MP investiga desvios na saúde com médicos fantasmas no PR | Fábio Campana

MP investiga desvios na saúde com médicos fantasmas no PR


Principais suspeitos de articular esquema são cunhados.
Rombo nos cofres do estado chega a R$ 400 mil.


Do G1 PR

Médicos que não trabalharam ou trabalharam menos do que deveriam receberam salários integrais e indevidos em Paranaguá, no litoral do Paraná. As investigações são da Corregedoria Geral e do Ministério Público (MP), ambos do estado.

Os principais suspeitos de articular o esquema são o ex-chefe da regional de saúde do município e o ex-chefe de recursos humanos. Eles são cunhados.

Em um dos casos identificados como fraude, uma ficha-ponto marcava o cumprimento de 23 plantões para um médico. A regional então liberou pagamento de R$ 9.200 pelo serviço, porém o nome desse médico não aparece em nenhuma guia de atendimento ao paciente.

Funcionários e diretores do hospital disseram, em depoimento, não terem visto esse médico trabalhar. Há indícios de que a assinatura e o carimbo do diretor clínico à época tenham sido fraudados

Os desvios chegam a R$ 400 mil. O MP quer a devolução dos valores.

O ex-chefe da regional disse que desconhece as denúncias e o cunhado dele não foi localizado.


Um comentário

  1. Questionador
    quarta-feira, 21 de setembro de 2011 – 17:34 hs

    -Socorro!!! a saúde está em estado terminal deitada em uma maca qualquer no corredor esperando a longa fila para a UTI!!!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*