Amorim garante para militares que "não vai reinventar a roda" | Fábio Campana

Amorim garante para militares que “não vai reinventar a roda”


Da Agência Brasil

Celso Amorim, o novo ministro da Defesa, se reuniu hoje com os comandantes do Exército, general Enzo Peri; da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito; da Marinha, almirante Júlio Soares de Moura Neto e o chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, general José Carlos de Nardi. O encontro durou 1h45.

De acordo com a assessoria do ministério, Amorim apresentou aos militares os motivos que o levaram a aceitar o convite para assumir o cargo. Ele disse estar com bastante disposição, prometeu se empenhar para executar as diretrizes da Estratégia Nacional de Defesa, aprovada em 2008, e disse que não vai “reinventar a roda”.

Além de se apresentarem ao novo ministro, os comandantes militares destacaram as prioridades de cada pasta. Ainda de acordo com a assessoria, Amorim ficou bastante satisfeito e considerou a conversa positiva. Nos próximos dias, ele deve se reunir com cada comandante individualmente a fim de conhecer mais a fundo as necessidades.

Amorim prometeu ainda respeitar os interesses estratégicos nacionais na condução da política de Defesa e elogiou o trabalho de seus antecessores.


11 comentários

  1. borrachada
    sábado, 6 de agosto de 2011 – 22:29 hs

    Se este barbudinho incompetente não “reinventar a roda” , que se cuidem os militares. Vai continuar a apoiar regimes totalitários.
    Um fiasco internacional brasileiro que volta a cena pela mão da Presidente , para acalmar o Sapo Barbudo pela demissão do Jobim.
    Êta jogo de cena vergonhoso!

  2. Osiris Duarte de Curityba
    domingo, 7 de agosto de 2011 – 5:09 hs

    ESSE MINISTÉRIO DA DILMA PARECE UMA CASA DE IRENE. TEM GENTE QUE ENTRA … TEM GENTE QUE SAI … COMO NAQUELA MÚSICA ITALIANA DOS ANOS 60, QUE O AGNALDO TIMÓTEO GRAVOU A VERSÃO …

  3. Dizao
    domingo, 7 de agosto de 2011 – 8:02 hs

    Esse é macaco véio

  4. Vigilante do Portão
    domingo, 7 de agosto de 2011 – 8:35 hs

    A escolha do Celso Amorim, foi enigmática.

    Lembram do episódio da compra dos caças para a FAB?

    Pois é, Amorim trabalhou para que a compra seja da França.

    Do mesmo modo, a compra dos submarinos, também da França, teve o dedo do Amorim.

    Lula, esperto, deu o golpe nos Franceses,
    Como sempre, falou, falou, disse de sua preferência, fez de conta que o negócio estava fechado e NÃO COMPROU OS CAÇAS.

    A FAB preferia outro avião.

    Diplomatas entendem muito mais de Aviões de combate.
    O pessoal da FAB, não sabe de nada…

    O caminho, com a escolha do Celso Amorim, fica mais tranquilo.

  5. CAÇADOR DE PETISTAS
    domingo, 7 de agosto de 2011 – 15:46 hs

    DESGOVERNO DILMA
    UM GRANDE CIRCO.

  6. Cezarneski
    domingo, 7 de agosto de 2011 – 16:12 hs

    O Cara está desmoralizado perante as Forças Armadas,
    mas não dá para entender, por uma questão de lógica a cúpula das FFAA aceitam o dito cuja para não entregarem os seus cargo.
    Não temos mais militares como antigamente…

  7. domingo, 7 de agosto de 2011 – 17:35 hs

    Á VERDADE TEM QUE SER DITA..OS MILITARES É QUE MANTEM Á ORDEM NO PAIS;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;

  8. Deutsch
    domingo, 7 de agosto de 2011 – 17:51 hs

    GIRARDI, só se for em outro país, pois no Brasil os militares foram comprados e não tem a mínima condição de estabelecer a ordem dentro dos quartéis, imagina no país.

  9. SILVIO
    domingo, 7 de agosto de 2011 – 20:25 hs

    CONCORDO

    E O PT, A DESORDEM
    LULA, O CHEFE DA MAIOR GANGUE INSTALADA NOS ÚLTIMOS 50 ANOS NO BRASIL.

  10. Trabalhar que é bom...
    segunda-feira, 8 de agosto de 2011 – 7:47 hs

    O cara é um diplomata, certamente saberá conduzir muito bem o diálogo com os altos comandantes das forças armadas… torço para que ele desempenhe bem as atividades inerentes a este cargo.

  11. Ocimar
    segunda-feira, 8 de agosto de 2011 – 13:01 hs

    SR. MILITARES,ESTA MAIS DO NA HORA DE OS SR HONRAREM A FARDA QUE VESTEM.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*