Mario Vargas Llosa ganha o Nobel de Literatura | Fábio Campana

Mario Vargas Llosa ganha o Nobel de Literatura

Divulgação

Do Estadão:

O escritor peruano Mario Vargas Llosa ganha o Prêmio Nobel de Literatura 2010, conforme anunciou a Academia Sueca. É o segundo escritor latino-americano a levar o prêmio, depois de Gabriel García Márques (Cem Anos de Solidão), em 1982. Escritor, que é colunista do Estado, falou recentementet em entrevista concedida à jornalista Laura Greenhalgh sobre seu mais novo livro, ‘Sabres & Utopias’, que chegou nesta semana às livrarias brasileiras.

O comitê informou em um comunicado que Vargas Llosa recebeu o prêmio “por sua cartografia de estruturas de poder e suas imagens vigorosas sobre a resistência, revolta e derrota individual”.

Correção à matéria do Estadão: Vargas Llosa é o quarto latino-americano a ganhar o Nobel de literatura. Octavio Paz foi premiado em 1990, e Gabriela Mistral em 1945.

Nascido em Arequipa, no Peru, em 28 de março de 1936, é autor de uma vasta obra que inclui romances, ensaios literários e políticos. Chegou a lançar sua candidatura à presidência de seu país em 1988, por uma coligação de partidos, a Frente Democrática (Fredemo) para o pleito de 1990, mas renunciou em 1989, devido a crises internas entre os partidos integrantes da aliança.

Ganhou a literatura, com obras como A Guerra do Fim do Mundo, um romance sobre Canudos, Conversas na Catedral, Tia Júlia e o Escrivinhador, Elogio à Madrasta, Pantaleão e as Visitadoras, entre muitos outros. Atualmente, vive em Nova York, onde vai dar aulas na Universidade de Princeton,  como professor-convidado de dois cursos: um sobre técnicas do romance, outro sobre Jorge Luis Borges, escritor por quem nutre uma “paixão secreta e pecaminosa”, como disse Vargas Llosa ao Estado.


4 comentários

  1. mercedito
    quinta-feira, 7 de outubro de 2010 – 9:53 hs

    não estou bem certo, mas me representa que além Garcia e agora
    Vargas Llosa a galeria latinoamericana tem Pablo e Neruda e outra
    poetisa chilena que “le olvidé el nombre” e um centroamericano
    “también”.

  2. Jango
    quinta-feira, 7 de outubro de 2010 – 10:02 hs

    Enfim, mais um escritor latinoamericano.
    Justa e merecida nomeação.
    Pensa e escreve maravilhosamente, além de ser uma pessoa preocupada com os destinos da sociedade.

  3. Rosi
    quinta-feira, 7 de outubro de 2010 – 10:47 hs

    Parabéns a esse grande escritor peruano.
    Dentre seus livros destaco A Guerra do Fim do Mundo, uma epopeia sobre Canudos. Ainda não conheço nenhum romance brasileiro que foca aquele acontecimento do final do século 19, com tantos detalhes, emoção e lirismo.

  4. Anjo Exterminador
    quinta-feira, 7 de outubro de 2010 – 12:06 hs

    Concordo com Mercedito. O Nobel de Literatura foi ganho antes por Pablo Neruda, Gabriela Mistral e Gabriel Garcia Marques. Em ciências ´creio que só um latinoamericano ganhou o prêmio. Foi Bernardo Hussay da Argentina, Nobel de Medicina.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*