Mais uma pedra no caminho de Maurício Requião | Fábio Campana

Mais uma pedra no caminho de Maurício Requião

Saiu ontem, com data do dia 17, o parecer do Ministério Público assinado por Adolfo Vaz da Silva Júnior e Mauro César Rocha, opinando pelo conhecimento de remessa do recurso extraordinário ao STF questionando a nomeação de Maurício Requião como conselheiro do Tribunal de Contas.

Agora o processo vai ao presidente do TJ para, se acolher o parecer, encaminhá-lo para Brasília.


12 comentários

  1. Tchê
    quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 11:29 hs

    Baby Maurício deveria é ter vergonha na cara e parar de encosto do Roberto e chega de mamar em cargos públicos !

  2. antonio carlos
    quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 11:38 hs

    a esta hora oprocesso e já deve ter parecerr do presidente do TJ. Se é que já não está em Brasília. Depois o TJ da província reclama do CNJ. A celeridade da Justiça nativa depende da parte interessada. ACarlos

  3. Sandro Alvarez
    quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 11:39 hs

    Este Mauricio, como figura arrogante que não sobrevive profissionalmente sem o irmão Roberto, deve pegar seu boné e dar aulinhas, voltando a ser um cidadão comum, sem privilégios. Quem sabe a realidade resulte em algum sinal de humildade.

  4. Tiozão
    quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 14:07 hs

    Ninguem gosta deste Mauricio e não querem ajudar mesmo !
    Pare de se encostar em cargo público, vai trabalhar …
    Manda o curriculo pra ver se alguma Faculdade te aceita.rsrs…

  5. JACARE DO MAL
    quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 14:32 hs

    SERA QUE SE ELE ENTRAR NO TC ELE VENDE OS ARQUIVOS MORTOS PARA O PAPEL VELHO COMO FEZ COM OS ARQUIVOS DA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO, E O SONHO DA FAMILIA LIMPA ABARRA DE TODO MUNDO ATE DO IRMÃO EDUARDO QUE ANDA MEIO SUJO POR LA. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  6. VERDADE
    quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 16:51 hs

    Juntando todos os Conselheiros do Tribunal de Contas não dá um Maurício! Espero que ele consiga ingressar no TCE! Vá em frente estamos com você.

  7. Pinguela
    quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 17:20 hs

    Façam um bem a este jovem !

    Façam-no ir trabalhar !

    Carteira assinada, batente de oito horas, atendimento às órdens do patrão, cumprimento das tarefas, mérito em receber seu salário no fim do mes !

    Todo dia a cabeça tranquila no travesseiro e sono benfazejo.

    Não lhe concedam uma sinecura vitalícia onde degenerará seu corpo e espírito !

  8. Q VERGONHA!
    quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 19:51 hs

    ELE CONTINUA RECEBENDO DO ESTADO NUMA BOA.
    A RPC SÓ NÃO CONTA PQ Ñ QUER.

  9. quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 20:09 hs

    A todos os que se doem, a virtude de um homem só pode ser medida por quem realmente convive com este por vários anos.
    Companheiro fiel, amigo de todas as horas e principalmente um ser humano digno ao ponto de perdoar o imperdoável.
    Sabedoria e dedicação ao que se propõe.
    Este é o Maurício Requião.

  10. quarta-feira, 24 de novembro de 2010 – 20:10 hs

    A todos os que se doem, a virtude de um homem só pode ser medida por quem realmente convive com este por vários anos.
    Companheiro fiel, amigo de todas as horas e principalmente um ser humano digno ao ponto de perdoar o imperdoável.
    Sabedoria e dedicação ao que se propõe.
    Este é o Maurício Requião

  11. Lucy
    quinta-feira, 25 de novembro de 2010 – 7:40 hs

    Os arquivos da SEED e dos órgãos dos quais tinha gerência, não foram vendidos não !! Foram queimados em Piraquara, onde fica o arquivo de toda a documentação !! Sempre tem os puxa-saco que fazem esse tipo de serviço ! Queima de arquivo !!! E agora, quando a equipe de Auditoria do novo governo chegar? Só não sei como o Príncipe não mandou queimar os funcionários da SEED junto !!!

  12. antonio carlos
    quinta-feira, 25 de novembro de 2010 – 17:20 hs

    Pelo memos alguém tem pena do pobre do irmão do desgovernador. Mas se ele fosse um cara tão legal assim, teria dito ao irmão, então desgovernador, não atropele a lei, faça a coisa certa. Aí estaria hoje, todo belo e faceiro lá no TCE, numa boa. Aceitou o jogo sujo do irmão, hoje paga pela mancada dada pelo irmão. ACarlos

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*