Qualificação profissional no Paraná Competitivo | Fábio Campana

Qualificação profissional no Paraná Competitivo

Nesta segunda o Governo do Paraná inicia mais uma linha de ação do programa Paraná Competitivo: a da qualificação profissional. O governador Beto Richa e os secretários de estado Luiz Claudio Romanelli (Trabalho), Ricardo Barros (Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul), Flávio Arns (Educação) e Alípio Leal (Ciência e Tecnologia) vão se reunir com sindicatos, associações, federações, universidades, entidades do Sistema S (Senai, Senac, Sest, Senar e outras), lideranças políticas, representantes patronais e dos empregados para debater os problemas e as demandas referentes ao tema.

O Paraná Competitivo possui cinco vertentes com o objetivo de aumentar a competitividade da economia paranaense nos mercados nacional e internacional. Além da qualificação profissional, há mais quatro linhas de ação: fiscal, que modernização e flexibilizou a política estadual; internacionalização, que recentemente gerou a criação da Agência de Internacionalização do Estado; infraestrutura, que está em andamento e desburocratização. Em menos de seis meses de criação o programa já atraiu mais de R$ 1,3 bilhão em investimentos ao Paraná.

A reunião será no Palácio das Araucárias, em Curitiba, às 15 horas.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*