Richa não vê necessidade de intervenção no PSDB de Curitiba | Fábio Campana

Richa não vê necessidade de intervenção no PSDB de Curitiba

Caroline Olinda da Gazeta do Povo

Principal liderança tucana no Paraná, o governador Beto Richa (PSDB) vive o dilema de apoiar um colega de partido (o ex-deputado Gustavo Fruet) na eleição de 2012 à prefeitura de Curitiba ou o ex-vice, fiel aliado e atual prefeito Luciano Ducci, que é de um partido diferente, o PSB. Nessa corrida pela preferência de Richa, Ducci parece ter largado na frente. Em entrevista à Gazeta do Povo, o governador demonstrou ser contra uma intervenção no diretório municipal do PSDB de Curitiba – atualmente com fortíssima tendência a dar suporte à reeleição de Ducci em detrimento de Fruet.

A intervenção chegou a ser cogitada pelo presidente estadual do PSDB, o deputado Valdir Rossoni. Isso evitaria que os tucanos de Curitiba, liderados pelo vereador João Cláudio Derosso (presidente municipal do PSDB), fechassem desde já o apoio a Ducci.

Apesar disso, na avaliação de Richa, não existe motivo para a medida. “Seria um gesto traumático e a pergunta que fica no ar é: que argumentos consistentes haveria para justificar uma intervenção?”, questionou o governador. O posicionamento de Richa seria um sinal de que ele não estaria tão disposto a abandonar o projeto de apoiar a reeleição de Ducci para apostar numa candidatura própria do PSDB.

Os integrantes do partido que defendem a intervenção afirmam que, se mantida a eleição do novo diretório municipal, marcada para o dia 20, o destino do PSDB em 2012 já estaria selado: apoiar a reeleição de Ducci. Nos próximos dias, Richa deve se reunir com Rossoni e com Derosso para tratar do assunto.

Derosso seria um dos principais defensores da aliança com o PSB e já teria orquestrado o diretório municipal para isso. Os comentários nos bastidores são de que o vereador estaria interessado na vaga de vice da chapa de Ducci. Derosso, no entanto, nega. “Em nenhum lugar você vê uma declaração minha de que o partido deve apoiar o Luciano. O que eu defendo é que sejam cumpridas as regras partidárias e tenhamos a eleição interna para definir o novo diretório.”

Apesar da negativa de Derosso, é evidente a preocupação de parte dos tucanos com a reeleição dele para a presidência do diretório municipal. Na semana passada, o deputado estadual Mauro Moraes – candidato tucano à Assembleia Legislativa mais votado na capital – se reuniu com Rossoni para tratar do assunto. Moraes faz parte do grupo que acredita que a eleição do diretório significará o apoio automático a Ducci.

Gustavo Fruet faz a mesma avaliação. “Se houver a definição do diretório, ficará evidente que há pouco espaço para uma candidatura própria do PSDB”, afirma Fruet, que cobra um posicionamento do partido. “Se eu não for candidato, tem que ficar claro o motivo. E só não serei candidato se não houver vontade e apoio do partido.” Rossoni já afirmou que o PSDB não poderá negar a legenda a Fruet caso ele realmente queira ser candidato. Mas o ex-deputado só admite se candidatar caso conte com o apoio de todo o PSDB. Por isso, na avaliação dele, a intervenção no diretório neste momento é tão importante.

A pressa e preocupação de Fruet por uma definição do partido se explica pela experiência do ano passado. Os tucanos esperaram até o último momento por uma resposta de Osmar Dias (PDT) ao convite para que ele disputasse a reeleição ao Senado na chapa de Richa. Apenas depois da negativa de Osmar – que preferiu ir para a disputa pelo Palácio Iguaçu, mas só anunciou isso no último momento –, o partido abriu espaço para Fruet se candidatar ao Senado. O tucano considera que essa demora foi um dos motivos para sua derrota nas urnas.

No entanto, embora não tenha saído vitorioso, Fruet se cacifou para a disputa do ano que vem. Na capital, foi o primeiro colocado entre os candidatos ao Senado, com 646,8 mil votos. Além disso, ele conta com a orientação da cúpula nacional do PSDB, de que o partido deve lançar candidatos em todas as cidades em que tiver chances de vencer em 2012.


42 comentários

  1. Allan
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 13:45 hs

    Esse negócio de intervenção é algo pesado e especulativo. É como se estivesse ocorrendo algo fora do controle dentro do PSDB, o que não é o caso. Esse entrave está ocorrendo porque Fruet deseja ser o candidato do partido. Richa tem um projeto político ao lado de Ducci. O PSDB não pode ter arrogância e prepotência de querer lançar candidatos próprios. Ducci tem competência técnica. Devemos valorizar a pessoa e não o partido.

  2. Zé das Cordilheiras
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 13:54 hs

    Beto sabe o que faz. Não é à toa que está aonde está. Seu plano político não é perene. É uma trajetória coerente. Ducci está em seus planos, por sua competência em gestão.

  3. Vlemainski-Cascavel
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 14:16 hs

    Tem dirigente do PSDB olhando para o umbigo. Se levantar a cabeça enxergará o horizonte… Além do mais, teremos brevemente uma reforma política que, pela informações, proibirá coligações no primeiro turno, o que já deveria ter acontecido há muito tempo… Pode, também, ocorrer a proibição de reeleição para cargos do executivo, o que seria melhor ainda…

  4. Clenemar Salus
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 15:04 hs

    Pensamentos como o do Allan é que fazem o quadro político estar do jeito que está. Precisamos fortalecer os partidos. Chega de cartórios, partidos onde o carimbo do Presidente instala ou dissolve a direção partidária municipal que venha a discordar com o que pensa o mandatário-mor. Chega de projetos pessoais, que acabam por destruir os partidos. Vide Requião, que acabou com o PMDB no Paraná e Osmar que acabou com o PDT. Política não se faz sozinho. Política se faz em grupo, com muita discussão e trabalho. Não sou fã dos petistas, mas os outros partidos tem muito o que aprender com eles em termos de organização.

  5. terça-feira, 8 de março de 2011 – 15:10 hs

    é uma disputa de gigantes entre Ducci e Fruet, ambos querem e precisam do apoio do Governador. Agora se o partido não der guarida ao Fruet e o Gov. Beto Richa disser claramente a ele que não vai apoiá-lo, o Fruet se quizer ser candidato deverá procurar outro partido (infelizmente), na democracia partidária manda quem for o Cacique.

  6. CLOVIS PENA -
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 15:17 hs

    Será o mesmo processo da eleição passada.
    Comer pelas bordas. Cozinhar em fogo brando, até os fatos se consumarem.
    Se houver imposição, o que acho difícil, será pelo nacional.

  7. terça-feira, 8 de março de 2011 – 15:17 hs

    NO VOTO NINGUEM TIRA DO FRUET GANHA NO PRIMEIRO TURNO E EM QUAQUER PARTIDO .

  8. Zé das Cordilheiras
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 15:26 hs

    Exatamente… por isso é que o Ducci está quebrando essa regra partidária… O que o PSDB está fazendo é um claro desapego a essa história de cacique partidário… Viva a boa gestão e inciativa de polítcas públicas… chega de entraves partidários burocráticos e auto-fágicos…

  9. lapeano
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 15:49 hs

    Sonha, Tony. O Gustavo foi um bom parlamentar mas o processo que ele usa ( fazer campanhas isoladas, à parte do candidato majoritário) é desagregador. Na marra ninguém vai ganhar, nem ele. Acabou de ingressar no partido/grupo político. Pode esperar….

  10. ANDRÉ
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 16:16 hs

    O BETO COM SUAS PIMENTEIRAS… ACHA QUE COM ISSO RESOLVE AS QUESTÕES DE INTERESSES NO PARTIDO.

  11. Luis
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 16:55 hs

    O Fruet vai sair do PSDB, vai para o PSC do Ratinho Jr, vai ter todo o apoio da midia da rede Massa, vai se eleger prefeito e vai dar o troco no Beto na proxima campanha ao governo. Quem viver, verá.

  12. terça-feira, 8 de março de 2011 – 16:55 hs

    SERIA MAIS DEMOCRÁTICO, FAZER UMA ELEIÇÃO DENTRO DO PARTIDO PARA VER QUEM SAI DE P´REFEITO E O OUTRO FICA DE VICE FORTALEÇENDO MAIS AINDA A ALIANÇA..QUE TAL;;;;;;;;

  13. Teteca
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 17:09 hs

    A Direção Nacional tem que interferir, sim !! É um absurdo o partido abrir mão do Gustavo Fruet !! O povo não vai aceitar esta burrice e votará no Gustavo pelo partido que for !! Pode apostar !!

  14. PAULO
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 17:11 hs

    E ASSIM O JOVEM DÉSPOTA VAI CONSTRUINDO SEU REINADO, Á IMAGEM E SEMELHANÇA DO ANTECESSOR!

  15. Ducci ou Gustavo!
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 17:24 hs

    se o Beto não apoiar o Ducci, vai ser igual o que ele fez com o Osmar, ou seja não cumpre os compromissos de alianças que faz !
    gustavo vá fazer Pizza vai!

  16. Interior
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 18:42 hs

    Agora e Gustavo Fruet.

  17. Projet
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 18:56 hs

    Sem o apoio do Beto o Fruet não se elege. E o projeto do Beto, no momento, não inclui o Fruet. Se quiser concorrer terá que mudar de partido. Como admistrador e gestor sou muito mais o Ducci

  18. IETO MACHADINHO
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 19:09 hs

    O VLEMAINSKI É O MAIS COERENTE…OLHE PARA O FUTURO.
    DEPOIS FICAM AÍ RECLAMANDO QUE O PARANÁ NÃO TEM VEZ NO GOVERNO FEDERAL.

    CARA, VC NÃO VÊ LÁ NA FRENTE:
    PSDB + PSB + DEM + OUTROS = BETO PRESIDENTE.

    É PARANÁ NO PODER OU FICAREMOS NA RABEIRA COMO SEMPRE.

    TUDO ISSO COMEÇA POR AQUI, DUCCI REELEITO COM APOIO DO BETO.

  19. Gervásio Júnior
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 19:10 hs

    Discordo do comentário que considerou esta uma disputa de gigantes. Não dá para se colocar no mesmo patamar estes dois políticos – Ducci e Fruet.
    Ainda que alguns tentem ver no Ducci alguém com capacidade técnica (seria interessante fazer uma pesquisa entre os funciónários da secretaria de saúde de Curitiba para confirmar esta afirmação – entre os funcionários de carreira, frise-se), ele não tem traquejo político, não se sustenta num debate (com todo o respeito, mas sequer dicção para isso ele tem). Além disso, quem é ele sem a base política que o Beto, no atual cenário, ainda lhe oferece? O que lhe restaria sem isso? Na minha modesta opinião, não sei se conseguiria se eleger vereador de Curitiba.
    O Fruet, por outro lado, conquistou votos na capital nesta última eleição que, em sua grande maioria, lhe acompanham seja por qual partido ou cargo ele concorra. Além de ter uma carreira política consolidada e respeitada nacionalmente, já provou por mais de uma vez ser um campeão de votos. Enquanto o Fruet fez mais de 600.000 votos na eleição passada em Curitiba, Ducci assumiu a prefeitura em 2010 sendo desconhecido por nada menos que 63% da população de Curitiba (pesquisa feita à época)…
    Façam suas apostas. Espero que o PSDB não seja ingênuo ao fazer a sua.

  20. João Paulo Teixeira
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 19:44 hs

    Parabéns TropadeChoque. Tem um pessoal escrevendo bonitinho em defesa do Ducci nos blogs de Curitiba. Gente formadinha, de boa família, com bons salários (públicos). A estrutura funcionando. Parabéns. Por mais ou por menos é Fruet 2012.

  21. João Ninguém
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 19:51 hs

    Que argumento medíocre este que sempre aparece de que o Ducci tem competência técnica…. ele que seja presidente da Urbs no mandato do Fruet então (aliás, perguntar não ofende: onde está a competência técnica de um prefeito que se deixa levar por empresa de ônibus? Que não consegue tirar o projeto do metro do papel? que tem que pedir permissão para o Richa até para ir ao banheiro).
    Se o Ducci é tão competente assim e quer o apoio do PSDB, ele que se filie ao PSDB, ao invés de empregar a família do Richa.
    Desde quando é arrogância e prepotência um partido lançar candidato próprio? Partido que não tem candidato próprio é partido que não serve para nada, pois partido é para concorrer às eleições. Agora um dos maiores partidos do Brasil tem que se dobrar ao projeto pessoal do Ducci? E pior, do Ducci!!! Alguém me explica isso sem parecer um completo idiota – duvido que alguém consiga.

  22. Marcão
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 22:04 hs

    Até por que do jeito que anda o estado, ele deve se preocupar mais em governar, e menos em fazer demagogia!!

  23. jorginho
    terça-feira, 8 de março de 2011 – 23:04 hs

    … continuam no meio do muro…..

  24. Paraguaio
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 0:53 hs

    O Allan é laranja do Alcaide, se não for o próprio. Gustavo na cabeça, o povo já escolheu. Nem a maquina vai segurar esta onda…

  25. Mauro Alipio
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 9:10 hs

    O Gustavo sempre fez muito voto na capital. Mas Ducci tem o apoio do Beto que fez muito mais voto que o Gustavo. A briga vai ser boa.

  26. Borduna
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 9:46 hs

    Para a tucanalha, o importante não é apoiar Ducci. è ferrar Gustavo, como tantas vezes ja´ fizeram, e farão de novo. Dar chance ao Fruet é perder a lidertança e a força do poder. Beto sabe disso…

  27. Geraldo
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 11:18 hs

    A intervenção é necessária, quando um nome como de Fruet, que é muito forte popularmente, pode ser apagado da política, por motivos de acordos e conchavos. Fruet irá perder por que o fililho do papai (Marcelo) tem emprego com o Ducci!!! SAI FORA FRUET !!! aí tá tudo em família, como na época dos Requiões!!!!

  28. VERDADE
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 12:42 hs

    Ele tem faro basta olhar o tamanho do nariz!

  29. pavão
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 12:50 hs

    o argumento para intervensão seria tavez o leilão de cargos pubicos ao pessoal que trabalhou contra sua propria eleição para o governo,não acham?

  30. gentil
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 13:22 hs

    Vamos duci, deixe falarem aos ventos, continue sua saga pelo trabalho a população gosta disso, e quem elege é a população, então fica tranquilo, a cada dia que passa, a acada obra inaugurada, a cada plano apresentado, curitiba reconhece seu potencial, o curitibano esta sorrindo.

    força duci.

  31. André Sobania
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 14:23 hs

    GUSTAVO 2012

  32. jurandir
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 14:38 hs

    O Fruet já jogou a toalhada.

  33. quarta-feira, 9 de março de 2011 – 15:12 hs

    Nossa gente! Se o Fruet é tão bom como dizem pode ser candidato sozinho, em qualquer partido, sem o apoio de ninguém, que vai ser aclamado prefeito pela população!!! Ele é tão bom que nunca conseguiu ser nada mais que um deputado né? Ah…já sei… ele sempre foi tão “injustiçado” pelo PMDB e agora pelo PSDB. Acordem!

  34. Maureen
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 15:25 hs

    O próprio Gustavo Fruet ficaria decepcionado com as apologias pobres que se dirigem a ele….

  35. Mauro Alípio
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 15:26 hs

    Ducci 2012 = competência em gestão + história de dedicação + plano político associado ao Beto.

  36. quarta-feira, 9 de março de 2011 – 16:21 hs

    Não é preciso intervenção nenhuma no PSDB de CTBA…o partido sabe muito bem que rumo tomar, basta ver a vontade popular..é legitimo o Fruet querer ser candidato..sim é, mas também é legitimo o Ducci querer virar prefeito pelo voto popular. Logo, vamos pro voto..essa é uma eleição boa de ser disputada. Beto deve se preocupar com o estado, que está ruido após os anos que a aliança da desgraça ficou no poder…eles acabaram com tudo…..logo Beto tem suas preferencias, mas deixa o mundo se acertar…eu por mim, vamos sim de Fruet x Ducci..um pelo PSDB e outro pelo PSB..mais o Gagá pelo PMDB ( duvido ainda, ele apanharia demais nessa eleição)….quem ganharia seria a democracia…..e Beto deve pensar que um dia sairá do governo do estado e o PSDB precisa dar continuidade a esse governo progressista que se anuncia…nesse caso vejo dificuldades pro Ducci…Fruet vai crescer muito daqui pra frente, a ponto de poder ser o sucessor de Beto….tô apostando nisso…..Requião pro sanatório, eu apóio essa idéia…

  37. Ricardo III
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 17:15 hs

    O Gustavo já ficou demais no PSDB que faz um jogo desastroso envolvendo o seu nome.
    Aqui a candidatura é para a Prefeitura de Curitiba. Quem apita esse jogo são os eleitores daqui. Votar em quem o Richa quer, aconteceria em grotões, não na Capital do Paraná.
    Se existe alguém que é a cara do curitibano, este alguém é Gustavo Fruet, como foi seu pai Maurício.
    Portanto, Fruet que não se preocupe, saia do Partido, dê paz ao Governador, ao Ducci, ao Derosso e emplaque, antes do desgaste ser incontornável, a candidatura em um outro partido. Por favor, nem PMDB, nem PT, nem do Ratinho. Acho o PV excelente alternativa.

  38. Rock
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 19:00 hs

    Sandroooooca pare com isso as eleições já terminaram, o teu contrato tambem então pare de puxar o saco dos tucanalhas que eles não irão renovar o teu contrato para ficar falando besteira o dia todo nos blogs.

  39. Tududududumm
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 20:25 hs

    Olha , olha o Gustavo vindo ai

    Lá vem a CPI,

    lá vem a CPI

    e o povão não foi convidado , pra comer as Pizzas que o Gustavo fez no Senado

    Olha o cabelo dele, olha o cabelo dele

    olha o gustavo vindo ai, lá vem a CPI, lá vem a CPI!

  40. Ao grande blogueiro Joao C tei
    quarta-feira, 9 de março de 2011 – 21:01 hs

    Não sou Rico, nunca tive cargo de comissão, sou morador de vila, bairro, comunidade, sei lá como o sro. deve chamar, mas nunca soube de nada que o Gustavo fruet tenha feito por Curitiba , então gostaria de saber, se possivel nos escreva, porque o simples fato do Gustavo ser filho do falecido e respeitado Mauricio fruet, não o credencia para ser prefeito de Curitiba, talvez se o gustavo tivesse realmente vontade e força para ser prefeito de Curitiba , na epoca que ele saiu do PMDB era só ele ter ido para um partido diferente do PSDB e ter saido candidato, mas ele foi ao lado do Beto e candidato-se deputado e teve muita chance de fazer boas obras por Curitiba, mas ao invez de trabalhar por recursos , ficou mais preocupado em ter o nome em evidencia com tantas CPIs que infelizmente não resultaram em nada! sei que o Gustavo não é uma má pessoa, muito pelo contrario, é pessoa de boa indole, mas dai ser Prefeito de Curitiba, acredito que é muito para alguem que ficou tanto tempo fora, que com certeza não conhece todos os bairros de curitiba, não anda de Onibus, não vai no sacolão, não tem a carteirinha do sacolão, talvez a sua irmã que por sinal é um doce de pessoa fosse a candidata , talvez ela poderia ser a prefeita, mas mesmo ele sendo filho do falecido mauricio e irmão da leonora o que ele fez de bom por curitiba, para ser Futuro Prefeito! olha Joao C. teixeira, respeito sua opinião, mas cante comigo o ritimo de carnaval! tududududum, olha o gustavo vind ai , lá vem a CPI, lá vem a CPI!

  41. Claudio
    quinta-feira, 10 de março de 2011 – 9:09 hs

    Sandro, é isso aí, Fruet (PSDB) X Ducci (PSB), e foi dada a largada. Beto fica na dele, não apoia nem um, nem outro. Quem ganha o apoia para reeleição. Pronto.

  42. leiam todos se puder!
    quinta-feira, 10 de março de 2011 – 23:27 hs

    Vou falar uma verdade só, e por favor acreditem:
    quando Gleise fez um monte de votos para o senado em 2006, os votos dela na realidade ( na intenção não eram pra ela e sim contra o Alvaro) com o Gustavo é a mesma coisa ( os votos do bom guga em 2010 na realidade eram contra o Requião e não a favor do Gustavo0 Eu sou Ducci, e prefiro até perder com O Ducci do que ganhar com o Gustavo e não levar!
    desculpe a minha ignorancia , mas se “Eu for para as ruas e perguntar para o povo o que foi que o Gustavo fez de bom por Curitiba certamente ninguem saberá responder” e ai alguem sabe?
    só porque ele é filho do mauricio Fruet e irmão da Leonora fruet não quer dizer que ele é o melhor candidato! o que o Gustavo fez de bom minha gente???EGP

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*