Censo: crescimento das cidades do Paraná | Fábio Campana

Censo: crescimento das cidades do Paraná


Curitiba e Londrina continuam os municípios mais populosos.
Brasil tem 185 milhões de habitantes.

As informações preliminares do Censo 2010, feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgadas nesta quinta-feira (4) apontam o crescimento das maiores cidades paranaenses.

Em dez anos, Curitiba, que continua sendo a maior cidade do Estado, apresentou um crescimento de cerca de 90 mil habitantes. Em 2000 a capital tinha 1.587.315 habitantes, em 2010 esse número cresceu para 1.678.965.

Londrina continua sendo a segunda maior cidade (493.358), seguida de Maringá (349.860) e Ponta Grossa (305.545). Foz do Iguaçu (250.918) que perdeu a 5ª posição para Cascavel (283.193). O dados do Paraná foram divulgados pelo Bem Paraná.

Lista dos municípios mais populosos:

Curitiba – 1.678.965

Londrina – 493.358

Maringá – 349.860

Ponta Grossa – 305.545

Cascavel – 283.193

Foz do Iguaçu – 250.918

São José – 254.556

Colombo – 208.805

Guarapuava – 166.195

Paranaguá – 136.911

Apucarana – 119.159

Pinhais 112.852

Toledo – 119.002

Araucária – 116.683

Campo Largo – 107.711

Umuarama – 100.025

Arapongas – 104.010

Brasil

O dado inicial da população toda do país é de 185.712.713, de acordo com dados coletados pelo Censo. O tamanho da população ficou abaixo do esperado, que era de 192 milhões de brasileiros, tendo como dia de referência 1º de agosto de 2010, mas representa crescimento de 9,4% em relação ao ano de 2000, quando o país contabilizava 169.799.170 indivíduos.

De acordo com o IBGE, todos os municípios poderão checar o tamanho de suas populações na edição de hoje do Diário Oficial da União. O objetivo é que as prefeituras conheçam os dados e possam contestá-los, se for o caso, nos próximos 20 dias (entre 5 e 24 de novembro).

Os cálculos do IBGE são utilizados na definição do dinheiro a ser repassado pela União a cada município, que varia de acordo com o número de habitantes de cada localidade. A previsão é que no dia 29 de novembro o país tenha o dado consolidado sobre a população.

Domicílios visitados

O censo visitou 67.275.459 domicílios em todos os municípios do país. A previsão era recensear 58 milhões de residências. O aumento reflete uma das primeiras constatações da pesquisa, que é a redução do número de moradores por domicílio entre 2000 e 2010.

Informações também indicam mudanças na pirâmide etária brasileira, que está mais larga no topo, reflexo da queda de fecundidade (número de filhos por mulher), do envelhecimento da população e da migração de estrangeiros para o Brasil.

Pela primeira vez, os questionários incluíram perguntas sobre temas como cônjuge do mesmo sexo, língua indígena, tempo de deslocamento para o trabalho e acesso à internet.


3 comentários

  1. erica
    sexta-feira, 5 de novembro de 2010 – 11:17 hs

    O Censo apresenta questões muito interessantes sobre a população e os modo de vida cotidiano. Do caso paranaense, encontrei ainda mais elementos no link

  2. CLÁUDIO
    domingo, 7 de novembro de 2010 – 20:53 hs

    SUA LISTA NAO OBEDECE ORDEM UMA VEZ QUE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS ESTÁ A FRENDE DE FOZ DO IGUAÇÚ. FOZ DO IGUAÇÚ É A SÉTIMA CIDADE DO ESTADO!

  3. DANIEL VIEIRA
    quinta-feira, 25 de novembro de 2010 – 11:24 hs

    Creio que o censo em Foz do Iguaçu, a população está muito abaixo da projetada, seria interessante que fosse analisado esta questão,

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*