Aciolli não foi interrogado | Fábio Campana

Aciolli não foi interrogado

Na audiência que interrogaria o deputado Roberto Aciolli sobre a autoria do homicídio do engraxate Paulo Cesar Heider, o deputado não chegou a ser ouvido.

Os advogados de defesa solicitaram para que Aciolli fosse o último no processo a ser interrogado. Além disso, o Ministério Público pediu que João Batista Melo dos Santos, testemunha do caso que está em liberdade condicional, fosse ouvido e para isso deu um prazo de 48 horas para que seja encontrado seu paradeiro e solicitado seu depoimento. Também foi solicitada, para a delegacia de homicídios, a arma do crime que foi apreendida na época.

Com o resultado da audiência de hoje, a previsão mais otimista é de que Aciolli seja ouvido pela justiça no início do ano que vem.


8 comentários

  1. tony
    segunda-feira, 22 de agosto de 2011 – 18:40 hs

    Até o ano que vem o tal João Batista já foi parar no além, e arma do crime sumiu nos meandros da delegacia. E tudo fica como está. Tony

  2. decepcionada
    segunda-feira, 22 de agosto de 2011 – 22:03 hs

    Que demora, enrolação mesmo, o que estam esperando?
    ou melhor por que certas pessoas tem essa verdadeira injustiça? por que demora tanto para realizar a justiça em nosso pais?
    sera que é condenado é o menos favorecido?e esse cidadão tem costa quente? com ele nada acontece?

  3. Cidinha
    segunda-feira, 22 de agosto de 2011 – 22:06 hs

    Não é este homicida q faz ou fez o programa 190? E agora deputado, o povinho q não sabe escolher seus representantes, q vergonha.
    Eleger um cara que esta respondendo na justiça por homicídio…

  4. Alaor
    segunda-feira, 22 de agosto de 2011 – 22:27 hs

    Bom até o ano que vem então o caro Aciolli vai ficar mostarndo no seu programinha chulo mortes dos outros,seria bom ele falar que ele matou covardemente o ex engraxate!!!!!

  5. Alessandro
    segunda-feira, 22 de agosto de 2011 – 23:01 hs

    É para acabar esse cidadão só mostra porcaria no seu programa,e se esconde no cargo de depetado estadual..deveria estar comendo comida azeda na cadeia que é lugar de covarde,que matou o rapaz com um tiro na nuca e disse que o tiro foi acidental.

  6. Marina
    segunda-feira, 22 de agosto de 2011 – 23:11 hs

    Só sabe apontar o erro dos outros é uma pena para nossa sociedade pessoas como o Aciolli representando o povo paranaense na assembléia.Quem responde por homicidios e tem passagem pele polícia não deve assumir cargo publico

  7. bruno
    segunda-feira, 22 de agosto de 2011 – 23:23 hs

    vamos pedir para o aciolli falar do crime que ele cometeu na televisão será que ele fala!?!?covardão tem que ir para a cadeia mesmo assassíno e leva o jota p junto

  8. Sérpico
    terça-feira, 23 de agosto de 2011 – 13:53 hs

    Este criminoso vai continuar solto.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*