGORA ENTÃO COM OS DEMAIS SERVIDORES FICOU UM CAOS.

    QUER CONFERIR? TENTE LIGAR NO 0800 QUE O GOVERNO DO ESTADO INFORMOU NO JORNAL E VERÁS SE CONSEGUEM SEQUER SEREM ATENDIDOS.

  23. Cesar
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 22:42 hs

    Eu votei no Franceschini e prefiro que ele continue fazer o bom trabalho em Brasilia do que ser vice em Curitiba, até porque não deixaram ele na SESP onde tenho certeza que nós estaríamos em melhor situação de segurança em Curitiba e no Estado.
    Eu estive na reunião dos policiais militares e civis com o Franceschini e Mauro Moraes e o que o adalbetro escreveu só pode ser dito ou escrito por alguém que não estava presente ou não entendeu o que o Franceschini disse, ele afirmou que o valor de 7600,00 não era uma realidade para reivindicar e que o valor de 3600,00 a 4000,00 iniciais o que com vantagens por tempo de serviço elevaria, entendia como possível e os presentes apoiaram, é logico que gostaríamos de ganhar 7600,00, oito ou nove mil mas vamos ser realistas, vamos lutar por salários dignos, melhores condições de trabalho com equipamentos, viaturas, treinamento e número de policiais.
    Mas o governador e o Secretário que não continuem a brincar com a segurança pública, NÓS VAMOS PARAR.

  24. BOMBEIRO ANTONIO
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 22:46 hs

    Sem dúvida nemhuma, com francischini de vice do Dr Ducci, será uma eleição com 70% dos votos validos, não tem pra ninguém

  25. lucas do cic
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 22:53 hs

    Subsídio da PM “esquenta” retorno dos trabalhos
    Posted on 19 de janeiro de 2012 by Fogaca
    4

    Mauro Moraes : emenda de R$ 150 mi garante aumento (foto: Franklin de Freitas)

    A implantação do chamado “subsídio”, que prevê a incorporação das gratificações ao salário dos Policiais Militares do Estado deve esquentar os debates logo no reinício dos trabalhos da Assembleia Legislativa, em fevereiro. A primeira proposta apresentada pelo governo, pela qual o salário base dos PMs em início de carreira passaria dos atuais R$ 2,6 mil para R$ 2,8 mil não agradou a categoria. Parlamentares da própria base governista defendem que o valor seja de pelo menos R$ 3,6 mil, mas o Executivo alega que não pode promover um aumento maior neste momento porque os gastos do Estado com pessoal já estão no limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

    A “PEC do Subsídio” foi aprovada em 2010, ainda no governo Orlando Pessuti (PMDB), e previa que o novo modelo de remuneração começaria a ser implantado, gradualmente, a partir de abril do ano passado. Alegando necessidade de segurar gastos para reequilibrar as contas do Estado, o governo Beto Richa (PSDB) adiou a medida, iniciando estudos para promover a implementação aos poucos, e de acordo com as limitações financeiras do Executivo.

    Além disso, foi formada uma comissão especial, composta por representantes do governo e da corporação, para discutir o assunto. Na primeira reunião, realizada na última segunda-feira, o Executivo apresentou um anteprojeto, que ficou aquém das expectativas dos PMs.

    Por conta disso, e da demora na definição sobre o processo, policiais da Capital descontentes utilizaram desde terça-feira, a rede interna de comunicação da corporação para protestar tocando músicas como o sucesso do cantor sertanejo Michel Teló, “Ai se eu te pego”.

    O presidente da Associação de Defesa dos Direitos dos Policiais Militares (AMAI), coronel Eliseu Furquim, confirmou o protesto. “A coisa vai demorando tanto tempo, procrastinação é tão longa, que as pessoas ficam extremamente irritadas e de repente passam ser incontroláveis”, explicou.

    Furquim afirmou que a entidade não apoia esse tipo de manifestação no momento, até para não prejudicar as negociações com o governo. “No momento a entidade não analisa esse tipo de protesto. Estamos ultimando esse processo e não queremos ser a causa de outro retrocesso”, explicou. Uma nova reunião foi marcada para o próximo dia 23, para tentar superar o impasse.

    Presidente da comissão de Segurança da Assembleia, o deputado estadual Mauro Moraes (PSDB), participou da reunião de segunda-feira, e afirmou que essa primeira proposta do governo “não tem nenhum nexo”. Segundo ele, uma emenda de R$ 150 milhões aprovada pela Assembleia ao Orçamento do Estado, garantiria os recursos necessários para um aumento maior. “Essa proposta não tem sentido. Acredito que teremos um aumento gradativo, mas dá para chegar a pelo menos R$ 3,6 mil de salário inicial para os praças”, avalia.

  26. salete cesconeto de arruda
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 22:57 hs

    Aí o povo vai dizer que aquela Secretaria foi criada para isso.
    Não?!
    Alertar pode?

  27. Valdecir
    quinta-feira, 19 de janeiro de 2012 – 23:03 hs

    Pro Alberio, pra começar vc deve ser vigilante ou porteiro (nada contra estas profissoes) não conseguiu entrar na policia fica ai criticando, se tua vida vale R$3.000,00 a minha não tem preço, espero q vc nunca precise de policia ou bombeiro, mas tenho certeza q um dia vai precisar. Estou a mais de quinze anos na policia e ainda não consegui ganhar R$3.000,00, este salario q vc mencionou deve se referir a policia federal.

  28. PM Aposentado
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 0:45 hs

    Francischini, Vc é o cara, 130 mil votos é de calar a boca de muita gente, Vc esta preparado para ser vice do Ducci, do Guga, do Camundongo. Pronto para ser secretario de Segurança. Vc é o unico politico que nesses últimos dias tem acompanhado os Policiais, tem defendido aqui no Paraná e Brasilia tambem. Não é a toa que vc é o Vice Presidente do Conselho nacional de Segurança. Um pouquinho de paciência e vc mostra quem é vc.
    Parabéns, ganhei meu voto, eu e minha familia estamos orgulhosos com vc. Sucesso.

  29. MARIO MONTEIRO
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 1:08 hs

    O Dep Francischine, esta fazendo um trabalho honesto, ajudando uma categoria da qual ele já fez parte, pede por vencimentos dignos, sou representante do fotraseg, e estava na reunião, vi um discurso coerente, de alguém buscando o melhor possível e não a ilusão,querendo implantar algo paupavel dentro da realidade financeira do estado, e que pode a vir ser o melhor vencimento dos policiais do brasil.

  30. Yuri
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 1:43 hs

    A gente, o que é isso? Então quer dizer que o Ducci vai fazer uma administração de dois anos, para ser candidato a deputado federal. Cada o comprometimento com a população?

  31. Francischini
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 3:18 hs

    Vcs acreditam em quem??? Em quem não precisa de vcs e atende por amor aos amigos e a profissao. Ou aqueles que usaram a vida inteira da desgraca de todos nós para se manter no poder de entidade. Pagam a iguais para apoiar os superiores, traindo os próprios pracas. Causar discordia entre amigos como nós! Esqueceram que Sou Caveira!!!! Fui o unico Deputado que a pedido dos meus amigos Policiais e Bombeiros do Paraná, viajei todo o Brasil apoiando-os. Entrei com Habeas Corpus para liberar os amigos Bombeiros do RJ, promovi diversos eventos e apoiei deslocamentos para Brasilia no interesse da PEC 300, falo diarimente com o Governador Beto Richa sobre a necessidade de pagar melhor nossos policiais e sei que vamos conseguir exito. Estou do lado de onde vim, da tropa. Acho que estou perdendo os amigos que mais queria ajudar, uma pena!!! Abs…

  32. Bruninha
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 7:05 hs

    Imaginem a cena: os PSDBostas pedindo ajuda da FORÇA NACIONAL para os PETRALHAS…seria ATESTADO de INCOMPETÊNCIA…

  33. joao pereira
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 8:47 hs

    Excelente nome , tem trabalho é sério é competente é BETO RICHA com certeza ficará ainda mais forte a chapa de LUCIANO DUCCI, e´pra vencer ja no Primeiro Turno;

  34. Marcos
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 8:58 hs

    Pô Adalberto, policial federal recebe R$ 7600 inicial, só estudar meu irmão…..deixa de chororo…..

  35. Claudio Dalledone Junior
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 10:03 hs

    Deputado o que decidir estarei contigo, sempre,na mesma trincheira!!!

    CLAUDIO DALLEDONE JUNIOR.

  36. Aparecido
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 10:18 hs

    Se realmente o Francischini for vice do atual Prefeito, ira puchar nuitos votos e quem sabe assim o Luciano se reeleja, pois o Francischini é um dos poucos politicos serios. E realmente 7.600,0 é uma brincadeiraaaa, e de muito mal gosto, não que não merecão, mas é fora da realidade do Brasil. Em frente deputado, eu e minha familia estamos com o senhor!!!!

  37. Joao M
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 10:34 hs

    Caro (FALTA COMBINAR COM OS PARTIDOS) se o senhor esta encomodado com o hospital da policia, com o 0800 manda uma carta ao Governador! estamos falando a nivel Municipal e com toda a certeza se o Dep. Francischini tivesse na secretaria de Seg. nao estaria como esta hoje. Se aperfeiçoe sobre orgãos estaduais e municipais.

  38. Diogo Costa
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 12:00 hs

    Sé esse Adalberto pra falar tanta besteira…o Fancischini é o único politico que luta pela segurança pública do paraná, além disso saia nas ruas e pergunte do francischini, eu nunca vi uma aceitação igual, eu já fiz o teste, seja jovem ou velho a rejeição é nula e a adimiração é enorme, depois de ter denunciado e derrubado 6 Ministros já está na hora de fazer a mesma limpa em Curitiba… é Dr. Ducci, não sou seu fã, mas se escolher o Francischini como vice vc vai acertar.

  39. Juliana
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 12:06 hs

    O mínimo que o Ducci pode fazer é colocar um vice do mesmo partido do governador, isso dará força a gestão, agora pergunto, hoje em toda a Curitiba em qualquer partido, tem alguém melhor que o Francischini? Só não vão colocar ele se tiverem com medo dele derrubar todas as falcatruas que todos nós sabemos que tem…no governo federal foram os ministros agora no municipal serão secretários e vereadores, estou louca pra ver, rsrsrsrsrsrsr…vai nessa Francischini.

  40. Diego Francisco
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 12:13 hs

    Tenho 16 anos queria que o meu primeiro voto fosse Gustavo e Francischini, quero ver Curitiba sem drogas, mas tente ser vice do Gustavo, o Ducci ninguem conhece. Francischini aonde vc for estou com vc.

  41. Sgt Solek
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 12:34 hs

    Francischini independente de ser vice prefeito eu minha familia com certeza iremos colaborar com votos em favor do mesmo, conheço o mesmo e trabalhei como o mesmo desde quando era Policial Militar do antigo Choque…. Sempre defendeu o Parana e principalmente os militares ( Soldado). Como Infelizmente sempre acontece policiais com pouca informação vão afastar á tropa do unico deputado que deu a cara a tapa por varias vezes é só acompanhar reportagens enteriores .
    Sgt Solek…

  42. Cb Gustavo
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 12:47 hs

    O Dr. Franscisquini, com certeza terá meu apoio e dos meus parceiros devido ao fato que , ele pode ser de grande valia para nossa classe e pena que não foi o secretario de segurança, com o conhecimento que tem na area teriamos melhorias tanto salariais como em equipamentos e emprego de policiamento…..

    Gustavo Caveira 2012

  43. Sgt Fontana
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 12:51 hs

    Pingo no “is”

    Companheiros Trabalhadores,

    Estive presente neste Evento do início ao fim, sou o Sargento Orélio Fontana Neto, e assim AFIRMO: é preciso colocar os pingos nos “is”. É de suma importância perceber que a última reunião ocorrida no dia 17 em conjunto com a SIPOL, foi no intuito de afinarmos o discurso quanto a nossas demandas que recaem sobre a regulamentação da Emenda 29. A reunião é o momento do discurso e da troca de ideias. Assim, além da presença da tropa contamos com o Deputado Federal Francischini e o Deputado Estadual Mauro Moraes.

    É de suma importância que percebamos que o Dep Francisquini e o Deputado Mauro Moraes estavam lá defendendo e fazendo o papel de representação dos interesses da classe. Abram os olhos, eles não foram ao evento tripudiar, brincar ou fazer discursos vazios, foram lá defender e representar interesses, o que imediatamente cumpre com o objetivo da posição que ocupam. Há sites direcionados para aos PMs que estão DETURPANDO os fatos. Companheiros, o que estão fazendo é um desserviço para a classe policial, à medida que as criticas infundadas dirigidas aos dois parlamentares são absolutamente VAZIAS DE CONTEÚDO. E reafirmo tal posição, pois estão querendo induzi-los a erro. Não esqueçamos que esse momento é histórico dentro da PM, em que o Comando Geral abriu um canal de negociação, e ao mesmo tempo, há dois deputados em especifico procurando aprofundar esse mesmo debate. Bem como, estamos trabalhando em conjunto com a Polícia Civil, isso são novidades históricas para o Estado do Paraná e para as corporações.

    Assim, é infundado tratar como inimigo quem está ao nosso lado, esse site que está divulgando inverdades e construindo mentiras sobre fatos ou fazendo leituras particulares não merecem nossa confiança. Como exemplo, a expressão do Deputado Francisquini quanto ao valor de R$ 7.600,00 “ser brincadeira” foi algo coloquial e ele falava do factível. Quem ainda aqui acredita nas histórias da carochinha? O Deputado expressou tal frase não porque os PMs não mereçam um salário de R$ 7.600,00, mas sim em função da INVIABILIDADE DE TAL SALÁRIO SER IMPLEMENTADO PELO GOVERNO, até porque vivemos num modelo de Estado Gerencial. Por que os PMs não mereceriam tal salário? Os PMs MERECEM, no entanto esses valores extrapolam o óbvio quando percebemos que outras categorias como por exemplo a de professores universitários que são categorias das quais se exige além da formação superior ainda outros requisitos que vão além da pós-graduação e mesmo assim percebem salários inferiores aos valores pleiteados neste momento por nossa categoria Policial Militar. Isto revela um paradoxo, o de que ainda que o governo tenha sido omisso em nossas correções salariais, não nos tenha valorizado como deveria ter feito precisamos negociar. Assim numa mesa de negociação, precisamos negociar o FACTÍVEL, o que agrade ambos os lados (governo e policiais militares), valores que possam ser pagos. Se vocês refletirem de forma equilibrada tenho certeza de que o valor de R$ 7.600.00 ou algo próximo disso seria uma proposta irresponsável, no sentido de que ela não seria verdadeira e muito distante do que é real hoje, ou seja, R$ 2.438,00. Companheiros, reflitamos de forma responsável!

    O importante não é criar inimigos e sim verificar a verdade que foi dita, se o Deputado Francisquini não acreditasse na causa e na necessidade de dignificar mais a PROFISSÃO PM ele não estaria lá! Até porque, não esqueçam uma vez militar sempre militar e ele está lutando pela classe. Não se orientem por blogs e sites que estão desvirtuando os fatos! Quem precisa ser cobrado ou rechaçado não é alguém que se dispôs a conversar e levar os anseios da tropa para o governador, essa postura se assim mantida afastará de nós aqueles que querem nos defender. Então a fala do Deputado não foi desrespeitosa, ou jocosa, ele estava falando do exequível! E alguns querem puni-lo por isso? Não façam isso. Estão criando com inverdades falsos inimigos. O Deputado Francisquini, não esqueçam, teve papel fundamental na última greve ocorrida no Rio de Janeiro e foi porta voz daqueles companheiros desde o começo, fazendo publicamente, declarações em defesa da ANISTIA.

    Agora me digam é essa a receptividade que a tropa paranaense dá para o Deputado Francisquini? Os mais antigos no serviço pensem e respondam quantas vezes tivemos um Deputado Federal e Estadual ao nosso lado?

    Mirem e acertem o alvo, pois as informações quanto ao Deputado Francisquini são caluniosas e o afasta da tropa. Percebam aqueles que querem manipulá-los. Agora o alvo parece ser o Deputado Mauro Moraes. Então, tropa preste atenção e não acredite em homens que se acham acima da verdade e “bondosos”, eles são maus e nem sempre lutam pela nossa classe, parecem mais lutar em nome da sua vaidade e em disseminar a discórdia, num momento em que precisamos de UNIÃO.

    Sgt Orélio Fontana Neto

    Saudações Militares,
    Sgt Fontana

    Contato: (041) 84335498

  44. Sgt Solek
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 13:10 hs

    Francischini,independente de ser vice ou não com certeza eu e minha familia inteira e as pessoas mais proximas votamos nele, devido ao fato que conheço o mesmo desde quando era Policial Militar do antigo Choque. E ainda varias reportagens anteriores mostran o mesmo e defesa da policia militar do parana principalmente do (Soldado). Com certeza reportagens e comentarios assim somente afastam a tropa do unico deputado que dá a cara a tapa em defesa nossa.

  45. raposão
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 18:03 hs

    Que tal o Custódio de vice. Pelo menos, ele já está concentrado e tem um “belo” discurso…

  46. Zeca Caco
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 19:00 hs

    O Mala do Eliel Gaby anda escrevendo meio pelos cotovelos. Mude sua assessoria deputado, assim o senhor terá muito mais votos, sem dizer que não precisa nem do meu. Eliel Gaby cuide mais de sua casa, compreendeu?

  47. joarez
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 23:16 hs

    O Delegado é um ótimo nome, mas o boato do Luciano ser candidato de meio mandato acaba com seu discurso, cade comprometimento????

    Não se esqueçam, Ducci vai enfrentar o PT com o Governo Federal (Casa Civil “Hoffman”) de apoio juntamente com Fruet, sem duvida o mais preparado, com histórico familiar de identificação muito forte com Curitiba, acho que com ou sem o Deputado de vice, nesta corrida falta combustivel pro Ducci chega…

  48. LUIZ
    sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 – 23:29 hs

    SE O DUCCI PEGAR O CEL.CEZAR OU CEL.SALATA DE VICE PARA A PREFEITURA EU VOTO NO DUCCI,CURITIBA MERECE TER UM SEMI ANALFABETO NA PREFEITURA,SE O SALATA FOR VICE A GUARDA MUNICIPAL FICA SEM ARMAMENTO. O SALATA ADORA PRESENTEAR OS AMIGUINHOS COM ARMAS DA CORPORAÇAO.CORRE EM TODOS OS BTLS. QUE UM MIXE TOMOU A ARMA DO SALATA NAS IMEDIAÇOES DA PRAÇA OSORIO E AINDA DEU UNS TAPAS NA CARA DELE……PARA PREFEITO DUCCI E VICE SALATA

  49. Sd Rodrigo
    sábado, 21 de janeiro de 2012 – 15:54 hs

    Realmente o Francischini , ira puchar muitos votos se for vice e quem sabe assim o atual prefeito se reeleja, pois o Francischini é um dos poucos politicos serios que hoje vemos no Brasil. E realmente 7.600,00 nunca será aprovado na atual conjuntura , não que não merecemos, mas é fora da realidade do Brasil. Tamos junto deputado, eu e minha familia estamos com o senhor e varios outros amigos que tenho que são mais proximos do Sr.

  50. Alex Santa Catarina
    sábado, 21 de janeiro de 2012 – 16:07 hs

    O Francischine, esta fazendo um trabalho digno e honesto, ajudando uma categoria da qual ele já fez parte a um certo tempo, pede por vencimentos justos, atua em um discurso coerente, de alguém buscando o melhor possível e não uma ilusão,querendo implantar algo dentro da realidade financeira que hoje vivemos no estado.
    Caveira 2001…………..

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*