Romaria para ver José Dirceu | Fábio Campana

Romaria para ver José Dirceu

Do blog do Noblat

Os funcionários do Nahum Plaza, luxuoso hotel do Setor Hoteleiro Sul de Brasília, trabalharam dobrado esta manhã para dar conta do número de cabeças coroadas do governo e de partidos políticos que lotaram com seus carros pretos a área de estacionamento, o hall de entrada e os elevadores.

Num apartamento de cobertura do 20º andar pontificava o responsável pela atração de tanta gente – o hóspede José Dirceu de Oliveira, ex-chefe da Casa Civil da presidência da República durante parte do primeiro governo Lula.

Ali pelas 8h, um grupo de seguranças chegou escoltando Fernando Pimentel, ministro da Indústria e do Comércio Exterior, que cumprimentou conhecidos e subiu de imediato para o 20º andar.

Não se sabe se Dirceu está na cidade por conta própria ou como enviado de Lula, a quem Dilma pediu que por enquanto se mantenha à distância daqui.


4 comentários

  1. Zangado
    quarta-feira, 8 de junho de 2011 – 18:52 hs

    Esse pulha nunca saiu do esquema petista e lulista.
    Esse pulha é uma sombra ambulante agindo por trás dos bastidores, ou melhor, nas bem fornidas coberturas da vida torta deste país.
    Enquanto a cidade e a sociedade dorme …

  2. PTralha mensaleiro
    quarta-feira, 8 de junho de 2011 – 20:20 hs

    Este bândido cometeu o crime de falsidade ideológica criando um nome falso, constituindo família e, com a anistia, simplesmente abandonou a familía que constituiu para reassumir seu verdadeiro nome. Um cara que não se importa em usar seres humanos para seus próprios interesses e depois abandoná-los quando eles não servem mais, não pode ser considerado nada além de escória da sociedade. Muitos outros políticos foram exilados mas não se casaram e mantiveram uma vida falsa com esposa usando os sentimentos alheios ao seu bel prazer.
    Esse cara não merece o mínimo de respeito.
    Não vi menção a isso no seu histórico desse canalha.

  3. Falcão
    quinta-feira, 9 de junho de 2011 – 12:22 hs

    Para a classe política, é assim mesmo: Quanto mais moralmente podre o personagem, tanto melhor para se prestar vassalagem. Republiqueta de 3ª classe.

  4. Sergio silvestre
    quinta-feira, 9 de junho de 2011 – 13:15 hs

    É um santo..

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*