Fúria construtiva no governo estadual | Fábio Campana

Fúria construtiva no governo estadual

O que não fez em oito anos, o Governo do Estado quer recuperar no apagar das luzes. Esta semana, lançou licitações para construir ou ampliar 20 escolas no Paraná. Juntas essas licitações vão consumir R$ 66.226.929, 26. Os envelopes com as propostas serão abertos entre os dias 16 e 17 de dezembro. E continua as medidas de Pessuti para entregar o Estado em péssimas condições para o futuro governo de Beto Richa.

Veja no Leia Mais as licitações.

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 080/2010 – PBC

PROTOCOLO Nº 9.807.450-3

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Kókoj Ty Han Já, no Município de Mangueirinha.

Preço Máximo: R$ 1.173.163,73 (hum milhão, cento e setenta e três mil,

cento e sessenta e três reais e setenta e três centavos). – Prazo de Execução:

240 (duzentos e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das

14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos

Envelopes: dia 16 de dezembro de 2010, às 09:00 (nove horas), no Auditório

da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 081/2010 – CTA

PROTOCOLO Nº 9.807.455-4

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Pindoty, no Município de Paranaguá.

Preço Máximo: R$ 1.031.824,49 (hum milhão, trinta e um mil, oitocentos e

vinte e quatro reais e quarenta e nove centavos). – Prazo de Execução: 240

(duzentos e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00

(quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes:

dia 16 de dezembro de 2010, às 09:00 (nove horas), no Auditório da SEOP –

Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 082/2010 – PBC

PROTOCOLO Nº 9.807.446-5

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Segsó, no Município de Palmas.

Preço Máximo: R$ 1.131.713,85 (um milhão, cento e trinta e um mil,

setecentos e treze reais e oitenta e cinco centavos). – Prazo de Execução: 240

(duzentos e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00

(quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes:

dia 16 de dezembro de 2010, às 10:00 (dez horas), no Auditório da SEOP –

Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 083/2010 – GRP

PROTOCOLO Nº 9.807.453-8

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Valdomiro Tupã Pires de Lima, no Município de Espigão

Alto Iguaçu.

Preço Máximo: R$ 1.147.758,97 (um milhão, cento e quarenta e sete mil,

setecentos e cinquenta e oito reais e noventa e sete centavos). – Prazo de

Execução: 240 (duzentos e quarenta) dias corridos – Retirada do Edital: a

partir das 14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura

dos Envelopes: dia 16 de dezembro de 2010, às 10:00 (dez horas), no Auditório

da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 084/2010 – LDA

PROTOCOLO Nº 9.807.443-0

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Cacique Kofej, no Município de São Jerônimo da Serra.

Preço Máximo: R$ 1.306.395,29 (hum milhão, trezentos e seis mil, trezentos

e noventa e cinco reais e vinte e nove centavos). – Prazo de Execução: 240

(duzentos e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00

(quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes:

dia 16 de dezembro de 2010, às 11:00 (onze horas), no Auditório da SEOP –

Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 085/2010 – PGO

PROTOCOLO Nº 9.807.449-0

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Professor Sérgio Krigrivaja Lucas, no Município de

Cândido de Abreu.

Preço Máximo: R$ 1.068.046,46 (hum milhão, sessenta e oito mil, quarenta

e seis reais e quarenta e seis centavos). – Prazo de Execução: 240 (duzentos e

quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00 (quatorze

horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes: dia 16 de

dezembro de 2010, às 11:00 (onze horas), no Auditório da SEOP – Valor do

Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 086/2010 – LDA

PROTOCOLO Nº 9.807.447-3

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena João Kavagtãn Vergílio, no Município de Tamarana.

Preço Máximo: 1.170.480,81 (um milhão, cento e setenta mil, quatrocentos e

oitenta reais e oitenta e um centavos). – Prazo de Execução: 240 (duzentos e

quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00 (quatorze

horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes: dia 16 de

dezembro de 2010, às 14:00 (quatorze horas), no Auditório da SEOP – Valor

do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 087/2010 – TLD

PROTOCOLO Nº 9.807.451-1

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Araju Porã, no Município de Diamante D’Oeste.

Preço Máximo: 1.046.477,45 (um milhão, quarenta e seis mil, quatrocentos e

setenta e sete reais e quarenta e cinco centavos). – Prazo de Execução: 240

(duzentos e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00

(quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes:

dia 16 de dezembro de 2010, às 14:00 (quatorze horas), no Auditório da

SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 088/2010 – GRP

PROTOCOLO Nº 9.807.445-7

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Professor Candoca Tãnhprág Fidêncio, no Município de

Nova Laranjeiras.

Preço Máximo: R$ 1.206.212,43 (hum milhão, duzentos e seis mil, duzentos

e doze reais e quarenta e três centavos). – Prazo de Execução: 240 (duzentos

e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00 (quatorze

horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes: dia 16 de

dezembro de 2010, às 15:00 (quinze horas), no Auditório da SEOP – Valor do

Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 089/2010 – CSC

PROTOCOLO Nº 9.807.448-1

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Teko Nemoingo, no Município de São Miguel do Iguaçu.

Preço Máximo: R$ 1.120.943,59 (hum milhão, cento e vinte mil, novecentos

e quarenta e três reais e cincoenta e nove centavos). – Prazo de Execução:

240 (duzentos e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das

14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos

Envelopes: dia 16 de dezembro de 2010, às 15:00 (quinze horas), no Auditório

da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 090/2010 – GRP

PROTOCOLO Nº 9.807.444-9

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Cacique Trajano Mrej Tar, no Municipio de Turvo.

Preço Máximo: R$ 1.368.987,91 (hum milhão, trezentos e sessenta e oito

mil, novecentos e oitenta e sete reais e noventa e um cetavos). – Prazo de

Execução: 240 (duzentos e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a

partir das 14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura

dos Envelopes: dia 16 de dezembro de 2010, às 16:00 (dezesseis horas), no

Auditório da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00

(cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 091/2010 – PGO

PROTOCOLO Nº 10.284.769-5

Objeto: Ampliação do Centro Estadual de Educação Profissional – CEEP –

Escola Agrícola, no Município de Arapoti.

Preço Máximo: 6.740.873,03 (seis milhões, setecentos e quarenta mil,

oitocentos e setenta e três reais e três centavos). – Prazo de Execução: 300

(trezentos) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00 (quatorze

horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes: dia 16 de

dezembro de 2010, às 16:00 (dezesseis horas), no Auditório da SEOP – Valor

do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 092/2010 – CTA

PROTOCOLO Nº 10.284.768-7

Objeto: Ampliação do Centro Estadual de Educação Profissional – CEEP –

Colégio Agrícola, no Município da Lapa.

Preço Máximo: R$ 3.813.877,44 (três milhões, oitocentos e treze mil,

oitocentos e setenta e sete reais e quarenta e quatro centavos). – Prazo de

Execução: 300 (trezentos) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das

14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos

Envelopes: dia 16 de dezembro de 2010, às 17:00 (dezessete horas), no

Auditório da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00

(cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 093/2010 – APU

PROTOCOLO Nº 7.667.708-5

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Centro

Estadual de Educação Profissional Indígena do Paraná, no Município de

Manoel Ribas.

Preço Máximo: R$ 7.372.782,94 (sete milhões, trezentos e setenta e dois

mil, setecentos e oitenta e dois reais e noventa e quatro centavos). – Prazo de

Execução: 360 (trezentos e sessenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a

partir das 14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura

dos Envelopes: dia 16 de dezembro de 2010, às 17:00 (dezessete horas), no

Auditório da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00

(cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 094/2010 – PBC

PROTOCOLO Nº 7.667.709-3

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Centro

Estadual de Educação Profissional Sudoeste do Paraná, no Município de

Francisco Beltrão.

Preço Máximo: R$ 10.656.215,75 (dez milhões, seiscentos e cincoenta e seis

mil, duzentos e quinze reais e setenta e cinco centavos). – Prazo de Execução:

360 (trezentos e sessenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das

14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos

Envelopes: dia 17 de dezembro de 2010, às 09:00 (nove horas), no Auditório

da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 095/2010 – GRP

PROTOCOLO Nº 9.807.452-0

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Arandu Pyahu, no Município de Turvo.

Preço Máximo: R$ 1.139.748,41 (hum milhão, cento e trinta e nove mil,

setecentos e quarenta e oito reais e quarenta e um centavos). – Prazo de

Execução: 240 (duzentos e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a

partir das 14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura

dos Envelopes: dia 17 de dezembro de 2010, às 10:00 (dez horas), no Auditório

da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 096/2010 – IRI

PROTOCOLO Nº 9.807.454-6

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Escola

Estadual Indígena Arandu Miri, no Município de Inácio Martins.

Preço Máximo: R$ 1.157.472,11 (hum milhão, cento e cincoenta e sete mil,

quatrocentos e setenta e dois reais e onze centavos). – Prazo de Execução:

240 (duzentos e quarenta) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das

14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos

Envelopes: dia 17 de dezembro de 2010, às 11:00 (onze horas), no Auditório

da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 097/2010 – TLD

PROTOCOLO Nº 10.146.490-3

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Centro Estadual

de Educação Profissional – Colégio Agrícola, no Município de Terra Roxa.

Preço Máximo: R$ 7.686.834,60 (sete milhões, seiscentos e oitenta e seis

mil, oitocentos e trinta e quatro reais e sessenta centavos). – Prazo de Execução:

300 (trezentos) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00 (quatorze

horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes: dia 17 de

dezembro de 2010, às 14:00 (quatorze horas), no Auditório da SEOP – Valor

do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 098/2010 – GRP

PROTOCOLO Nº 10.284.953-1

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Centro

Estadual de Educação Profissional – Colégio Agrícola, no Município de Pitanga.

Preço Máximo: R$ 7.340.161,25 (sete milhões, trezentos e quarenta mil, cento

e sessenta e um reais e vinte e cinco centavos). – Prazo de Execução: 300

(trezentos) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das 14:00 (quatorze

horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos Envelopes: dia 17 de

dezembro de 2010, às 15:00 (quinze horas), no Auditório da SEOP – Valor do

Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00 (cincoenta reais).

Curitiba, 10 de novembro de 2010.

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS

CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 099/2010 – GRP

PROTOCOLO Nº 10.284.952-3

Objeto: Construção de estabelecimento de ensino Unidade Nova Centro

Estadual de Educação Profissional – Colégio Agrícola, no Município de

Laranjeiras do Sul.

Preço Máximo: R$ 7.546.958,75 (sete milhões, quinhentos e quarenta e seis

mil, novecentos e cincoenta e oito reais e setenta e cinco centavos). – Prazo

de Execução: 300 (trezentos) dias corridos. – Retirada do Edital: a partir das

14:00 (quatorze horas) do dia 12 de novembro de 2010. – Abertura dos

Envelopes: dia 17 de dezembro de 2010, às 16:00 (dezesseis horas), no

Auditório da SEOP – Valor do Edital e Elementos Instrutores: R$ 50,00

(cincoenta reais).

JULIO CÉSAR DE SOUZA ARAÚJO FILHO

SECRETARIO DE ESTADO DE OBRAS PÚBLICAS


8 comentários

  1. Pedro Paulo Lupiski
    sábado, 13 de novembro de 2010 – 14:08 hs

    Nessa festa do vale-tudo pelo menos que fosse paga a quarta
    parcela do reajuste salarial da Polícia Militar, tão pometida a ainda não
    resolvido. Será que o Governador Pessuti esqueceu ?

  2. Jango
    sábado, 13 de novembro de 2010 – 15:08 hs

    Campana, li hoje no portal “redesuldenoticias.com.br” que o gov. Pessuti visita instalações da Usina Santa Clara, que faz parte do Complexo ELEJOR, inaugurada em 2005, e que fica entre os municípios de Pinhão e Candói. A matéria do portal cita muitos dados dessa usina, diz que 70% da mesma pertence à Copel, comenta sobre o presidente da ELEJOR, o Sr. Griebeler, só esquece de comentar que apesar de inaugurada em 2005, e portanto gerando energia e muito dinheiro, parte dos proprietários que tiveram suas áreas desapropriadas aonde iria ocorrer a formação do lago, ainda não receberam as indenizações e estão a chupar o dedo enquanto a copel e os outros 30%, que são da iniciativa privada estão fazendo um bom caixa com o preço da energia que nós paranaenses pagamos. Acho que está em tempo dos grandes órgãos de comunicação abrirem espaço para uma matéria responsável, e até para que essa história de desapropriação que visa o bem comum ou é de interesse público exista, desde que não exista alguem “que tenha que pagar o pato”.

  3. sábado, 13 de novembro de 2010 – 15:43 hs

    MAS PODE ISSO ???? TÁ DENTRO DA LEI???????

  4. Borduna
    sábado, 13 de novembro de 2010 – 16:39 hs

    E o novo governador Richa, já se posicionou a respeito?

  5. C.Gomes
    sábado, 13 de novembro de 2010 – 19:58 hs

    É o samba do crioulo doido; do quanto pior (ao outro) melhor. É a política da terra arrasada, estratégia terminal usada em guerras para reter avanços inimigos. O Povo? Ora, o Povo que pague os estragos,afinal inimigo é inimigo, mesmo eleito, e não vamos deixa-lo governar.
    Não é isto, Pessutinho?……..

  6. Ed
    sábado, 13 de novembro de 2010 – 21:02 hs

    Alguém tem que impugnar essas licitações; enrolar uns treze dias e pronto!

  7. domingo, 14 de novembro de 2010 – 19:49 hs

    Fechamento

    Conforme dados da Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Paraná (Fehospar), em 1993 havia 553 hospitais credenciados ao SUS no Paraná. Atualmente, de acordo com a Sesa, são 538 hospitais em funcionamento, ou seja, 15 unidades a menos em 17 anos. “O problema é que o custo da saúde é muito alto e a remuneração dos hospitais que prioritariamente atendem pelo SUS é muito baixa, levando muitos hospitais à falência. Isso é um acontecimento generalizado, mas no interior é ainda pior porque os atendimentos se concentram num único hospital”, comenta o presidente da Fehospar, Renato Merolli.

    ESTA MATERIA ESTÁ INSERIDA NA GAZETA DO POVO DE HOJE. PORQUE NÃO DIRECIONAREM DINHEIRO PARA O TÉRMINO DE HOSPITAIS PELO PARANÁ E PAGAR MELHOR OS MÉDICOS E ASSISTENTES DE SAÚDE. OU VAI FICAR SÓ NO OBA, OBA.

  8. paulo
    domingo, 14 de novembro de 2010 – 23:10 hs

    alguém precisa avisar o imbecil do Panssuti que não existem tantos indios mais, graças as malfadadas ações dos governos municipais, ESTADUAIS E FEDERAL, pra motivar tanta escola indigena.
    tamanho da barriga é o tamanho da demagogia

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*