Situação de emergência no litoral | Fábio Campana

Situação de emergência no litoral

Cerca de 20 representantes do governo estadual – entre secretários e diretores – se reuniram na manhã de domingo para discutir ações emergenciais para o litoral do Paraná, prejudicado pela chuva. O governador Beto Richa anunciou apoio do Ministério da Defesa, principalmente na possibilidade de reconstrução emergencial do acesso ao Litoral, pela BR-277.

Antonina, Guaratuba também decretaram situação de emergência. Já em Paranaguá, que desde sexta decretou emergência, o abastecimento de água e gasolina está prejudicado. O governo do PR vai distribuir 100 mil copos de água na cidade agora de manhã


3 comentários

  1. CHUVA
    segunda-feira, 14 de março de 2011 – 10:12 hs

    EM RIO AZUL PR CHOVEU 137 MM MTA AGUA MESMO HEIN

  2. Jose Carlos
    segunda-feira, 14 de março de 2011 – 10:54 hs

    Mutatis mutandis, a diferença básica entre o terremoto do Japão e as inundações no Brasil é que lá no Japão daqui a cinco anos estará tudo reconstruído e funcionando… já no Brasil daqui a cinco anos, os lugares destruídos estarão ainda pior do que hoje…

  3. HAVENGAR
    segunda-feira, 14 de março de 2011 – 11:06 hs

    E completando o comentário do José Carlos, além de tudo ficar do mesmo jeito, as verbas para reconstrução de estradas , ruas , saneamento, etc ..vão acabar tudo nas mãos e bolsos de secretários e prefeitos da região e pouco vão fazer.Em Paranaguá a venda de aguá mineral esta sendo uma vergonha , caso de policia.Mas la não tem prefeito ha muito tempo, então a cidade esta a deriva , os comerciantes que ainda tem agua estão superfaturando e muito.Para ter idéia um gala~~ao de com 5 litros de aguá, esta custando em média 15 a 20 reais e ninguem faz nada.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*