"Em 70% dos municípios não temos policiais civis", afirma secretário | Fábio Campana

“Em 70% dos municípios não temos policiais civis”, afirma secretário

O secretário de Segurança Pública, Reinaldo de Almeida Cesar, esteve ontem na Assembleia Legislativa e afirmou que as polícias vem sofrendo com um sucateamento de pelo menos 15 anos no Estado. Para mudar esta situação caótica, o Governo do Estado está programando medidas pontuais, como a reposição dos efetivos da PM, Civil, IML e Instituto de Criminalística.

Além disso, o governo se comprometeu a divulgar com maior freqüência um diagnóstico da segurança pública. Todas as informações obtidas pela SESP serão divulgadas ao Legislativo. “Propomos o diálogo sem proposta partidária”, ressaltou Almeida Cesar. Segundo ele, o efetivo da PM é o mesmo de 10 anos atrás. “Em 70% dos municípios paranaenses não temos policiais civis”, disse. Outra informação preocupante é o número de armas apreendidas que ainda aguardam um laudo de criminalística. De acordo com o secretário, são pelo menos 5 mil casos em que a falta de pessoal atrapalha o trabalho de perícia. “O Paraná precisa duplicar o número dos seus efetivos”, afirmou.


17 comentários

  1. Policial Militar
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 15:15 hs

    Porque numa primeira fase, de forma emergencial, o secretário não retira os policiais que hoje fazem guarda de presos e dos foruns, policiais que estão em desvio de função em outros orgãos.
    E ainda poderia contratar pessoal civil para o serviço administrativo e alocar os policiais que estão no administrativo para o serviço de rua, aumentando a quantidade de viaturas nas ruas.

  2. Anônimo
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 16:06 hs

    Todo mundo fala que precisa disto daquilo precisa daquilo,mas na prática ninguem faz Nada entra governo sai governo, muda Secretários mas é só Papo furado,enquanto isto nós ficamos abandonados.É uma Vergonha!

  3. quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 16:30 hs

    Essa é a herança daquele “governo” que passou….do gardenal…..onde tinha um anaozinho arrogante e absurdamente prepotente….os quais arruinaram a segurança pública do Estado…e a colocaram nesta situação desesperadora…..essa dupla tem que ir para a cadeiaaaa….

  4. quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 17:48 hs

    O primeiro comentário feito pelo Policial Militar está super correto, basta retirar os policiais que estão aquartelados fazendo serviços burrocraticos, policiais que estão em presidios sendo baba de presos e colocar nas ruas, com sertesa com esta reestruturação dos desvios de funções podemos arrumar de 2.500 a 3.000 mil policiais militar´para reforçar a segurança nas ruas, para suprir esse efetido é só contratar empresas de segurança para tal função, à comessar pela ideia da secretaria de justiça que esta treinando pessoal civil para assumir diretoria dos presidios, super correta a atitude da secretária de justiça.

  5. quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 19:25 hs

    Muito bom!! Contratar mais policiais. Mas acredito que não é necessário gastar muito em contratações. Se o Governo colocar em prática a emenda 29 (Pec 64), da qual falavasse em salário inicial de quase R$ 5.000,00 reais para Policiais. Isso sim seria uma injeção de ânimo nos Policiais. Um Policiail bem pago, estaria com moral em alta, vontade de trabalhar, não tracaria sua função por propina, não precisaria fazer “bicos”, pois estaria com suas contas em dia e teria o mínimo de dignidade para prestar um ótimo serviço à sociedade parananese. É simples, fácil e está nas mãos do Governo. É só ter inteligência e cumprir o Lei que a Assembléia Legislativa aprovou. E também o Governo não seria questionado pela sociedade, pois esse aumento é Legal e Moral para nosso honrados POLICIAIS E BOMBEIROS PARANAENSES.

  6. Claudio Dalledone Junior
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 19:37 hs

    Caro Secretário.

    A sua postura não deixa dúvidas de que rumamos ao local certo para vencer o desafio da segurança pública.

    E segurança pública se alcança com estruturação de pessoal de material e principalmente de recompensa justa e adequada as classes policiais.

    Sinto-me confortado com os rumos da política implementada pelo Governador e por sua excelência.

    Desejo-lhe sucesso na empreitada.

    Claudio Dalledone Júnior.

  7. R.Silva
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 20:00 hs

    Descobriu o Brasil!
    Até os vira-latas da rua sabem disso, secretário!
    A questão é:
    1. O QUE o governo VAI EFETIVAMENTE FAZER quanto a isso?
    2. QUANDO isso será feito?
    Os problemas estamos carecas de conhecer. Queremos as SOLUÇÕES.

  8. Paraná
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 20:01 hs

    As forças de segurança do Paraná estão com grande expectativas. Parafraseando nosso ilustre ex-presidente: “nunca na história desse Paraná houve um homem tão capacitado à frente da Secretaria de Segurança Pública”. Resta saber se conseguirá dar impulso às suas ideias, ou seja, se a politicagem não atrapalhar.
    UM DOS PIORES entraves para o trabalho das polícias (civil e militar) é sem dúvida o sistema prisional, RESPONSABILIDADE DO JUDICIÁRIO mas que está nos cuidados de policiais civis e militares. O Paraná é o Estado onde mais se tem presos em delegacias, o que é um ABSURDO.
    Pelo amor de Deus secretário, mande os presos para justiça (leia-se: penitenciária, sob guarda dos agentes peninteciários) e verás um batalhão de policiais na rua dando segurança para a população.

  9. Luiz Carlos
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 20:42 hs

    La vem este cara com desculpa de falta de policiais denovo, isto ele já falou mais de mil vezes (todo mundo já sabe disso). Vamos agir Sr. Secretario, sabemos que em poucos dias não vai se resolvido o problema, mas pare de desculpas e vamos trabalhar.

  10. jose marcos
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 20:57 hs

    É??!!… mesmo assim há tantos Policiais em desvio de sua funcoes… Fórum, Presídios, Gaeco….. e assim vai..

  11. jr
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 21:25 hs

    Também precisa de melhores sálarios e melhores condições de trabalho, não basta somente contratar e não ter viatura ou um local decente para prestar serviços a população. Vejam a PF como exemplo.

  12. Senoj Ialat
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 21:56 hs

    A Policia Civil do Paraná foi tratada de forma vergonhosa… a situação em que se encontra é lamentável.
    Quem perde é a sociedade que não tem os inquéritos concluídos nem as investigações.
    E tem muitos aprovados em concursos loucos para trabalhar, o governo tem que mexer na pesada máquina burocrática e agilizar a contratação, pelo menos vai aliviar um pouco a situação.

  13. policial civil
    quinta-feira, 19 de maio de 2011 – 7:11 hs

    Os Policiais Militares estao certos e para melhorar ainda mais a segurança é necessario tirar os presos das delegacias e deixarem os Policiais Civis investigarem, e com certeza o numero de crimes solucionados aumentaram, alem disso é necessario dar um enxugada nos Departamentos da Policia Civil onde tem muita gente sem fazer nada, enquanto nos distritos e no interior ha uma sobre carga de serviço. Se acabasse com a PM e a PC e fizessem uma unica policia ai sim a segurança melhoraria, mas os deuses do olimpo(da PM e da PC) nao querem perder o poder.

  14. Toni Maques
    quinta-feira, 19 de maio de 2011 – 9:18 hs

    Alguém precisa tomar providências, não é mesmo secretário?

  15. João
    quinta-feira, 19 de maio de 2011 – 14:24 hs

    Como foi dito em um comentário acima…descobriu o Brasil!
    Isso não é novidade e a pergunta q fica até quando vão ficar jogando PMs no centro durante o dia pra fazer propaganda e esquecendo do policiamento nos bairros e principalmente a Polícia Civil que ficou durante anos sem concurso causando um abismo grave de pessoal, sendo que sem PC a impunidade reina! Ação secretário…vários candidatos aprovados em concursos recentes aguardando nomeação e o senhor só fica falando sobre o mal que o governo anterior causou (oq não é novidade…mas o povo elegeu o querido Requião pro senado DE NOVO!…o povo merece o governo que tem!!) Ação!!

  16. Vilma Kato
    sexta-feira, 20 de maio de 2011 – 8:06 hs

    Um autosucateamento do sistema de Segurança Pública. De certa forma, era previsto e previsível. Só não vê quem não quer. Não adianta ficar pedindo de pires da mão pois já está um caos.Medidas paliativas, retalhos e remedos só servem para amenizar. O Sr. Secretário bem sabe que a política ou a politicagem é a tônica no Estado do PR.

  17. Vadalco
    sexta-feira, 20 de maio de 2011 – 13:45 hs

    Vilma, discordo de sua opinião … não é autosucateamento … é sucateamento planejado …. o governo faz isto de forma proposital.
    Vadalco Weissfuder

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*