Governo promete alugar 25 viaturas para o IML | Fábio Campana

Governo promete alugar 25 viaturas para o IML

Informação foi dada à Comissão de Direitos Humanos da OAB.
Há meses IML de Curitiba enfrenta problemas de falta de estrutura.

Do G1 PR

O Governo do Paraná informou à Comissão de Direitos Humanos da OAB na tarde desta quarta-feira (6), que vai alugar 25 carros para o Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.

Os quatro advogados da comissão se reuniram com o diretor do IML, vistoriaram as instalações e pediram explicações sobre o que está sendo feito para melhorar a estrutura e o atendimento à população.


A comissão retornou ao IML, 20 dias depois das notícias de abandono. Neste período, 80 corpos que estavam sem identificação foram enterrados. Mas ainda há, pelo menos, mais 80 no necrotério.

De acordo com a presidente da comissão da OAB, Isabel Mendes, o diretor estipulou um prazo de três semanas para que todos os corpos sejam liberados ou enterrados.

O Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba enfrenta problemas de falta de estrutura há vários meses. Em abril, o corpo de um homem assassinado levou mais de oito horas para ser removido porque a única viatura que estava disponível para o atendimento da população quebrou.


12 comentários

  1. NÃOOOOO
    quinta-feira, 7 de abril de 2011 – 14:32 hs

    NÃO PRECISA ALUGAR, É SÓ ACHAR OS CARROS DA ASSEMBLÉIA QUE DEVEM ESTAR SENDO USADOS PARA SERVIÇOS PARTICULARES……

  2. Estatística
    quinta-feira, 7 de abril de 2011 – 14:32 hs

    Com certeza vai ser mais barato que o aluguel do betocóptero.

  3. luis gringo
    quinta-feira, 7 de abril de 2011 – 15:02 hs

    Vai ser paga mais uma divida de campanha, desta vez com alguma empresa de aliguel de carros.

  4. quinta-feira, 7 de abril de 2011 – 15:08 hs

    O aluguel desses carros ficam bem mais caro que comprar uma frota nova,Beto esta repetindo erro do Jose Richa quando alugava carros para a Copel,e deixou a frota da Copel sem manutenção e sucateando a mesma.

  5. Palhaço
    quinta-feira, 7 de abril de 2011 – 15:13 hs

    Impressionante !
    A Assembléia nem sabe quantos veículos possue !
    O IML sabe mas nenhum funciona adequadamentente…
    E agora pretendem alugar rabecão…
    Tem alguma coisa errada nisto….

  6. Félix
    quinta-feira, 7 de abril de 2011 – 15:28 hs

    Alugar ???

    Tenha a santa paciencia…..

    Com os patios da Receita Federal ABARROTADOS de carros para DOAÇÃO , que podem ser perfeitamente adaptados…..

    Elaborando um oficio solicitando a doação em nome do ESTADO, como fazem inúmeras prefeituras Paraná afora.

    Doação- custo zero
    Adaptação- custo baixo, comparado com o aluguel

    E no final o Estado ainda ficaria com o patrimonio, ou seja, os carros.

    Será que não pensaram nisso?

    Claro que estes carros exigirão manutenção, que, se feita dentro dos padrões de SERIEDADE, os custos seriam infinitamente MENORES que uma locação.

    Ah gente, por favor….

  7. Angus Young!
    quinta-feira, 7 de abril de 2011 – 15:29 hs

    Tem viatura parado que é só arrumar o motor do limpador de para brisas ,outra é trocar os pneus e o rolamento da roda traseira nenhuma esta condenada a ponto de serem sucatedas!!,,,,pq não arrumar estas e mais algumas que estão em boas condições que se encontram no Santa Cândida….

  8. anonimo
    quinta-feira, 7 de abril de 2011 – 15:34 hs

    Tudo desculpa o sucateamento, está aí, aluguel de terceiros, provavelmente de alguma OSCIPs.

  9. Geraldo
    quinta-feira, 7 de abril de 2011 – 20:14 hs

    Já nao era sem tempo…

  10. Milton Santos
    sexta-feira, 8 de abril de 2011 – 0:56 hs

    Na realidade, pelo aluguel de um carro desses paga se um novo em mais ou menos 10 meses.
    Tem caroço nesse angú aí, ou estou errado.
    Talvez porque essa matemática minha´seja dos anos 80, época que terminei o terceirão.
    Isso demonstra que devo fazer um pouco de cumon, vai vê que é.
    Ou não.

  11. cleuza
    quarta-feira, 18 de maio de 2011 – 19:52 hs

    Todos sabem que o governo aluga carros da cotrans há muitos anos e com o atual governador não foi direrente. Desde o tempo da prefeitura de Curitiba, é só olhar os adesivos dos carros – a serviço da prefeitura – e agora parece que vai acontecer a mesma coisa no governo do Estado…. talvez seja dívida de campanha, não sabemos, mas que é um dinheirão jogado fora, isso é….
    Com o valor pago nos últimos 6 anos à Cotrans, segundo matéria da Gazeta do Povo http://www.gazetadopovo.com.br/vidapublica/conteudo.phtml?id=1112530, daria pra compar 4.000 carros de 50.000,00 cada.

  12. segunda-feira, 27 de junho de 2011 – 11:06 hs

    Alugar é uma boa solução se for feita com moderação e escolher a melhor qualidade preço, não ter cunhas

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*