Diminui o número de homicídios dolosos no Paraná | Fábio Campana

Diminui o número de homicídios dolosos no Paraná

Dados apresentados hoje (20) pela Secretaria de Estado da Segurança Pública apontam redução de 21,08% no número de homicídios dolosos (com intenção de matar) registrados no Paraná no primeiro trimestre deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado. De acordo com o relatório foram registradas 790 ocorrências de assassinatos de janeiro a março, contra 1.001 no começo de 2010. Os indicadores de roubos e furtos também acompanharam a tendência de queda, com redução, respectivamente, de 10,42% e 5,50% no Estado.

Para o deputado Ademar Traiano (PSDB), líder do governo na Assembleia, a situação caótica da segurança pública do Paraná, herdada pelo governador Beto Richa, começa a ser revertida. “O Paraná ainda apresenta índices alarmantes em termos de violência e criminalidade, mas a boa notícia é que o novo governo conseguiu interromper uma escalada de índices negativos que só vinha subindo nos últimos anos”, disse Traiano.

Nesta quarta-feira foram formados, na Academia Militar do Guatupê, 562 novos soldados que serão integrados as unidades da Polícia Militar. “É um primeiro passo para recompor o contingente policial do Estado que veio se reduzindo nos últimos anos apesar do expressivo crescimento da população e dos índices de violência”, enfatiza o líder do governo.


17 comentários

  1. Erivelto
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 15:51 hs

    EXTRA, EXTRA! Comprovado…. papel aceita qualquer coisa mesmo!

  2. jurandir
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 16:58 hs

    Para zerar a herança do Requião ainda tem muito chão pela frente.

  3. MAK
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 17:12 hs

    queria saber aonde esta ai mais um feriadao na segunda vamos ver quantas mortes teremos nestes quatro dias de folga que deus nos proteja

  4. KINGSTON
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 17:23 hs

    Piada né!

  5. Allan Jones
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 17:46 hs

    Até parece!!!
    Existem vários tipos de informações…
    Essa não é investigativa, esta é “inventiva”…
    Vão dormir…

  6. crow
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 17:48 hs

    Isso é brincar com a inteligencia do povo.
    No paraná menos de 4% dos homicidios são elucidados, logo, NAO HÁ COMO, a não ser que a mae dinah prove.
    Isso é piada pronta, como não conseguem elucidar os crimes, mas sabem se houve dolo ou não nos mesmos.
    Poupem-nos,por favor. Otários,talvez mas idiotas, NÃO.

  7. Jonas
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 18:23 hs

    E o efetivo da Policia Civil???? Por enquanto nada!

  8. Milton Santos
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 20:09 hs

    O efetivo não vai mudar em nada.
    Os índices são fantasiosos.
    Qualquer otário sabe que não houve coisíssima nenhuma diminuição nos índices dos crimes praticados contra a vida.
    Essa história serve somente para ilustrar aqueles gráficos pra mostrar pros mentes curtas, que vivem falando, nossa que maravilha. O homen nem bem assumiu e já baixou índice de coisas ruins no Pr. Nóoosa, mas como trabalha bem esse secretário de segurança. Mal sabem que quem trabalha são os coitados dos policiais do Pr. E aliás, agora com aumento salarial dos bons hein.

  9. Natanael...
    quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 22:39 hs

    Confio no Secretário de Segurança, e sei que haverá mudanças na Policia Civil do Paraná que hoje trabalha no vermelho. A banda ruim precisa ser aposentada, o mais rápido possivel.

  10. JJP
    quinta-feira, 21 de abril de 2011 – 0:18 hs

    Campana, querido colunista.

    Este é o tema que mais me perturba. De fato, creio ser o tema que mais perturba a todos os Paranaenses.

    Francamente, não acredito nestes números. Basta olha ao nosso redor.

    Que o jovem Richa envide todos os seus esforços nesta árdua missão. E que Deus o guie.

  11. Parreiras Rodrigues
    quinta-feira, 21 de abril de 2011 – 9:27 hs

    Está acontecendo alguma coisa na segurança paranaense sim.

    Apesar de OS INCONFORMADOS.

    Até parece que querem o fracasso do novo governo. Ou a continuação do (des) governo.

    Negóseguinte: O ex-secretário não atendia deputados, nem prefeitos. Nas audiências era substituido pelo diretor-geral ou pelo chefe de gabinete.

    Como não se inteirava da situação e se achava autosuficiente, a coisa chegou onde chegou.

    Aposto com OS INCONFORMADOS que as mudanças serão sentidas, e logo, muito logo.

  12. Míriam
    quinta-feira, 21 de abril de 2011 – 10:18 hs

    BEM , É SÓ MANIPULAR DADOS EM FAVOR DE ESTATÍSTICAS QUE TUDO FICA COLORIDO, COM MENOS VERMELHO .

    QUE MEDO QUE OS BANDIDOS TEM DO BETO , QUE EM 3 MESES DE GOVERNO , ELES SE RECOLHERAM…..FALA SÉRIO! OU ENTÃO , FORAM PASSEAR NO LITORAL, DE FÉRIAS…

  13. jr
    quinta-feira, 21 de abril de 2011 – 10:35 hs

    E o povo também acredita em Papai Noel – Duende.
    Conta outra histótia essa ja estamos cansados de ouvir.
    Entra Governo e sai Governo a Balela é a mesma, mas nenhuma ação para resolver a questão da Segurança: Melhores salarios melhores condições de trabalho

  14. Vigilante do Portão
    quinta-feira, 21 de abril de 2011 – 11:53 hs

    Por princípio, desconfio dessas “estatísticas”.

    Quem fez?
    Quem conferiu?

    Estranho, muito estranho.

  15. Senhor V
    quinta-feira, 21 de abril de 2011 – 12:46 hs

    Esse Secretario não me convence,deveria estar a frente da pasta o Francischini esse sim entende de segurança.
    As Drogas e bandifagem a policia sabe onde está so dar uma batida em algumas casas noturnas “famosas” da cidade

  16. Ricardo III
    quinta-feira, 21 de abril de 2011 – 12:56 hs

    Fábio

    Vou ocupar este espaço para colocar a insensatêz de promover o clássico Atle-Tiba, em Curitiba, no próximo domingo.
    Os arruaceiros já deram mostras do que acontecerá domingo. Vai ser um caos. Já está todo mundo sabendo. Não há como conter ânimos exaltados por bebidas alcoólicas, crak e outras drogas. Tais elementos não têm medo nem de tanque de guerra.
    Manter o jogo na Capital é insanidade dos clubes e autoridades do governo. O cidadão comum, que nada tem a ver com isso, terá, mais uma vez que pagar a conta.
    Que se transfira o jogo para Londrina onde a maioria dos arruaceiros não terá condições de ir.
    Escrevam o que digo : no Fantástico da Rede Globo, mais uma vez Curitiba será manchete altamente negativa. Vergonha para o povo hordeiro que aqui mora.
    Chega de balbúrdias, depredações e MORTES por conta do futebol.
    Clamor dos curitibanos de bem : NÃO PERMITAM O JOGO NA CAPITAL. As conseqüência serão de total responsabilidade das autoridades do governo e clubes.

  17. Jozimo
    segunda-feira, 4 de junho de 2012 – 20:26 hs

    O Paraná não precisa de um bom secretário, o Brasil é que precisa de leis e leis para serem cumpridas e de preferência a favor do cidadão de bem e não de bandidos.
    Pode passar mil e um secretário de segurança pública que não dará jeito.
    Pode diminuir índices, aumentar a segurança, mas uma vida inocente que se perca nas mãos de um bandido que sabe logo ficará livre e até mesmo impune, já é um grande prejuízo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*