As paranaenses que valem ouro | Fábio Campana

As paranaenses que valem ouro

Do Blog do Cícero Cattani:

Exemplo de superação, a paranaense (de Toledo) Angélica Kvieczynski já levou o bronze individual da ginástica rítmica no Pan de Guadalajara. Hoje, Angélia disputa as finais de arco e bola. A atleta de Toledo vem de uma dura recuperação depois de ser operada do menisco, seguido de trombose, correndo risco de morte. Superou tudo com muito esforço.

E o trio de paranaenses Dayane Amaral (Curitiba) e Débora Falda (Cambé) e a técnica Camilia Ferenzi (Londrina) levou o ouro do conjunto de ginástica rítmica. Elas chegaram desacreditadas, pela má fase em disputas anteriores. Prevaleceu a garra das paranaenses. E vem mais medalhas pela frente.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*