Relatório da CPI tipifica 4 crimes para ex- diretores da Assembleia | Fábio Campana

Relatório da CPI tipifica 4 crimes para ex- diretores da Assembleia

Foto Nani Gois

Os dois ex-diretores da Assembleia Legislativa do Paraná, Heron Abbud (diretor geral) e Francisco Ricardo Neto (coordenador técnico e ex-diretor geral) foram denunciados oficialmente por quatro crimes cometidos, segundo relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito da Espionagem. O documento foi aprovado por unanimidade na última reunião da CPI, sob a presidência do deputado estadual Marcelo Rangel (PPS). As informações são da assessoria do deputado.

O relatório do deputado Mauro Moraes (PSDB) tipifica quatro crimes e cita os dois ex-diretores por fraude à licitação, indícios de improbidade administrativa, firmar contrato ilegal em nome da administração pública e perjúrio perante a CPI. Francisco Ricardo Neto assumiu a autoria e Heron Abbud autorizou os atos irregulares levantados pela Comissão.

“Foram trabalhos intensos na busca de esclarecer os fatos. Ouvimos funcionários da ALEP, peritos, deputados (inclusive o presidente da Assembleia), representantes das empresas da licitação e seguranças da ALEP”.

O documento completo, com 660 páginas, onde consta todo o processo investigatório, entregue ontem pelo deputado Mauro Moraes, relator da CPI, será encaminhado ao Tribunal de Contas, Ministério Público, Secretaria de Segurança Pública, Poder Judiciário e ao Centro de Operários Especiais da Polícia Civil – COPE para as providências finais.


2 comentários

  1. quinta-feira, 7 de julho de 2011 – 13:24 hs

    É profundamente lamentavel o resultado, quem sabe o tramite de compras de orgãos públicos, sabe quem autoriza as compras e na Assembléia Legislativa não é diferente, mais uma cpi sem apurar os verdadeiros fatos, uma vergonha para o nosso legislativo e a corda arrebentou no lado mais fraco, 4 crimes isso é uma piada ou como o Boris Casoy diz “isso é uma vergonha”.

  2. quinta-feira, 7 de julho de 2011 – 14:54 hs

    sobnrou pros funcionários, pros deputados, verdadeiros cu,lpados pela roubalheira nada, os diretores tudo. como é bom a ditadura do legislativo e do judici[ário, bela democr4qacia.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*