Bloqueadores são irregulares, diz Rossoni | Fábio Campana

Bloqueadores são irregulares, diz Rossoni


Do blog da Joice

O Presidente da Assemblia, Valdir Rossoni acaba de afirmar na Band News FM que os bloqueadores encontrados na casa no começo do ano são irregulares. Ele ainda afirmou que foi o primeiro secretário da gestão passada que autorizou. O antigo primeiro secrertário é deputado Alexandre Curi (PMDB). O antigo presidente, Nelson Justus, de acordo com Rossoni disse que não sabia dos equipamentos.

O atual chefe do legislativo paranaense afirma que as notas fiscais apresentadas, não são compatíveis com os equipamentos encontrados, e será tudo encaminhado ao Ministério Público.

Sobre os gastos com segurança, o presidente não soube afirmar qual o dispêndio do valor, mas afirmou que não é nem metade do que era. Sobre a Embrasil, atual prestadora de serviços de segurança, ela recebe um pouco mais de 162 mil reais pelo trabalho.


6 comentários

  1. Águia
    segunda-feira, 4 de abril de 2011 – 12:54 hs

    Esse Raposoni tem que se preocupar mais em leis e benefícios ao povo do que escutas das maracutaias dos colegas dele na Alep!

  2. Bitucity
    segunda-feira, 4 de abril de 2011 – 13:45 hs

    Até cego enxerga que isso era coisa do Alexandre Curi e de seus arapongas…

  3. ivanowski
    segunda-feira, 4 de abril de 2011 – 14:21 hs

    . Esperamos que todas essas ‘mutretas e furto qualificado’ que acontecem na “ASSOMBLÉIA” seja encaminhada ao MP.

    . Embora o MP, qdo tomasse conhecimento, de imediato, sem pestanejar, deveria tomar as devidas providências e denunciá-las à Justiça.

    . Será que o VALDIRZão tá mandando ao MP ou diz que manda e depois ñ manda …

  4. Cesar Madera
    segunda-feira, 4 de abril de 2011 – 14:58 hs

    Qual o problema de comprar os bloqueadores ? Esse rossoni, que vá pensar em fazer leis que beneficiam o povo ao invés de ficar falando em radios e jornais mal dos colegas de alep.

  5. Nottli.Med
    segunda-feira, 4 de abril de 2011 – 15:18 hs

    Parabéns a policia civil que mesmo sendo chamada depois da imprensa alardear o caso como grampos teve postura irreparável e soube ter a cautela necessária na apuração do caso.

  6. Paolo
    segunda-feira, 4 de abril de 2011 – 16:30 hs

    É o velho jeito Anibal Curi de ser…

    Perpetuou pelas gerações!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*