Câmara vota 15 minutos de tolerância no EstaR | Fábio Campana

Câmara vota 15 minutos de tolerância no EstaR

Um projeto que propõe tolerância de 15 minutos para o início da cobrança do EstaR, o Estacionamento Regulamentado, em Curitiba será votado em sessão plenária na próxima terça-feira (30) a tarde. A iniciativa é do vereador Aladim Luciano (PV), que pretende dispensar o uso do cartão no veículo que permanecer estacionado por este período de carência.

O vereador justifica que, caso o cidadão utilize uma vaga por apenas dez minutos, atualmente é obrigado a dispor de um cartão de uma hora inteira, “não lhe sendo ressarcidos os valores pagos pelo período não utilizado”, diz o texto do projeto.


6 comentários

  1. Klaus
    sábado, 27 de agosto de 2011 – 13:01 hs

    Mas então o agente municipal vai ter que ficar conferindo que hora o cara chegou? Vai ter que triplicar o número de azeitonas, às custas da sociedade.
    Que coisa. Se o cara tem recursos para manter um carro, com IPVA, combustível, licenciamento, manutenção, etc., não pode pagar R$ 1,50?

    Este País é mesmo uma casa de tolerância.

  2. Gerson Martins
    sábado, 27 de agosto de 2011 – 16:20 hs

    Parabens ao vereador autor do projeto, realmente acontece de usar por 10 a 15 minutos, raspar 1 hora e jogar fora.

    Esperamos que os demais vereadores acabe com essa fabrica de multa que é o ESTAR, a não ser que algum deles tenha algum tipo de…………… para não aprovar.

    Parabens Aladim

  3. Eli Ribas
    sábado, 27 de agosto de 2011 – 17:30 hs

    Até que enfim os Edis pessam no povo, no cuntribuinte e usuário das vias públicas.
    Parabéns Vereador Aladin

  4. Divanir
    sábado, 27 de agosto de 2011 – 17:53 hs

    Apoio a idéia do vereador Aladim. Este estar é uma verdadeira fábrica de dinheiro, além de que se seu veículo for furtado no estacionamento do Estar, a gente fica na mão.

  5. PK
    sábado, 27 de agosto de 2011 – 21:00 hs

    Ao vereador nosso apoio; pois R$ 1,50 por hora parece pouco quando se fala de uso esporadico. Ao que se apoia também é noticiar que JÁ EXISTE JURISPRUDENCIA SOBRE FURTO DE VEICULO EM AREA DE ESTACIONAMENTO REGULAMENTADO, POR SER COBRADO O VALOR QUE SEJA ,DIANTE DA INSTITIUÇÃO REPRESENTADA A SOCIEDADE O USUARIO PODE APRESENTAR DIANTE AO ADMINISTRADOR , SEJA ELE, PREFEITURA OU TERCERIZADO PELA A MESMA A RECLAMAÇÃO COPROBATÓRIA DE PREJUIZO DE FATO.

  6. Guilherme
    segunda-feira, 25 de março de 2013 – 20:50 hs

    Esse projeto foi aprovado ou arquivado?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*