Polícia prende 3 mulheres suspeitas de participação na morte de Irani Pereira | Fábio Campana

Polícia prende 3 mulheres suspeitas de participação na morte de Irani Pereira

Irmão do deputado estadual Reni Pereira, foi enterrado ontem. Polícia deve dar detalhes das prisões

Da Banda B

A polícia prendeu, nesta quarta-feira (9), três mulheres suspeitas de envolvimento no assassinato de Irani Pereira, vice-presidente do PSB no Paraná e irmão do deputado estadual Reni Pereira (PSB). Elas foram transferidas à noite para a 15ª SDP, em Cascavel. Dois homens também estariam detidos mas a polícia não confirma. A Polícia ainda não se pronunciou oficialmente.

Segundo informações divulgadas pela Rádio Cultura, de Foz do Iguaçu, uma das três mulheres detidas teria tido um relacionamento amoroso com Irani. O Secretário de Estado da Segurança Reinaldo de Almeida César permanece em Foz do Iguaçu, acompanhando as investigações.

Hoje (10), o delegado do COPE, Renato Coelho de Jesus, vai conceder uma entrevista coletiva para falar do avanço das investigações. O corpo do empresário Irani Pereira, assassinado na madrugada da última terça-feira (8) na zona rural de Corbélia, com marcas de faca no pescoço e no peito, foi sepultado em Santa Terezinha de Itaipu. Irani também era vice-presidente estadual do PSB e suplente de deputado federal.


Um comentário

  1. Cajucy
    quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011 – 13:16 hs

    Sacanagem. Morreu por nada! Pura vingança, caso se comprove o fato.

    É o danado do sexo paralelo, né? Fazer o quê? A vida tem dessas coisas e que sirva de exemplo para outros.

    Todo cuidado, fora de casa, nem sempre isenta de um mal maior.
    Que Deus o tenha e abençoe a sua família.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*