Congresso deixa votação do Orçamento de 2012 para último dia | Fábio Campana

Congresso deixa votação do Orçamento de 2012 para último dia

O governo não conseguiu acordo para votar o Orçamento da União para 2012 ontem (21), reforçando a tese de que não há interesse do Executivo em aprovar o texto neste ano. Com isso, o governo ganharia tempo e escaparia das pressões para aumentar gastos em meio a crise financeira internacional.

O presidente da comissão, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), marcou uma nova tentativa de votar o texto hoje, último dia de trabalho no Congresso.

Se o Orçamento não for votado neste ano, a presidente Dilma Rousseff começa 2012 podendo gastar menos que um décimo das receitas previstas para o ano que vem.

Como 2012 é um ano eleitoral, os congressistas têm pressa na votação, uma vez que três meses antes da eleição não é mais permitido liberar dinheiro para novas obras.

As informações são da Folha de São Paulo.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*