Ministra terá que explicar contratação de Nassif por R$ 660 mil sem licitação | Fábio Campana

Ministra terá que explicar contratação de Nassif por R$ 660 mil sem licitação

A secretária de Comunicação da Presidência da República, ministra Helena Chagas, terá que explicar a Câmara dos Deputados a contratação, por R$ 660 mil ao ano, do jornalista Luiz Nassif. O contrato, sem licitação, foi firmado entre o profissional e a Empresa Brasil de Comunicação. Na prática, Nassif passará a receber R$ 55 mi por mês, um salário superior ao teto do funcionalismo e da presidente da República, Dilma Rousseff.

Em requerimento de informações protocolado nesta terça-feira, o líder do PPS na Câmara, deputado federal Rubens Bueno (PR), cobra os fundamentos da contratação com dispensa de licitação, a descrição dos serviços que serão prestados pela empresa Dinheiro Vivo (de Nassif) e a cópia do contrato firmado.

No documento enviado a ministra, o deputado lembra que Nassif mantém um blog pró-governo e o contrato milionário pode ser considerado uma benesse. “A confirmação da celebração deste contrato, mediante dispensa de licitação, seria muito grave, pois pode se referir, em tese, a uma benesse concedida a um conhecido jornalista que é favorável ao governo. Seria uma forma de institucionalização da imprensa ‘chapa branca’, que recebe favores do governo de ocasião em troca da defesa das políticas governamentais”, afirma o líder do PPS.

Para Rubens Bueno, a contratação do jornalista é imoral. O parlamentar disse ainda que o contrato deveria ser considerado ilegal por não ter sido feito através de licitação e por não apresentar critérios claros sobre a escolha dos profissionais. Conforme a resposta que receber da secretaria do Comunicação, o líder do partido decidirá se vai acionar a justiça para anular o contrato

Essa Não é a primeira vez que a empresa recebe dinheiro do governo federal. Entre 2009 e 2010 foram pagos a Dinheiro Vivo R$ 1,2 milhão para a produção e apresentação de um programa semanal de debates. Nassif disse em seu blog que “observaram-se no contrato os mesmos valores praticados por canais a cabo”. Porém, no caso em questão, trata-se de dinheiro público.


21 comentários

  1. MAE
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 15:12 hs

    ai que invejaaaaaaaaaaaa

  2. CAÇADOR DE PETISTAS
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 15:13 hs

    Não da nada. O governo tem a maioria no Senado, que estão todos comunados com as maracutaias do PT. Pergundo: E, o mensalão d PT, como esta?
    O PT, montou a maior quadrilha de assalto a mão armada que este pais já teve e, escrevam, nada acontecerá pois, é PT.

  3. terça-feira, 19 de abril de 2011 – 15:43 hs

    Quem te viu, quem te vê. Luis Nassif a uns 18 anos atrás era um brilhante jornalista econômico em franca ascensão. Suas opiniões tinham grande eco no mercado. Em determinado momento se perdeu. Essa triste notícia confirma que sua aproximação com o PT foi para garantir uma “boquinha”. O minguado de respeitabilidade que lhe restava agora evaporou-se.

  4. Mirian Waleska
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 15:46 hs

    Meu amigo caçador de petistas, essa racinha é a piór que ja ocupou espaço em território nacional, quanta impunidade quando a coisa é com o PT, e a culpa é do povo mesmo, esse povo que se cala para essas coisas, estudantes por bem pouco ocupam ruas, até por centavos em passagens de õnibus, no preço do pastel da cantina, e permitem que lhes roubem descaradamente como a turma do PT faz, e não reagem para esse tipo de coisa. Onde estão os caras pintadas? Será que a turma de tirou o Color da presidência não deixou sucessor? Meu Deus como eu queria companhia para começar um agito bem grande em Brasilia…
    Depois tem gente que se ofende quando eu digo que o PT é a maiór quadrilha que ocupa solo brasileiro, é a corrupção explicita no país, se eu não tivesse nem um curió pra dar água sabe o que eu queria fazer? Queria largar tudo e começar a reunir pessoas para ir até o congresso nacional, muitas pessoas, muitas e desmontar tudo, chamar a imprensa internacional, porque a daqui não resolve nada, e promover uma revolução no país, chamar o Lula de quadrilheiro, a Dilma de estelionatária e por aí a fóra. Cadeia? quem tem medo de cadeia? meu mêdo está no que eles ainda podem fazer no comando desse país que nem sei porque aprendi a amar.

  5. Cacau
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 16:23 hs

    E o perdão da dívida do BNDES ao imparcial colunista, já esqueceram?

    http://angelodacia.blogspot.com/2009/01/os-imbrglios-de-nassif-parte-5.html

  6. Zangado
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 17:19 hs

    Nem imoralidade pública é – a própria indecência moral desses gestores públicos é de arrepiar o cabelo !
    Nada mais os compele a, pelo menos, respeitar a nação !
    Não – depois de eleitos, mandato na mão, os “donos do poder” fazem tudo e terão desculpa para tudo.
    Depois que Lula mentiu descaradamente sobre o mensalão tudo nesse campo se tornou possível neste país.
    Deixar o caso nas mãos do Parlamento – cheios de fichas-sujas – é permitir a passagem de uma mão de verniz nesta indecência moral e pública !
    A sociedade merece, pois, não reage.

  7. OSSOBUCO
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 18:35 hs

    Seria bom que o pau que bate em Chico batesse em Francisco também.
    O Serra e o Alckimin compram milhares de exemplares da Veja, Estadão e Folha de São Paulo todos os anos para um programa de leitura nas escolas paulistas e nenhum reaça comenta, o Serra gastou em publicidade mais do que o governo federal e ninguém fala nada, o Serra contrata a Marília Gabriela no Roda Viva da sua TV estatal e ninguém fala nada … ora tenham paciência, deixem de hipocrisia!

  8. OSSOBUCO
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 18:39 hs

    Nassif é um dos melhores jornalistas do país, apenas porque não segue a cartilha da direita e da imprensa comercial é atacado com infâmias … a direita raivosa está cada vez mais encrencada, não falam nada da mídia que adula o PSDB

  9. Porecatu
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 18:48 hs

    Ora, ora, Campana, trata-se do pagamento pelos bons serviços prestados ao PT et caterva dos últimos anos.

  10. terça-feira, 19 de abril de 2011 – 18:55 hs

    Bem lembrado Cacau ! Será que pelos meios democráticos um dia essa caterva será extirpada do “puder”?

  11. Vigilante do Portão
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 19:11 hs

    E O Douto Minist´´erio Público?

  12. tony
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 19:13 hs

    Como é bom sempre estar ao lado do Governo, assim a gente sempre fica numa boa, independente da cor ou da ideologia reinante. O cara está ganhando até mais do que a compnaheira, e nem preciosu se candidatar. Poxa, que cara de sorte, ele é a prova viva de que puxação de saco funciona. Não é a toa que acabaram de fundar o partido da boquinha, o tal PSD, todos juntos a favor do Governo e de si mesmos. Tony

  13. Milton Santos
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 19:15 hs

    E será que ela vai conseguir explicar alguma coisa.
    É, o dinheiro não é dela mesmo né.
    Gastar dinheiro alheio é a melhor coisa.
    Pode-se até dar desculpas esfarrapadas, que ninguém vai duvidar.

  14. Deutsch
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 20:05 hs

    Ué, cade os petistas para defender as maracutaias da bandida e sequestradora dilma?
    Com certeza tem um carminguá pro lula tambem.

  15. CAÇADOR DE PETISTAS
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 20:30 hs

    MIRIAN.

    PT, O CÂNCER DO BRASIL.

  16. cezar
    terça-feira, 19 de abril de 2011 – 21:35 hs

    O PT manda e desmanda nesse país certo? Enquanto distribuiir bolsas familias, escolas,vale gas,vale leite etc, etc, os vagabundos da minha vila estarão tomando sua cervejinhas em plena segunda-feira e as mulheres prontas para a proxima gravidez.

  17. kowalski
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 1:42 hs

    Nassif tinha coluna prestigiada no jornal Folha de São Paulo. E também era comentarista econômico da Tv Cultura. Mas, sempre há um “mas”, não fez direito a lição de casa, se meteu a fazer coisas que não devia… E, como disse o Ricardo, em determinado momento se perdeu. Contudo, quem tem padrinho, não morre pagão. A presidente da EBC, Tereza Cruvinel, ex-comentarista política de O Globo, não titubeou em arranjar uma sinecura para o decadente jornalista e colega. Nassif não tem mais prestígio, mas vai ter R$ 55 mil no bolso, mensalmente.O PT é fiel, não deixa na mão os seus, principalmente os que aderiram na hora derradeira.

  18. ocimar
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 2:45 hs

    É,mas tem um vídeo que circula na internet a uns anos desse tal jornalista decendo o prego no sapo barbudo agora a quadrilha contrata ele,muito estranho mesmo.

  19. João Hansen
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 10:46 hs

    Caro Coordenador, com mais essa anomalia denunciada e praticada pelo governo da PRESIDENTA DILMA, como dizem seus pares, firma-se o posicionamento do atual governo buscando criar jurisprudencia em promover e dar continuidade as ações do MENSALÃO com outro nome patrocinado pelos mesmos membros de outrora. É a sequencia natural das ações, pois são poucos Dep. Rubens Bueno que tem estomago para discutir esse tipo de tema, pois a sociedade tem feeling de que a magistratura não dará continuidade ao processo de sanitização do poder público. Atenciosamente.

  20. Míriam
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 11:11 hs

    Ocimar, não pode com ele? junte-se a ele é o lema do governo do PT>

  21. Ernesto
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 16:02 hs

    Quero ver se vc publica o direito de resposta no estadão, que segue abaixo:
    O direito de resposta no Estadão
    Enviado por luisnassif, qua, 20/04/2011 – 11:53

    Do Estadão

    Cartas – 20/04/2011

    20 de abril de 2011 | 0h 00

    TV BRASIL
    Contratação

    Em nome da objetividade com que O Estado de S. Paulo trata as informações, solicito a publicação dos seguintes esclarecimentos em relação à matéria TV Brasil contrata blogueiro por R$ 660 mil sem licitação (15/4).

    Tenho 40 anos de carreira jornalística. Faço parte da história do jornalismo econômico brasileiro, ao lado de colegas como Biondi, Joelmir, Ming, Rocha, Mirian e outros. Ajudei a criar o jornalismo voltado para o consumidor, aí mesmo, no Jornal da Tarde, nas seções Seu Dinheiro e Jornal do Carro. Introduzi o jornalismo eletrônico no País.

    Quem acompanha meu blog sabe que tenho posição crítica em relação a muitos pontos da mídia e também a pontos centrais da política econômica – em especial as políticas de juros e de câmbio. Quem acompanha meus comentários pela TV Brasil sabe que tenho feito críticas sistemáticas à timidez da Fazenda e do Banco Central em tratar da questão do câmbio.

    Uma TV se faz com conteúdo e com cast – nomes conhecidos pelo público. É isso que levou a Record a contratar Heródoto Barbeiro, o SBT a contratar Marília Gabriela, a Globo News a contratar colunistas de outros jornais. E levou a nova Rede Eldorado a anunciar como estrelas comentaristas renomados do próprio Estadão.

    Se a essência de uma emissora é o conteúdo produzido e o grau de conhecimento público de seus jornalistas, como tratar como desperdício de dinheiro público minha contratação pela EBC?

    Pela própria natureza do trabalho, não existe licitação para contratar jornalistas ou artistas. Não é previsto na Lei de Licitações nem no uso do bom senso. Pela direção de conteúdo, pesquisas, manutenção de uma equipe para transbordar as discussões para a internet e apresentação do programa semanal, receberei R$ 35 mil (R$ 20 mil referem-se a comentários para o jornal da rede, Repórter Brasil).

    Para efeito de comparação, a TV Cultura contratou grandes personagens, para tarefas mais restritas, por R$ 150 mil mensais.

    Louvo o acompanhamento que o Estadão faz dos gastos do governo. Mas sugiro cautela para não transformar qualquer gasto em ato criminoso.

    LUIS NASSIF
    luis.nassif@gmail.com
    São Paulo

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*