Prefeito de Pontal entra com ação para revogar cassação | Fábio Campana

Prefeito de Pontal entra com ação para revogar cassação

De Rodrigo Batista da Gazeta do Povo

O Prefeito de Pontal do Paraná, no Litoral do Estado, Rudisney Gimenes, entrou nesta sexta-feira (29) com um pedido de embargo da decisão do cartório da Justiça Eleitoral de Matinhos, que determinou, na última quarta-feira (27) a cassação de seu mandato e do vice, Rubens Marcelino da Veiga, o Rubinho.

Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura municipal, o pedido foi acatado pela justiça e enviado para análise. Até a próxima segunda-feira (1), de acordo com a assessoria, deverá sair um parecer do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sobre o caso.

Caso a decisão da liminar não seja favorável a Gimenes, o presidente da Câmara Municipal de Pontal, Valdevino Simões, deverá convocar eleições indiretas. Por enquanto, segundo a assessoria da prefeitura, o prefeito permanece no cargo. Gimenes e o vice teveram os mandatos cassados por compra de votos e abuso de poder econômico nas eleições municipais de 2008.


3 comentários

  1. Vanessa
    sábado, 30 de julho de 2011 – 18:57 hs

    Cana é pouco para o cara que deixa o Município totalmente largado, abandonado, cheio de buracos!

  2. domingo, 31 de julho de 2011 – 16:02 hs

    A JUSTSIÇA TARDA MAIS NÃO FALHA.O TRE TEM QUE MANTER E FIM DE PAPO.ELE ALÉM DE GATO SEMPRE FOI UM GRILHEIRO E SÓ CONFERIR.

  3. eliane
    sábado, 6 de agosto de 2011 – 12:13 hs

    Eu acho que tem que haver eleições diretas nós pontalense temos que ter o direito de escolher outro prefeito porque dentro da camara só tem safados e pilantras e gato guerrilheiros não podemos deixar entrar outro safados e pilantrase gatos guerrilheiros.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*