Poesia para você | Fábio Campana

Poesia para você

“Pois Camões é mesmo o gênio insuperado e talvez insuperável da inculta e bela. Gênio bastante prejudicado por insensíveis professores de Português… Como se a análise sintática tivesse mais importância e beleza que a sonoridade das estrofes”.

Da genialidade dos esportes para a genialidade da poesia. Em sua crônica, Carlos Alberto Pessoa mostra com precisão sua paixão pela poesia e indignação pelos poetas injustiçados. Leia aqui, na Revista Ideias!


Um comentário

  1. segunda-feira, 8 de agosto de 2011 – 9:49 hs

    Camões que aperta,camões que afaga,camões que rouba,camões que bolina.
    Ohh camões,camões que passa camões nas raparigas

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*