Rossoni bate de frente com Procurador de Justiça | Fábio Campana

Rossoni bate de frente com Procurador de Justiça

O presidente da Assembleia, deputado Valdir Rossoni (PMDB), deu a entender que uma dessas pessoas é o procurador-geral de Justiça. O motivo seria o fato de o tucano ter substituído o irmão de Olympio do cargo de diretor legislativo da Assembleia.

“Será que o Olympio tem algum problema com o deputado Rossoni? Será que é porque eu demiti o irmão dele, que era um dos responsáveis pelo que acontecia na Casa? Por que o Olympio não abre uma investigação contra o irmão, que era diretor e tinha vários funcionários irregulares?”, questionou.

“Não vamos andar de joelhos para alguém que é sensacionalista e gosta de vazar informações à imprensa.”


12 comentários

  1. Vlemainski-Cascavel
    terça-feira, 10 de maio de 2011 – 12:11 hs

    É preocupante, para não falar em repugnante, se a afirmação do Rossoni for confirmada… Mas, como em praticamente em todas as falcatruas há conivência com pessoas ligadas à “justiça”, fica o Rossoni com o pincel na mão e sem escada. ´Mas é claro que o Rossoni está travando uma batalha contra a tirania, a oligarquia e o corporativismo. Tomara que tudo acabe bem. É o que nós paranaenses esperamos. Que prevaleça o bem…

  2. Ricardo III
    terça-feira, 10 de maio de 2011 – 12:23 hs

    Acho que demitir o irmão do Procurador Geral de Justiça do cargo que o mesmo ocupava na ALEP, não pode ser confundido com desacato ao MP. Agora se o Procurador Geral, levar prá este lado, mostrará definitivamente o que muitos concordam: o MP, depois da Constituição de 88, ficou absolutamente sem limites.
    Acordem os políticos sobre isso !!!

  3. pk
    terça-feira, 10 de maio de 2011 – 16:04 hs

    PENSAMENTO DO DIA: O MP não pode apresentar irregulariedade a um representante regular da sociedade,desde que esse seja regular à irregularidades, sem que o mesmo fique as claras com a justiça ele passa por irregularidades.

  4. Alessandra Medeiros
    terça-feira, 10 de maio de 2011 – 16:29 hs

    Procurador Geral está quietinho… por que será?

  5. jobalo
    terça-feira, 10 de maio de 2011 – 17:02 hs

    O severo foi e é um a pessoa responsavel,. nunca faltou um dia de serviço, e a sua diretoria , não mexia com dinheiro,, poque sera que o rossoni, quer tantto ferra-lo, se o severo tanto o ajudou, atraves de sua diretoria que lidava com os projetos e comissões, é claro que o irmão não tem motivos para investiga-lo, ,se aparecer alguma coisa, tenho certeza que o mesmo esclarece.

  6. injusticado
    terça-feira, 10 de maio de 2011 – 20:39 hs

    ricardo voce dise tudo o ministerio publico pensa que sao deus os maiores salarios do mundo e delees tem promotor com vinte anos de idade que nao sabe o que e ser pai mandando nos deputados e prefeitos e ganhao 3 vezes mais do que os prefeitos e nao ajudam um pobre a culpa dos deputado que aprovaram tudo em 88

  7. Silvia
    terça-feira, 10 de maio de 2011 – 20:51 hs

    Rossoni não quer ser investigado? Ora, esses dias mesmo não tinha foto em tudo quanto é jornal do Rossoni todo pomposo entregando documentos e pedindo para o procurador geral investigá-lo? Tá com medinho agora, tá? Quer uma investigação de mentirinha? Pau nele procurador!!!
    Ahhh e não esqueça da história do piloto do avião particular do “ilustre” presidente que era funcionário da alep, lotado no seu gabinete.

  8. jose marcos
    terça-feira, 10 de maio de 2011 – 21:48 hs

    Oh.. seu Jobalo.. Nem os Juízes de Direito aguentam mais o “denuncialismo” praticados por promotores de justicas, aliás, pelos promotores de acusaçao… Que PROMOTORES DE JUSTICA sao poucos.

  9. claudia
    terça-feira, 10 de maio de 2011 – 21:59 hs

    QUEREMOS TE OUVIR OLIMPIOOOOOOOOOO…..
    QUEM CALA CONSENTE

  10. Nottli.Med
    quarta-feira, 11 de maio de 2011 – 0:31 hs

    Criaram um monstro chamado MP, tudo pode e a tudo vê, mas quando ferem interesses dos próprios… sai de baixo.

  11. CLOVIS PENA -
    quarta-feira, 11 de maio de 2011 – 7:09 hs

    Celso Nascimento, resume bem na gazeta de hoje a situação:

    Crise de poderes

    O doutor em Ciência Política e professor de Direito em São Paulo Frederico de Almeida diz que Rossoni, caso tenha dúvidas reais sobre o comportamento de Olympio, deve levar a denúncia contra o procurador ao Conselho Nacional do Ministério Público. Por outro lado, o professor criticou as relações políticas de membros do Ministério Público. “Ainda é muito comum nos MPs estaduais uma relação muito próxima com grupos políticos, que comprometem a independência da instituição.”

  12. LOBO-GUARA
    quarta-feira, 11 de maio de 2011 – 8:33 hs

    Já dizia meu avô…. CORVO não come CORVO….
    aguardem pra ver o MP vai mobilizar a tropa toda para pegarem o Rossoni. Mas convenhamos, será que o judiciário e o seu anexo MP são tão intocáveis e probos assim??? perguntar não ofende!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*