Bancada evangélica faz movimento contra união homossexual | Fábio Campana

Bancada evangélica faz movimento contra união homossexual

De Joice Hasselmann

O julgamento do reconhecimento da união homoafetiva no Supremo Tribunal Federal foi motivo de muita discussão hoje, na Assembleia Legislativa do Paraná. A bancada evangélica estuda fazer um movimento contra o reconhecimento do casamento gay.

O deputado Caito Quintana, do PMDB, tem um projeto que tramita na Assembleia permitindo que parceiros possam ser declarados como dependentes de seus companheiros, independente do sexo. Com isso, os casais homossexuais teria direitos a benefícios da PR Previdência. A proposta está na Comissão de Constituição e Justiça, e deve ser votada na próxima terça-feira.


13 comentários

  1. ANDRES
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 10:58 hs

    HOMEM É HOMEM E MULHER É MULHER!!!!! GRAÇAS A DEUS PORQUE JAMAIS CONSEGUIRIA CONVIVER COM UM HOMEM. QUANDO FIZ 24 ANOS GRAÇAS A DEUS ME CASEI E GRAÇAS A DEUS UMA MULHER ME QUIZ, PARA FICAR DO MEU LADO. NAO AGUENTAVA MAIS CONVIVER COM MEU PAI, NAO PORQUE MEU PAI ERA UM PAI RUIM, MUITO PELO CONTRÁRIO, É UM EXCELENTE PAI ATÉ HOJE! MAS PORQUE CONVIVER COM HOMEM PRA MIM NAO DÁ. NAO SOU HOMOFÓBICO MAIS JAMAIS CONCORDAREI COM A UNIAO SEXUAL DE DOIS HOMENS, E ISTO NAO É NENHUMA LEI QUE VAI ME FAZER CONCORDAR E ACEITAR TUDO ISTO.
    QUE AS PESSOAS ESTAO SENDO PRESAS EM OUTROS PAÍSES,ISTO, JÁ SABIA QUE MAIS CEDO OU MAIS TARDE, QUE IRIA COMEÇAR A ACONTECER. POIS É AMIGOS CRISTÃOS SEJA VOCE DE QUALQUER DENOMINAÇÃO RELIGIOSA QUE CONHECE A PALAVRA DE DEUS ESTEJA PREPARADO COMO EU JÁ ESTOU, PARA SER, PRESO E PERSEGUIDO DE UMA MANEIRA, MAIS VISIVEL POR AMOR A JESUS CRISTO. CONTUDO NADA ME ASSUSTA PORQUE EU SEI EM QUE TENHO CRIDO E ESTOU BEM CERTO QUE ELE É PODEROSO PRA GUARDAR O MEU TESOURO ATÉ O DIA FINAL!!!!!!!ALELUIAS E GOLRIAS A DEUS!!!!!!!!!!!! A TA MEU NOME É ANDRES E NAO ME ENVERGONHO DESTE EVANGELHO QUE PREGO E NAO DEFENDO, PORQUE DEUS NÃO PRECISA DE QUE NINGUÉM O DEFENDA!! AMEM!!!!!

  2. ANDRES
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 11:22 hs

    RESPONDENDO AO MAURÍCIO:
    O PROBLEMA É ESTE AMIGO, VOCE ACHA QUE RELIGIÃO É PESSOAL, E NÃO É. O MUNDO PENSA COMO VOCÊ, MAIS ESTÃO ENGANADOS. É POR CAUSA DESTE TEU PENSAMENTO QUE O MUNDO ESTÁ COMO ESTÁ. DESCULPA, MAIS TE ENSINARAM ERRADO. DO JEITO QUE VOCÊ FALOU A RELIGIÃO PARECE UM TIME DE FUTEBOL CADA UM TEM O SEU, E NÃO É ASSIM. POR ISSO AS CADEIAS ESTÃO CHEIAS DE PRESOS, INCLUSIVE MÉDICOS, ADVOGADOS, JUÍZES ENTRE OUTRAS AUTORIDADES(TODOS POSSUEM A SUA “RELIGIÃO”) PORQUE O ESTUDO A CIÊNCIA E A RELIGIÃO NÃO PRODUZ UMA COISA CHAMADA CARÁTER. E SÓ QUEM PODE PRODUZIR CARÁTER E TRANSFORMAR O HOMEM É UMA PESSOA CHAMADA: JESUS CRISTO ÚNICO SALVADOR(JOAO CAP.3.VERSO16.).E É QUEM NESTE MOMENTO EU TE APRESENTO. DE A ELE: A JESUS, UMA CHANCE DE TRANSFORMAR A SUA VIDA. COMO UM DIA EU DEI. E HOJE NÃO VIVO UMA RELIGIÃO, APESAR DE PERTENCER A UMA IGREJA, MAIS TENTO VIVER O JESUS QUE HOJE TE ANUNCIO.

  3. ANDRES
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 12:32 hs

    RESPONDENDO PARA VOCÊ: RELIGIÃO.
    DEUS NAO CRIA DOENÇAS E SIM PERMITE OU NÃO QUE ELAS SURJAM. A PRÓRIA MÃO DO HOMEM E O PECADO SÃO O QUE CRIAM AS DOENÇAS. QUANTO A AIDS DEUS PERMITIU QUE ELA APARECESSE SIM PARA CASTIGAR O HOMOSEXUALISMO. SÓ QUE DEUS NÃO CASTIGOU NINGUÉM O PRÓPRIO HOMEM É QUEM CRIOU ISTO.
    DEUS É AMOR ALELUIAHH!!!!!DEUS É AMOR ALELEUIAHH!!!!!
    E NÃO CASTIGO!!

  4. Ederson Rezednde
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 23:28 hs

    Boa noite a todos,

    sem mais palavras, mas sobre esse assunto o amor de muitos se esfriará, o fato ocorrido abominação é, e que certamente a verdade será apagada, pisada e esmagada por muitos, favorecendo os princípios do anticristo…

    A todos os “praticantes e assumidos do movimento recem firmado” que Deus tenha misericórdia de suas almas e que seja a vontade de Deus e não a da criação….

  5. JUAN RICARDO SPERLING
    quinta-feira, 19 de maio de 2011 – 7:40 hs

    È uma tremenda catástrofe social atual, em que a “miopia” dos políticos que ficam demonstrando exagerado interesse em assuntos que nunca foram novidade, como se fossem; de forma mal focalizada dedicam enormes esforços e recursos para conceder direitos á homosexuáis; (tão pequena minoria da sociedade) quando os direitos da sociedade em geral de: Segurança, saúde, emprego, educação e muito mais, simplesmente é jogado por cima dos ombros é deixado para trás como um insignificante lixo. È uma grande pena que num território tâo extraordinariamente abençõado por Deus como é o Brasil, a classe política caminha tropeçando-se por cima dos seus próprios pés.

  6. sexta-feira, 20 de maio de 2011 – 11:26 hs

    Gosto do trabalho de muitos evangélicos, não o sou, sou católico e totalmente contra união de homo, além de ser um afronta a sociedade, não está previsto na biblia sagrada.

  7. ainat
    sexta-feira, 20 de maio de 2011 – 13:30 hs

    Realmente é um assunto polêmico, mas já que de uma forma ou de outra os homossexuais existem independente de querermos ou não, alei é a melhor coisa que poderia ter acontecido, pois assim regulariza a situação daqueles que mantém a união legal amparando os mesmos.
    Quanto a homofobia,não vejo motivo para que a mesma exista, já que cada um sabe aquilo que quer fazer.
    Portanto, a atitude no nobre deputado Caíto Quintana está correta.
    Sobre a adoção por casais homossexuais com certeza será melhor do que deixá-las nas ruas se drogando, se prostituindo e abandonadas.
    Cristão verdadeiro é aquele que não tem preconceito, é aquele que aceita o seu semelhante como ele é, aquele que ajuda sem cobrar nada. Esse é o verdadeiro cristão filho de Deus.

  8. DAVID
    terça-feira, 24 de maio de 2011 – 22:43 hs

    SENHORAS E SENHORES BÔA NOITE. AOS DEMAIS: NEM SEI COMO CHAMA-LOS JA QUE, O QUE ERA SENHOR TRATA-SE DE SENHORA E VICE VERSO. INFELIZMENTE OS HOMENS BRILHANTES QUE VOTAM AS LEIS DESSE pais ESQUECERAM DE ENSINAR A SOCIEDADE DE COMO CUMPRIMENTALOS. NÃO SEI SE SOU OBRIGADO A TRATAR UM SENHOR COMO SENHOR OU COMO SENHORA. INFELIMENTE PASSOU A SER OBRIGAÇÃO ACEITAR DOIS BARBUDOS SE BEIJANDO NO MEIO DA RUA EM FRENTE DA MINHA FILHA DE 7 (SETE) ANOS E DIZER PRA ELA QUE É BONITO É NORMAL PORQUE ME OBRIGAM A SER HIPÓCRITA SENÃO VAI PRESO. LIBERDADE DE EXPRESSÃO VIROU CRIME. QUE FILHOS IREMOS CRIAR? LEIAM ROMANOS CAP.1 VERS. 18 EM DIANTE , TUDO ISSO JA ESTAVA ESCRITO, ENTREGARAM SEUS CORPOS A IMUNDICE TROCARAM A VERDADE DE DEUS EM MENTIRA. COMO AVES RÉPTEIS E QUADRUPEDES. SE CONTAMINANDO UNS PARA COM OS OUTROS MULHER COM MULHER E HOMEM COM HOMEM E RECEBERÃO EM SEUS CORPOS A RECOMPENSA QUE CONVEM A SEU ERRO. NÃO FOI DEUS QUEM CRIOU A AIDS, FOI O PECADO. DAI VOCÊS VEEM QUE A MAIS DE DOIS MIL ANOS JA VINHAM SENDO AVISADOS. O LIVRE ARBITRIO É DIREITO DE TODOS ISSO NÃO FOI MEIA DUZIA DE MINISTROS QUE VOTARAM, SÃO DIREITOS QUE CONSTAM NAS ESCRITURAS SAGRADAS, A UNICA FORMA DE SE LIVRAR DESSA MALDIÇÃO É ENTREGANDO SUAS VIDAS NAS MÃOS DO SENHOR JESUS, ACORDEM EM QUANTO É TEMPO A VINDA DO SENHOR JESUS ESTA PRÓXIMA.

  9. Gilson
    quinta-feira, 2 de junho de 2011 – 9:07 hs

    A liberdade é direito pessoal e individual, não se diz do outro mas de si mesmo, quando me respeito, automaticamente respeito o outro, aceitar ou não a opção religiosa é direito de cada um, decidir o que vai ou não ser da alma, do corpo ou da mente também é direito de cada um o que não é direito é me forçarem aceitar uma religião ou me coibir no campo das idéias, ou no campo dos pensamentos ou expressões de aceitar ou não quem quer que seja . O que não posso é violentar uma pessoa fisicamente pelas suas escolha seja ela quais forem como na fé, as escolhas são individuais.

  10. João carlos
    quinta-feira, 2 de junho de 2011 – 23:23 hs

    JAMAIS CONCORDAREI COM A UNIAO SEXUAL DE DOIS HOMENS, E NAO É NENHUMA LEI QUE VAI ME FAZER CONCORDAR E ACEITAR TUDO ISTO.

  11. PaulaZ
    terça-feira, 11 de dezembro de 2012 – 18:56 hs

    Aos dementes de plantão, homossexualidade, ou heterossexualidade não é uma ESCOLHA, e sim algo que já vem dentro de cada um, como a cor da pele. Ou vocês acham mesmo que os gays escolheram sofrer uma discriminação ridícula de uma sociedade mais ridícula ainda?

  12. PaulaZ
    terça-feira, 11 de dezembro de 2012 – 18:59 hs

    Quanto mais comentário homofóbico eu leio, mais vergonha eu sinto de fazer parte da mesma espécie de vocês.

  13. Ronaldo
    sábado, 15 de agosto de 2015 – 0:38 hs

    Sobre a homossexualidade

    Não há nada de errado com a homossexualidade. A homossexualidade é perfeitamente respeitável. A forma como ela vem sendo retratada, por várias tradições religiosas, como pecaminosa e prejudicial, origina-se da ignorância. Não há nada de errado em se sentir atraído por pessoas do mesmo sexo. Na verdade, a preferência pelo mesmo sexo ou pelo sexo oposto não é tão fixa e rigidamente dividida, como muitas pessoas pensam. Uma pessoa pode ser heterossexual e ser atraída por pessoas do seu próprio sexo. Existe uma escala móvel entre heterossexualidade e homossexualidade, e não uma fronteira fixa. A sexualidade está na alma, e não no corpo. Não é o corpo que direciona a sexualidade da pessoa.
    O ser humano é bissexual por natureza. Há muitas teorias espiritualistas que afirmam isso, inclusive alguns estudiosos da psicologia também afirmam que o ser humano possui os dois sexos dentro de si, ou seja, que ele é andrógino. Porém, o grau de masculinidade e de feminilidade no ser humano varia. Um homem, por exemplo, pode ter dentro de si (em sua alma) uma porcentagem feminina bem maior do que a masculina. Nesse caso, a tendência de ele vir a se interessar por homens tem uma probabilidade bem maior. Mesmo um homem que tenha uma porcentagem feminina pequena dentro de si pode vir a ser homossexual. Basta que surjam oportunidades, experiências, educação, etc. É por isso que se veem homens másculos, mas homossexuais, ou seja, porque dentro de todo ser humano existem as duas sexualidades, e cada uma delas pode se sobressair por algum motivo.
    Até mesmo no reino animal existe homossexualidade. Pesquisadores afirmam que o comportamento homossexual é bastante comum na natureza, e não é restrito a mamíferos; aves e insetos também o apresentam. E quem nunca viu um cão transando com outro cão? Alguém chamaria dois animais do mesmo sexo transando de imorais? Será que eles têm consciência da moral e dos bons costumes? Não. Faz parte da natureza. E quem criou essa natureza foi Deus. Ou alguém acha que os animais são conscientes dos seus atos?
    Deus não criou apenas seres heterossexuais, criou também homossexuais, bissexuais, assexuados, hermafroditas, etc. Tudo é natural, e nada está errado.
    As pessoas precisam ser respeitadas pelo que são, e não pelo que fazem da sua vida sexual. Há homossexuais que são pessoas maravilhosas, verdadeiros seres humanos, pessoas valiosas, que ajudam muitas pessoas com seu trabalho e solidariedade. Há heterossexuais que são assassinos, ladrões, estupradores, traficantes… e que se autodenominam “homens”, “heteros”. O que é mais importante? Está aí uma prova de que preferência sexual não tem nada a ver com moral.
    É uma bobagem e perda de tempo combater a homossexualidade, porque é uma realidade da natureza que sempre existiu e que sempre existirá. Quem não tem um homossexual na família? Quem não tem, logo terá. E essa pessoa merece o desprezo, a rejeição, a crítica, a condenação?
    Os grandes mestres da humanidade, sabiamente, não se pronunciaram sobre a homossexualidade. Eles sabiam que Deus não está preocupado se a pessoa é homo, hetero ou bi. Assim como Ele não está preocupado se a pessoa é feia ou bonita, rica ou pobre, casada ou solteira, tem curso superior ou não, etc. O que interessa para Deus é o aprimoramento moral. É tornar-se bondoso, tolerante, paciente, calmo, alegre, solidário, honesto, justo, etc.
    Do ponto de vista espiritual, o que importa nos relacionamentos sexuais é como um se conecta com o outro de alma para alma. Sempre que existe uma conexão profunda, marcada por uma parceria verdadeira e respeito mútuo, o fato de o relacionamento ser entre homem-mulher, homem-homem ou mulher-mulher realmente não importa.

    Autores diversos

    Todos têm direito a ser felizes, independentemente de suas crenças ou opiniões.
    As pessoas confundem ‘incomum’ com ‘anormal’. Tudo é normal, embora nem tudo seja comum.
    Ser contra a união homossexual é andar na contramão da evolução humana e social. Essa história é velha na sociedade humana.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*