Alceni Guerra assume articulação política em Brasília | Fábio Campana

Alceni Guerra assume articulação política em Brasília

O ex-deputado federal e ex-ministro da Saúde foi nomeado pelo governador Beto Richa para resolver ‘crise’

Catarina Scortecci da Folha de Londrina

O ex-deputado federal e ex-ministro da Saúde Alceni Guerra foi nomeado pelo governador do Estado, Beto Richa (PSDB), para comandar o Escritório de Representação do Paraná em Brasília, cargo que estava vago desde o início do mandato do tucano. Em entrevista ontem à FOLHA, Alceni revelou que já tinha recebido o convite outras vezes, mas que agora foi chamado para resolver uma ”crise”. ”Eu recusei antes, queria ficar fora da política, mas eu considero agora uma missão”, afirmou ele. A mais recente polêmica envolvendo a bancada do Paraná foi o cancelamento de uma emenda coletiva, por iniciativa do deputado federal Fernando Giacobo (PR), sem que os demais parlamentares fossem consultados.

Alceni ressalta, contudo, que ”o primeiro passo na sua missão” é deixar claro o papel do seu cargo em Brasília. ”A bancada é absolutamente autônoma. Ao governo do Estado cabe o papel de articulação, de indicar, por exemplo, onde há dinheiro, para uma possível contrapartida do Estado. Esse diálogo é necessário. E eu sempre dialoguei com todos, tem uma boa experiência nisso”, disse ele. Para que sejam viabilizados, projetos previstos nas emendas dos Estados ao orçamento da União normalmente exigem uma contribuição do governo do Estado.

O cargo em Brasília foi criado em 2008, com status de secretaria de Estado, na gestão do ex-governador do Estado Roberto Requião. Na época, Requião tentava assegurar a permanência do irmão Eduardo Requião no Executivo, já que o Supremo Tribunal Federal divulgou um entendimento no qual parentes de chefes do Executivo escapariam da regra antinepotismo se estivessem à frente de secretarias estaduais. Ao tomar posse, Eduardo afirmou que o objetivo era auxiliar os prefeitos paranaenses na elaboração de projetos e captação de recursos federais.

Eleições 2012

Mas, além de participar da articulação paranaense em Brasília, Alceni deve ser figura importante também nas eleições de 2012. Ex-Democratas, ele agora ocupa a vice-presidência estadual do PSD, a nova sigla fundada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab. Mas o ex-deputado federal prefere ser cauteloso sobre o assunto: ”Vamos ver quantos parlamentares nós teremos, quanto tempo de TV. São coisas que precisamos saber antes de pensar na eleição”. O partido deve ser formalizado até 15 de agosto.

Questionado sobre o convite que o PSD fez ao ex-deputado federal Gustavo Fruet, que saiu do PSDB na quarta-feira, Alceni disse que, se o ex-tucano recusar o convite, a nova legenda pode ser obrigada a se decidir entre o apoio a Fruet ou o apoio a Luciano Ducci (PSB), atual prefeito de Curitiba.

Alceni revelou ainda que ele se preparava para assumir uma articulação que pudesse unir Ducci e Fruet. Nos planos, um dos dois desistiria da disputa do próximo ano para, em 2014, ser lançado vice de Beto Richa, numa composição na qual Flávio Arns (PSDB) sairia para o Senado. ”Tentaríamos primeiro a candidatura única e, se não fosse possível, outra possibilidade seria a neutralidade de Beto Richa”, afirmou.

Ao ser perguntado sobre o que achou da saída de Fruet, Alceni foi enfático: ”É uma perda enorme para o PSDB e para ele. Fruet era o candidato do PSDB mais viável entre todas as Capitais brasileiras e a frase não é minha, é do Sérgio Guerra. Eu teria feito um esforço enorme para segurá-lo”, revelou Alceni. Nas eleições do ano passado, alegando motivos pessoais, Alceni não disputou a reeleição para a Câmara Federal. Seu filho, Pedro Guerra (DEM), saiu candidato, mas acabou derrotado.


13 comentários

  1. Ernesto
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 16:30 hs

    Ex-ministro do Collor!

  2. SEPULVIDA
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 16:40 hs

    Alceni e Ideli: Esta dupla da até rima!

  3. Pit Bull
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 18:51 hs

    Uma noite no museu.

  4. Carlos
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 19:45 hs

    Alceni é capacitadíssimo para tal função.

  5. Roberto Curitiba
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 19:46 hs

    Gosto desse cara.

  6. sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 21:33 hs

    Foi do Collor, do Fernando Henrique, do Requião do Beto Richa na prefeitura ( nem aparecia ) e novamente do Beto Richa.
    Não vai dar em nada.

  7. borrachada
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 22:01 hs

    Isto sim é que é renovação!
    E viva a mesmice! E viva o mofo!
    È o Paraná dos zumbis.

  8. Analista
    sábado, 16 de julho de 2011 – 0:27 hs

    Enfim o Richina escolhe o homem certo para o lugar certo. Alceni é um verdadeiro FENIX, que teve revezes que pareciam arquivá-lo da politica, mas ressurgiu e hoje inquestionávelmente é um dos politicos que sabe como funcionam os mecanismos do governo federal e portando pode prestar um bom serviço ao estado.

  9. Conte
    sábado, 16 de julho de 2011 – 0:32 hs

    me resta rir hahaha

    tanta gente boa nesse Paraná! tique que ser o ministro do guarda- chuva.

    só o Beto mesmo

  10. Capão da Imbuía
    sábado, 16 de julho de 2011 – 7:35 hs

    ministro da bike…..Caloi…..monark…..loja do pedro….

  11. vergonha
    sábado, 16 de julho de 2011 – 9:17 hs

    Ele anda de bicicleta lá?

  12. Tulio
    domingo, 17 de julho de 2011 – 3:32 hs

    Honesto, sério, competente, inteligente, perseverante, ético, idealizador, desenvolvimentista, preucupado com educaçao, saúde, dos maiores políticos que o Paraná e BR ja tiveram… Abs

  13. osmar alves de lima
    domingo, 29 de julho de 2012 – 16:07 hs

    a grande verdade é que se Alceni fosse governador do estado, muita coisa teria melhorado no parana, consequentemente no Brasil ele é um genio!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*