Fernanda Richa debate políticas sociais com gestores municipais | Fábio Campana

Fernanda Richa debate políticas sociais com gestores municipais

Foto: Rogério Machado

A secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, participou nesta terça-feira (22), em Curitiba, da reunião ordinária da Comissão de Intergestores Bipartite do Paraná (CIB/PR). “Neste governo, a política social será a base da administração”, disse a secretária. “Vamos trabalhar de forma integrada com os setores envolvidos com a política social em todo o estado e a participação dos municípios será fundamental na inclusão e promoção social das famílias.”

O encontro, presidido pela coordenadora estadual da CIB/PR, Nilcéia Brandão Lemos, destacou a retomada do monitoramento da gestão da política de assistência social nos municípios do estado.

“Nosso objetivo é fortalecer a participação dos gestores e apresentar uma política de assistência social que contribua para o desenvolvimento social dos municípios”, disse a coordenadora.

A reunião, que abriu os trabalhos da comissão no exercício de 2011, aconteceu no auditório da Secretaria de Estado do Trabalho, Emprego e Promoção Social e contou com participação do secretário Luiz Cláudio Romanelli; da presidente do Colegiado de Gestores da Assistência Social do Paraná (Cogemas/PR), Marry Ducci; e de representantes de nove municípios do estado, além da capital.

COGEMAS/PR – Pela manhã, a secretária da Família, Fernanda Richa, falou na abertura do encontro descentralizado do Colegiado de Gestores da Assistência Social (Cogemas/PR), sobre o Plano Nacional da Assistência Social, proposto pelo governo federal.

“É muito importante a participação dos gestores e principalmente o entrosamento entre estados, municípios e governo federal, para que as políticas sociais sejam desenvolvidas e cheguem a quem realmente precisa”, disse a secretária para um grupo de gestores municipais que participaram do encontro em Curitiba.

A secretária Fernanda Richa disse que o novo Plano Nacional de Assistência Social é alinhado com os objetivos do programa Família Paranaense, que será lançado este ano pelo governador Beto Richa. O programa atende famílias carentes com medidas de proteção social.

O programa paranaense integra diferentes políticas públicas, como educação, saúde, esporte e segurança alimentar, para promover o desenvolvimento do indivíduo.

Em Curitiba, 2.555 famílias participam do programa Família Curitibana, lançado em 2009. A previsão é incorporar mais 2 mil famílias em 2011 e até 2012 atingir a meta de intervenção integrada de proteção social de 7 mil famílias.

“É importante ressaltar o quanto Curitiba avançou nos últimos anos em políticas sociais. Adotou o envolvimento e a participação integral de todos os órgãos da administração municipal e assim foi possível, de fato, promover o indivíduo e envolver o núcleo familiar nesta transformação”, afirmou Fernanda Richa.

O programa estadual pretende melhorar as condições de vida das famílias com maior grau de vulnerabilidade social, identificadas pela análise de dados do Índice de Vulnerabilidade Social das Famílias e do Cadastro Único. As famílias participantes serão integradas à rede social de atendimento dos municípios e às políticas públicas da assistência social, educação, trabalho, saúde, segurança alimentar, meio ambiente, habitação, cultura, esporte e lazer.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*