Kassab vem ao Paraná coletar mais adesões para o PSD | Fábio Campana

Kassab vem ao Paraná coletar mais adesões para o PSD

Elizabete Castro do Estado do Paraná

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, vem a Curitiba no próximo sábado, para um ato político de novas adesões ao PSD. O partido, que no Paraná já obteve a sua quota de cinqüentas mil assinaturas, do total de quinhentas mil exigidas para o registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), receberá a adesão de deputados federais, prefeitos e vereadores durante almoço no restaurante Veneza, em Santa Felicidade.

Já confirmado, um dos novos futuros integrantes será o deputado federal André Zacharow, que deixa o PMDB. Mas na lista das possibilidades, ou seja, com negociações ainda em curso, estão três núcleos familiares. Os irmãos Rangel, o deputado federal Alex e o deputado estadual Marcelo, que são filiados ao PPS. E a família Stephanes, o pai Reinhold, deputado federal e o filho, Junior, ambos do PMDB.

O secretário de Desenvolvimento Urbano, César Silvestri, com seu filho, deputado estadual César Silvestri Filho, também figuram entre os que estão pensando na transferência para o partido de Kassab. Os dois são filiados ao PPS.

A expectativa do deputado federal Eduardo Sciarra, coordenador estadual do partido, é reunir trezentas lideranças de todo o estado. Se todas as adesões de deputados se confirmarem, o PSD irá reforçar também a bancada de vereadores, que pode chegar a 150 cadeiras, e assumir o controle de quinze a vinte prefeituras. Um dos que anunciam sua adesão neste sábado é o prefeito de São José dos Pinhais, Ivan Rodrigues, que anunciou sua saída do PTB há um mês.


Conversa

No estado, além de Sciarra, o PSD tem ainda o ex-deputado federal Alceni Guerra e o deputado estadual Ney Leprevost. Um dos nomes que o partido cogita atrair para suas fileiras é o ex-deputado federal Gustavo Fruet. O tucano, que busca espaços para ser candidato a prefeito de Curitiba, irá se encontrar nesta sexta-feira com Leprevost, que cuida da estruturação do partido, na cidade. Mas as negociações com Gustavo ainda estão em fase inicial e o PSD é apenas uma das siglas com as quais o tucano está conversando neste momento sobre as eleições de 2012.


2 comentários

  1. Sergio Silvestre
    sexta-feira, 3 de junho de 2011 – 13:01 hs

    Essa cambada tá gostando do coletor do kassab.

  2. Wilson
    segunda-feira, 6 de junho de 2011 – 12:11 hs

    Cade o Fábio Camargo?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*