Audiência de instrução de filho de Bibinho é transferida para julho | Fábio Campana

Audiência de instrução de filho de Bibinho é transferida para julho

Eduardo Abib Miguel se envolveu em um acidente que causou quatro mortes em Curitiba em 2009. Ele está sendo processado por homicídio com dolo eventual

da Gazeta do Povo

A audiência de instrução de Eduardo Abib Miguel, filho de Abib Miguel, ex-diretor geral da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), que ocorreria nesta quinta-feira (2) foi transferida para o dia 15 de julho. Eduardo se envolveu em um acidente que causou a morte de quatro pessoas e deixou uma ferida, no bairro Batel, em Curitiba, em dezembro de 2009. O Ministério Público ofereceu denúncia crime contra ele em novembro de 2010, acusando Eduardo de homicídio com dolo eventual, quando o motorista assume uma conduta de risco de provocar a morte de outras pessoas.

A audiência, que seria realizada no Tribunal do Júri, foi adiada porque um dos peritos que fez o laudo oficial do acidente não compareceu. A defesa de Eduardo também fez uma perícia e contesta dados do laudo oficial, como por exemplo a velocidade em que Eduardo dirigia. Segundo o laudo oficial, ele estaria trafegando a uma velocidade entre 117 e 121 quilômetros por hora.

Acidente

O acidente com o filho de Abib Miguel ocorreu no início da manhã de 7 de dezembro de 2009. Ele dirigia uma caminhonete Pajero e teria furado um sinal vermelho na esquina da Rua Francisco Rocha com a Avenida Batel. O veículo dele bateu em um Citroën C3, com placas do Rio de Janeiro, que era dirigido por Felipe Pires, de 25 anos, no sentido Centro/Bairro. No carro, além de Pires, estavam Thayná da Silva Arcângelo, de 18 anos, que ocupava o banco da frente do veículo; Clóvis José de Jesus, de 39 anos; Alexandre Cuesta da Silva, de 29 anos; e Ana Karin Quintanilla Manzo, de 19 anos. Apenas Pires sobreviveu ao acidente. No dia do acidente, Eduardo Abib chegou a ser preso em flagrante, mas acabou liberado.

O inquérito policial do caso indica que Eduardo Abib apresentava sinais de embriaguez e dirigia em alta velocidade. Um laudo pericial concluiu que o acusado dirigia com velocidade entre 117 e 121 quilômetros por hora. O limite na via onde ocorreu a colisão é de 60 quilômetros por hora.

Eduardo Abib é filho do ex-diretor geral da Assembleia Legislativa. Abib Miguel, o Bibinho, está preso acusado de desvio de dinheiro público. O caso foi denunciado pela série Diários Secretos da Gazeta do Povo e da RPCTV.


5 comentários

  1. Pão & Circo
    sexta-feira, 3 de junho de 2011 – 11:14 hs

    Não se envolveu. Causou um acidente.

  2. DIDI
    sexta-feira, 3 de junho de 2011 – 11:33 hs

    Se o pai dele abre a boca……. Pizza a vista.

  3. Brimo
    sexta-feira, 3 de junho de 2011 – 11:38 hs

    Vai pro xaderz, esta familia Bibinho esta pagando pelos anos de arrogancia e prepotencia .
    Aqui se faz e se PAGA !

  4. jaferrer
    sexta-feira, 3 de junho de 2011 – 12:10 hs

    Mais um assassino que ficará impune. Ainda estamos longe da civilização.

  5. Borduna
    sexta-feira, 3 de junho de 2011 – 15:44 hs

    Pai e filho na mesma cela,jááááááááááááááá….

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*