Bolo da Consilux | Fábio Campana

Bolo da Consilux

Ao que tudo indica a Máfia dos Radares ainda vai dar muito o que falar. O ex-governador Requião ainda não proferiu nenhuma de suas críticas costumazes, via twitter, porque viajou ao exterior e disse tirar férias do seu novo instrumento de comunicação. Já seu amigo, o jornalista Cícero Catani, sugeriu como funciona a divisão das supostas comissões da Consilux.

“Divisão do bolo Consilux: 22%, dos 35% da fatia, iriam para a “Bancada do Radar”: 10% destinados ao Palácio 29 de Março e 3%, Urbs”.


20 comentários

  1. coveiro
    sábado, 19 de março de 2011 – 16:39 hs

    Bolo da Consilux, para o curitibano tá gosto de bolo fecal!

  2. Borduna
    sábado, 19 de março de 2011 – 17:20 hs

    Requião de férias? Por acaso o Senado está de recesso?

  3. tng
    sábado, 19 de março de 2011 – 17:23 hs

    Lembro-me qdo trabalhava na Diretran. Era o início da instalação dos radares e lombadas eletrônicas. Após um ano apareceram muitas multas de motoristas de ônibus na mesa do chefe.

    Naquele dia estava nervoso pois o Presidente da Urbs na época, Um tal de Fric, gestão do Cássio Tanigussshi, mandou ele apagar as multas. Meu ex chefe, sr. Rog Falc ficou decepcionado e comentou. A corda sempre arrebenta do lado mais fraco…

    O mais ridículo de tudo é que agora os cara de pau vem dizer que não pode apagar do sistema. Perguntem aos funcionários da digitação, aos engenheiros da Perkons, Dataprom e Cpnsilux. Verifiquem se não ajudaram na doação de campanha??
    Não é a toa que MP esta investigando.

  4. Géssica
    sábado, 19 de março de 2011 – 18:16 hs

    Essa equação é abstrata e xarope. Deveriam entregar à justiça para acabar com essa palhaçada. Ficam tudo se acusando ae e sugerindo inúmeros bois na linha. Desrespeito ao povo, às instituições e aos homens de bem. Brincadeira boba. Quermos que isso vá logo à justiça.

  5. Sebastião Bento dos Santos
    sábado, 19 de março de 2011 – 18:38 hs

    Qual era o percental do Cicero Catanni dessa fatia ? esse cara só vive mordendo os políticos e empresários. MP no Catanni.

  6. Gerson Martins
    sábado, 19 de março de 2011 – 19:48 hs

    Com relação a esse assunto dos radares, fica uma pergunta:

    – ONDE ESTÃO AS AUTORIDADES CONSTITUIDAS – O MINISTERIO PUBLICO, que não esclarecem essa lambança.

    E essa divisão de numeros, “bancada do radar” – bancada de quem?

    Será que mais uma vez, isso também ira virar PIZZA, oiu falta alquem com “aquilo roxo” e meta os ladrões da cadeia.

  7. onofre atherino
    sábado, 19 de março de 2011 – 19:54 hs

    Se for da mesma família Cattani que conheço, o bolo todo vai prá eles!!!
    Adoram uma bela fatia!!!

  8. Cajucy
    sábado, 19 de março de 2011 – 20:40 hs

    É preciso também identificar e divulgar os nomes que compõem a tal “Bancada do Radar”. Quais são os políticos metidos nisso e descer o sarrafo nos malandros que jogam contra os interesses do cidadão de bem.

    Isso é uma calhordice. É preciso punir com rigor. A Justiça tem que se fazer presente e mostrar à que (e a quem) ser.

    CARO SEBASTIÃO (comentário acima)
    Com o devido respeito, você critica o jornalista que divulga a safadeza e PARECE ALISAR os criminosos dos radares?

  9. carlos mello
    sábado, 19 de março de 2011 – 22:35 hs

    quero nomes

  10. jobalo
    domingo, 20 de março de 2011 – 0:54 hs

    O catani, é um pau mandado do requião,, mordedor de grandeza maior,, tirrou muito dinheiro com aquele jornalzinho, safado, não.

  11. Capao da Imbuia
    domingo, 20 de março de 2011 – 0:58 hs

    O fantastico de domingo vem com mais denuncias…..isto ainda vai dar cana…..o pessoal da urbs so ta dormindo na base de calmante…..a maracutaia começa e termina la. O pessoal do PPS ta na chefia……

  12. anonimo
    domingo, 20 de março de 2011 – 0:59 hs

    Hummmmm, vejamos:

    |Requião não abre a boca….será que…vamos ver…que tal começar a pesquisar a origem das empresas: como surgiram, quais as circunstancias, por exemplo, como surgiu a Dataprom? Quando? Porquê?

  13. antonio
    domingo, 20 de março de 2011 – 1:21 hs

    CADA DIA FICO MAIS TRISTE

    ESTE BANDO DE PROMOTORES, SALÁRIO ALTÍSSIMOS
    PARA DEFENDER A POPULAÇÃO E……NADA, NADA

    PRECISA VIR UM REPORTER PARA, EM UMA SEMANA,
    PEGAR O QUE ESTA GENTE QUE TERIA OBRIGAÇÃO,

    QUE MAIS TEM POR AI…..CADE NOSSOS HOMENS DA LEI??

    MAIS TRISTEZA DÁ QUANDO É DEFLAGADA ALGUMA OPERAÇÃO E
    ACOMPANHA A FAMOSA DECLARAÇÃO
    ” APÓS DOIS (2) ANOS DE INVESTIGAÇÃO””
    MEU DEUS…QUE VERGONHA
    TOMEM JEITO SENHORES DA LEI

  14. domingo, 20 de março de 2011 – 9:36 hs

    Requião tem por obrigação ser candidato a prefeito de curitiba para moralizar essa baderna que se instalou em nossa capital,basta dois anos para ele deixar tudo limpo,e após a limpeza na capital ele será nosso governador do estado.

  15. Motoqueiro Infernal!
    domingo, 20 de março de 2011 – 11:06 hs

    Não existe empresa corrupta, existe sim, diretoria corrupta, assessoria corrupta, cooperadores corruptos, funcionários corruptos, imprensa corrupta…. e blá, blá, blá, blá.

  16. gentil
    domingo, 20 de março de 2011 – 12:32 hs

    Pois então ele que prove, levantar suspeitas é fácil quero ver provar, apenas mais um factóide

  17. domingo, 20 de março de 2011 – 17:00 hs

    Existe é gestão corrupta, ou alguem duvida que PRIMO dos pés vermelho esta nos 10% !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  18. OSSOBUCO
    domingo, 20 de março de 2011 – 18:12 hs

    Depois essa tucanalha fala mal do PT. Em Curitiba tá tudo dominado pela tucanada e o resultado é esse!

  19. Valderez Pitomba
    domingo, 20 de março de 2011 – 22:23 hs

    O fato é claro: O prefeito fez o que devia: Cortar o contrato, Pronto. A justiça que julgue e faça justiça gente.

  20. Angus Yong
    segunda-feira, 21 de março de 2011 – 8:22 hs

    “Tem caroço neste Angu e muito “

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*