Movimentação nos portos aumenta 16% no primeiro bimestre | Fábio Campana

Movimentação nos portos aumenta 16% no primeiro bimestre

Foto: Divulgação/APPA

Foram 5,3 milhões de toneladas de cargas movimentadas no primeiro bimestre.
Porto de Antonina teve o melhor desempenho com mais de 300 mil toneladas.

Os portos paranaenses tiveram um aumento de 16% no movimento de mercadorias no primeiro bimestre de 2011, de acordo com o governo do estado. Foram 5,3 milhões de toneladas de cargas movimentadas, contra 4,6 milhões de toneladas no mesmo período de 2010. As informações são da Agência Estadual de Notícias.

O Porto de Antonina apresentou os melhores resultados principalmente na importação de fertilizantes, trigo e exportação de congelados. Até o fim de março, o porto movimentou 310,5 mil toneladas de mercadorias. No ano passado, no mesmo período, foram pouco mais de 4 mil toneladas movimentadas.

No Porto de Paranaguá, considerando apenas a carga geral, o aumento na movimentação foi de 14%. Nos graneis sólidos também foi verificada alta de 12%, sendo que o destaque foi a importação de fertilizantes, que fechou o primeiro bimestre com 1,1 milhão de toneladas importadas, volume 22% superior ao registrado no ano passado.

Já a exportação de grãos foi bastante prejudicada em fevereiro por conta das chuvas. As exportações de soja, milho e farelo de soja foram menores do que em fevereiro do ano passado, porque o embarque nos navios ficou restrito aos poucos períodos de tempo seco. Em fevereiro, choveu 230 horas em Paranaguá. Some-se a isso os períodos de abertura e fechamento dos porões, que também aumentam o tempo de interrupção da operação do navio. Mesmo assim, a boa movimentação de janeiro elevou os números e a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) fechou o primeiro bimestre com alta de 7% nas exportações de granéis.

A movimentação de veículos também apresentou alta nos dois primeiros meses do ano, fechando fevereiro com 25.008 unidades movimentadas e crescimento de 26% em relação ao mesmo período de 2010. O destaque ficou por conta das importações, que apresentaram alta de 76% em relação ao mesmo período do ano passado.


6 comentários

  1. KAROÇO
    segunda-feira, 21 de março de 2011 – 11:32 hs

    NOSSO MAIOR INIMIGO REALMENTE É AS CONDIÇÕES CLIMÁTICAS,PEINCIPALMENTE NO QUE DIZ RESPEITO A GRANÉIS SÓLIDOS.MAS O PORTO ESTA VOLTANDO A SER O QUE ERA.COM SEU AYRTON VIDAL MARAN NO COMANDO,UMA PESSOA QUE REALMENTE ENTENDE DE PORTO NÃO UM ABOBADO COMO DUDU.ENTÃO O PORTO E TODOS OS PORTUÁRIOS ESTÃO DE PARABENS PELA RETOMADA DO CRESCIMENTO E A PROSPERIDADE DO NOSSO QUERIDO PORTO.

  2. Tyllerand
    segunda-feira, 21 de março de 2011 – 12:22 hs

    Quanto menos políticagem nos portos mais eficientes eles serão. Claro que a meritocracia está completamente descartada para os politicóides de plantão. Cargo virou moeda de troca nesse mundo complexo e vagabundo da política nacional, estadual e municipal…

  3. segunda-feira, 21 de março de 2011 – 12:35 hs

    FABIO E AS FILAS NAS RODOVIAS QUE SÓ ACONTECE NOS GOVERNOS DOS TUCANOS EM RELAÇÂO AS DE JAIME LERNER AUMENTARO 300%
    PORQUE NO GOVERNO DO REQUIÂO SEMPRE FOI ORGANIZADAS
    SEM TRAZER RISCOS PARA OS CAMIONEIROS
    MAS PARA ELES ISSO NÂO É PROBLEMA POIS SE FOSSE O PEDAGIO NÂO SERIA ESSE VALOR ABSURDO
    E LEMBEM GENTE QUE O PEDAGIO FOI CORDENADO SUA CRIAÇÂO PELO ENTÂO DEPUTADO DA EPOCA HOJE GOVERNADOR BETO RICHA

  4. Vigilante do Portão
    segunda-feira, 21 de março de 2011 – 13:02 hs

    Não me surpreende.

    Lembrando:

    No começo de 2010, o mundo ainda sentia a retração econômica da crise.

    A safra de 2011, é melhor do que a de 2010.

    Leiam a coluna do Prof. Belmiro Valverde.

    Gazetona de ontem (domingo).

    IMPERDÍVEL.

    Fala sobre a FALÊNCIA do Serviço Público.

  5. Sergio Silvestre
    segunda-feira, 21 de março de 2011 – 13:05 hs

    O porto está seguindo o que já estava sendo feito no governo anterior,se fosse prá arrumar neste governo,ele estaria como o IML
    a saude,a educação,a segurança um cáos,porque até agora não se mexeram,a não ser com os holofotes

  6. P da vida
    segunda-feira, 21 de março de 2011 – 13:20 hs

    época de pré colheita da atual safra, as cooperativas tem que escoar o que está armazenado……. é tempo normal de escoamento e NÃO eficiaencia de governo, respeitem os produtores e o setor.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*