A trinca de jovens milionários deveria ser convocada pelo governo | Fábio Campana

A trinca de jovens milionários deveria ser convocada pelo governo

Augusto Nunes da Veja

Fábio Luís Lula da Silva era monitor do zoológico de São Paulo quando a chegada do pai à Presidência da República, em janeiro de 2003, animou-o a tentar a sorte como “produtor de conteúdos digitais”. Um ano depois de fundar a Gamecorp, soube que o que parecia um negócio de fundo de quintal era tudo o que a Telemar procurava. Pelo privilégio de tornar-se sócio minoritário do empreendimento, o gigante da telefonia pagou a Lulinha R$ 4 milhões. Aos 35 anos, está rico e é um dos orgulhos de Lula, que credita o sucesso fulminante ao talento empresarial do filho.

Israel Guerra era um medíocre funcionário público quando a crescente influência da mãe na Casa Civil, chefiada pela melhor amiga Dilma Rousseff, animou-o a tentar a sorte como “consultor de negócios”. Fundada em julho de 2009, a Capital Assessoria e Consultoria especializou-se em abrir portas de ministérios e estatais a empresas interessadas em fechar acordos ou resolver pendências com o governo. Os lucros subiram espetacularmente a partir de março de 2010, depois da promoção de Erenice a ministra. Vítimas da gula excessiva, a mãe perdeu o cargo e o filho, hoje com 33 anos, perdeu a clientela. Erenice continua jurando que o garoto fez sucesso, e logo voltará a fazer, por esbanjar talento na formação de parcerias.

Gustavo Morais Pereira era um arquiteto recém-formado quando a chegada do pai ao comando do Ministério dos Transportes o animou a tentar a sorte como “empresário no ramo da construção civil”. Em 2005, aos 21 anos, fundou a Forma Construções. Em 2007, graças a triangulações envolvendo fregueses do ministério a serviço da família, o filho de Alfredo Nascimento havia multiplicado por 86.500% o patrimônio da empresa. A descoberta da quadrilha do PR e a queda do pai sugerem que o arquiteto de 27 anos prosperou usando como gazua a carteira de identidade. Nascimento garante que o garoto nasceu para construir fortunas.

A reportagem publicada na seção O País quer Saber informa que o Ministério Público investiga os três exemplos de enriquecimento súbito. Se ficar provado que subiram na vida pendurados no parentesco, os filhos de Lula, Erenice e Nascimento confirmarão que a incapacidade de enxergar a fronteira entre o público e o privado é uma disfunção hereditária ─ e que a desmedida confiança na impunidade vem junto com o sobrenome. Se não têm culpa no cartório, se não derraparam no tráfico de influência, não podem ficar fora do governo. Casos de polícia aparecem de meia em meia hora. Casos de sucesso são bem menos frequentes. Casos como esses três são raríssimos.

O governo Lula criou o programa Primeiro Emprego. Dilma Rousseff deveria encomendar à trinca o programa Primeira Empresa. Em vez de um emprego com carteira assinada, os inscritos ganhariam uma pequena empresa. E aprenderiam com os jovens mestres como se fica milionário em dois ou três anos.


10 comentários

  1. Alaor
    quinta-feira, 14 de julho de 2011 – 11:57 hs

    È todo mundo critica mas duvido quem não quer pegar esta boquinha, Duvidoooo…

  2. S Y N F R O N I O.
    quinta-feira, 14 de julho de 2011 – 12:17 hs

    Esse filme eu ja conheço, e a VEJA tambem, so que provavelmente osnovos
    ricos nao estao tapando a Boca dos Victo Cevitta, se for publicar a vida
    Preguessa , de politicos, inclusive de nosso estado, Vige Maria.e o povo sabe
    nao adianta tampar o sol com a peneira,

  3. Anônimo
    quinta-feira, 14 de julho de 2011 – 12:18 hs

    texto perfeito!!!!!

  4. JULIO CESAR DE SISTI
    quinta-feira, 14 de julho de 2011 – 13:48 hs

    A pergunta que não quer calar: “Eles foram alunos do Palocci?”

  5. MARCIA
    quinta-feira, 14 de julho de 2011 – 15:33 hs

    SE EU TAMBEM TRABALHASE PROXIMO A PRESIDENTA O MEU FILHO TAMBEM DEVERIA SER UM MILHONARIO …….ADIVINHA PORQUE ……SÓ DAS PORCENTAGENS E DAS INFLUENCIAS E AS MARACUTAIAS E EMPRESAS DE FACHADAS E DOS DESVIOS ……TRILHONÁRIO………..QUE VERGONHA ESSE LULA …….QUE LADRÕES DO DINHEIRO PUBLICO……

  6. Murilo Álvaro Viezzer
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 9:34 hs

    A grande preocupação da maior parte da população e da imprensa, é a Copa América…

  7. Luciano
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 10:45 hs

    Como diz tem partido que é os filhos tem partido que é a sogra e isso sempre continua

  8. Ernesto
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 11:24 hs

    E a filha do Serra e o filho do FHC? Quero ver uma reportagem sobre esses dois também!

  9. OCIMAR
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 13:29 hs

    TODOS PERTENCEM A QUADRILHA DE CORRÚ–PT–OS.

  10. OSSOBUCO
    sexta-feira, 15 de julho de 2011 – 21:11 hs

    Filha do Serra elevou capital da empresa em 50.000 vezes.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*