PPS pedirá ao Ministério Público que apure esquema de extorsão no Ministério do Trabalho | Fábio Campana

PPS pedirá ao Ministério Público que apure esquema de extorsão no Ministério do Trabalho

O PPS ingressará, nesta segunda-feira, à tarde, com representação na Procuradoria da República no Distrito Federal pedindo a investigação do suposto envolvimento de assessores do Ministro Trabalho, Carlos Lupi, em esquema de extorsão na concessão do registro sindical. Na representação, o partido solicita ao Ministério Público que investigue a participação do funcionário Eudes Carneiro e do ex-secretário de Relações do Trabalho Antonio Medeiros na irregularidade.

“É preciso que esta denúncia seja apurada com o maior rigor. As suspeitas são de que há uma complexa engrenagem de desvios éticos instalada no Ministério do Trabalho”, afirmou o líder do PPS na Câmara, deputado Rubens Bueno (PR),autor do pedido de investigação.

Segundo reportagem da Revista Veja, publicada neste sábado (26), o mecânico Irmar Silva Batista teria sido vítima da suposta cobrança de propinas quando tentou, sem sucesso, criar o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado de São Paulo em 2008. De acordo com Irmar, o encontro com Eudes foi intermediado por Luiz Antonio de Medeiros, que o teria dito: “O que o Eudes acertar, está acertado”.

O sindicalista revelou ainda que Eudes teria lhe pedido R$ R$ 1 milhão para liberar o registro do sindicato. Como ele se negou a pagar a propina, a entidade está sem a carta sindical até hoje. Rubens Bueno lembra que a denúncia de achaque, feita nas dependências do Ministério, se soma a outras irregularidades “sempre” envolvendo pedidos de propina e desvio de recursos públicos.”Se forem confirmados os fatos os envolvidos nesse esquema têm de ser responsabilizados penalmente”, defendeu o parlamentar.


5 comentários

  1. PK
    domingo, 27 de novembro de 2011 – 16:21 hs

    Ainda estamos rastejando. A melhor defesa contra corupto é dar nó em cobra.

  2. Vigilante do Portão
    domingo, 27 de novembro de 2011 – 19:37 hs

    Esse “negócio” de Sindicato deve dar muita grana,

    Pagar R$1milhão pelo registro,

    Hummmm

  3. Trabalhador
    domingo, 27 de novembro de 2011 – 20:36 hs

    Deviam é pedir impechment da Dilma , motivos não faltam: incapacidade administrativa,manutenção de corruptos no governo, falta de ética pública,desfaçatez,mentiras, ilusionismo,permissão ao roubo,entre outros

  4. gofredo
    domingo, 27 de novembro de 2011 – 20:48 hs

    CADÊ A OPOSIÇÃO PARA INFERNIZAR ESSE GOVERNO CORRUPTO???
    O TERRENO É FÉRTIL, POIS TEMOS DENÚNCIAS DE TODOS OS LADOS, QUASE TODOS OS DIAS!!!
    O PPS PARECE ESTAR SOZINHO…COM A PALAVRA O PSDB, POIS NOS DEMO NÃO DÁ PRÁ CONFIAR!!!

  5. Celso lisboeta
    segunda-feira, 28 de novembro de 2011 – 7:23 hs

    Eludes Carneiro – vampiro brasileiro.
    Delegado aposentado da PF polícia federal e membro das organizações de controle do Movimento Estudantil.
    Ex araponga e infiltrado atuou no Paraná – Londrina e Foz e Curitiba, após aposentadoria em Brasília.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*