Reclamações, constrangimento e revolta na FIEP | Fábio Campana

Reclamações, constrangimento e revolta na FIEP

Com o passar dos dias, as reclamações que chegavam ao candidato Ricardo Barros, referentes aos pedidos de impugnação de 37 integrantes da chapa da situação, se transferiram para o outro lado. Reclamações que foram vitaminadas e acrescidas de constrangimento e revolta com o comando da campanha de Rocha Loures e Edson Campagnolo.

O esclarecimento de que os pedidos de impugnação só foram possíveis por erros da comissão eleitoral da própria FIEP criaram um grande clima de indignação e insatisfação na turma da situação.

Falhas, em alguns casos grosseiras, passaram pela análise da comissão. Situações como a falta de informações, erros de digitação e diversos problemas na documentação abriram a possibilidade das impugnações.

Se o mesmo tratamento criterioso dado pela comissão eleitoral à chapa da oposição tivesse sido utilizado na análise dos documentos da situação não existiriam brechas para esse tipo de impugnação. Vale lembrar que a Nova FIEP teve que corrigir a documentação de 23 integrantes da chapa em 48 horas.

O sentimento entre os próprios integrantes da chapa de situação é de revolta. O desgaste é geral. Os julgamentos foram marcados para hoje e amanhã e as candidaturas sofrem sério risco,já que os problemas não foram detectados durante o período passível de substituição da documentação.


2 comentários

  1. Chico 1
    segunda-feira, 25 de julho de 2011 – 10:15 hs

    E ainda os empresarios tem a cara de pau de exigir transparencia, eficiência,eficácia e resultados de gestão do setor público. É claro que precisa ter isto também no setor privado, que parece não ser muito diferente do setor ´público

  2. MANOEL CONFUSO
    segunda-feira, 25 de julho de 2011 – 13:02 hs

    este grupo da fiep

    continua o trabalhop do Carvalinho

    o Carvalhinho roubou tudo q pode

    o grupo Rocha Loures/ Campagnolo

    continua……..ROUBANDO

    dinheiro público…claro

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*