Dois homens são suspeitos de chacina em Piraquara | Fábio Campana

Dois homens são suspeitos de chacina
em Piraquara

Cinco homens foram mortos a tiros em uma casa de Piraquara (PR).
A polícia informou que os suspeitos conheciam as vítimas.

Fernando Castro do G1 PR

A polícia informou que está investigando dois suspeitos de serem os responsáveis pelos crimes ocorridos em Piraquara, na madrugada deste sábado (23).

Cinco homens foram encontrados mortos a tiros em uma residência do município da Região Metropolitana de Curitiba. Eles foram amarrados e três deles foram atingidos nos olhos.

O superintendente da delegacia de Piraquara, Marcos Furtado, disse que os suspeitos conheciam as vítimas, porém não deu mais detalhes para não atrapalhar as investigações.

A polícia ainda trabalha com a possibilidade de crime de latrocínio – quando se mata com intenção de roubar.


5 comentários

  1. DEXTER
    sábado, 23 de abril de 2011 – 19:20 hs

    1. Queremos seguranca publica de fato!!!

    2. Não podemos continuar aceitando essa leniencia do Governo.

    3. Nesse mato tem cachorro, esse assunto parece algum acerto de contas. Não seria algo relacionado a Penitenciaria?!

  2. luizão Noel
    sábado, 23 de abril de 2011 – 23:35 hs

    Muito triste, mas pelas notícias da mídia e pelo modo como ocorreu, sem dúvida, é algo muito maior do que latrocínio ou coisa do gênero.

  3. Pascoal
    segunda-feira, 25 de abril de 2011 – 9:36 hs

    Enquanto a polícia e o estado se dedicam aos jogos de futebol, com forças especiais, nós contribuintes estamos a mercê da violência, sem proteção…Essas chacinas são o reflexo do pouco caso do estado em relação à segurança!
    Acho que deveríamos lotear os estádios, onde a segurança sempre está presente (mesmo sendo um evento privado)!!!

  4. gilberto maciel
    segunda-feira, 25 de abril de 2011 – 11:10 hs

    SEGUANÇA QUE SAUDADES DO DELAZARI E REQUIÃO

  5. Polticio
    segunda-feira, 25 de abril de 2011 – 13:26 hs

    Pode investigar, que encontraram indicios politicos muito forte, nisso ai.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*