A eficiência do Estado para arrecadar | Fábio Campana

A eficiência do Estado para arrecadar

“O Estado nunca é tão eficiente como quando quer dinheiro”, diz Anthony Burgess escritor inglês.

No Brasil, a única eficiência do Estado é para arrecadar.


15 comentários

  1. ▄▀▄†Ψ REQUEIJÃOΨ†▄▀▄™
    quarta-feira, 2 de novembro de 2011 – 18:25 hs

    Serve para punir empresas e limitar sua arrecadação.
    Para quem vai aumentar o Dentan em 200% sim serve esta fraze!

  2. Chico 1
    quarta-feira, 2 de novembro de 2011 – 19:24 hs

    a única área eficiente é a de cobrança de impostos. porque o governo não adota os criterios de eficiencia da cobrança de impostos para as demais áreas em que deve prestar serviços para sociedade?

  3. OSSOBUCO
    quarta-feira, 2 de novembro de 2011 – 19:46 hs

    Você está falando do governo estadual, né? 183% de aumento foi idea de quem?

  4. paulo
    quarta-feira, 2 de novembro de 2011 – 20:38 hs

    E NO PARANÁ SÓ AUMENTAR TARIFAS!
    NO RESTO……..
    BEM, O RESTO CONTIUNUA O SILÊNCIO!!!!

  5. Revoltado
    quarta-feira, 2 de novembro de 2011 – 21:38 hs

    É só o que o governo do Beto Richa (PSDB) sabe fazer!

  6. IW
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 6:38 hs

    E vcs viram que fantástica, eficiente e inédita operação no TRE para recadastrar os eleitores curitibanos?
    Quando nossas autoridades querem, tem interesse e estão motivada$ tudo é possível, parece coisa de país rico!
    A motivação é clara:
    Eles precisam do voto do cidadão para terem acesso ao poder, a chave das verbas ilimitadas; E sem verbas meus caros, a vida é muito dura…

  7. Eu li
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 8:24 hs

    Trabalhar com dinheiro dos outros é facil…

  8. Fe/Brasil
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 8:29 hs

    A INFLAÇÃO DA PROPINA! – É preciso arrecadar cada vez mais, Campana. Até 2003 as notícias falavam em propinas de até 5% . A partir da era “Lulão Bafo de Oncinha” passou de “cincão” para “deizão” e agora, no ministério do Esporte se fala em até “vintão” por cento. Aumenta a propina aumenta a arrecadação. No caso do Paraná (Detran), se apertar os caras gemem. É preciso preparar o caixa dois para as eleições do ano que vem, uai.

  9. Anônimo
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 8:33 hs

    O que esperar de um governo destes (PSDB)?
    Aumento de mais de 100% para os amigos e parentes que ocupam cargo de comissão.
    Aumento de impostos e taxas.
    Descumprimento da Lei Emenda 29 que com a implantação da mesma iria gerar mais segurança ao povo do Paraná.
    Este governo á o pior governo que o Paraná já teve.
    Que saudade do Requião e do Pesuti.
    Volta Requião.
    Requião 2014.
    Fora Beto Richa.

  10. Lucas
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 9:02 hs

    Esse governinho de brinquedo…não brinca quando se trata de aumentar impostos!!!

  11. observador
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 9:54 hs

    sem falar os 500% de aumento das taxas do detran

  12. Lucas
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 10:00 hs

    500% de aumento…e quanto será então o aumento do pedágio que o “Pepe Legal Richa” diz estar negociando???

  13. Nelson
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 10:55 hs

    Quando pagamos por algo, público ou privado e temos um retorno satisfatório não reclamamos, o problema é que nem sempre os serviços públicos nos são prestados com um mínimo de qualidade.

  14. ricardo crovador
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 11:30 hs

    Lá no Rio de Janeiro o Detran está passando um pente fino em todos os carros que circulam lá, mas são registrados em Curitiba e outras cidades paranaenses, só para não pagar as taxas de lá, que sempre foram atualizadas monetariamente. Chamou a atenção das autoridades a enorme quantidade de carros daqui andando por lá. Nesta investigação está sobrando pra todo mundo. Até para quem “emprestou” endereço para o registro… Deve haver outros pepinos grandes nesta coisa…

  15. ricardo crovador
    quinta-feira, 3 de novembro de 2011 – 18:23 hs

    Aumento de 500%: taxa de inscrição das autoescolas e outras empresas conveniadas. É de R$ 11,00 e vai passar para R$ 65,00. Está errado? Vi no blog do Zé Beto. Creio que ele ou o Fábio bem que poderiam colocar a lista completa e especificada das taxas e seus respectivos aumentos. Aí, com fatos reais, a discussão poderia subir de nível e sair deste atoleiro de “PT” versus “PSDB” que já encheu o saco do povo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*