Governo irá construir 271 moradias para abrigar famílias das de área de risco | Fábio Campana

Governo irá construir 271 moradias para abrigar famílias das de área de risco

O governador Beto Richa assina, nesta terça-feira (22), às 10 horas, junto com o presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Mounir Chaowiche, ordem de serviço para a construção de 175 unidades habitacionais em Campo Largo e outras 96 em Campo Magro, cidades da Região Metropolitana de Curitiba. As moradias vão abrigar famílias que hoje vivem em áreas de risco, na beira de rios, sujeitas a alagamentos.

Em Campo Largo, as casas serão edificadas através do Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social (FNHIS), com recursos do Ministério das Cidades, repassados pela Caixa Econômica Federal, e contrapartida do Governo do Estado. Para a construção das 96 unidades serão investidos aproximadamente R$ 2,5 milhões.

Na cidade de Campo Magro, onde já foram entregues 181 unidades habitacionais, são mais de R$ 4 milhões para executar as obras que vão retirar famílias da beira dos rios Passaúna, Bambeca e Ribeirão Custódio. Essas moradias fazem parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).


Um comentário

  1. Mirian Waleska
    segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011 – 16:14 hs

    Que Deus abençõe todo Governo que olhar para esse lado, o problema da falta de politica habitacional que nunca teve prioridade nos governos anteriores, tería evitado muita desgraça por esse Brasil a fóra. Parabéns ao Gov. Beto Richa, vce não é fraco…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*