Lula e o fome zero | Fábio Campana

Lula e o fome zero

Fome presidencial

De Lula, em Foz do Iguaçu, por volta das 16h, com uma agenda intensa de eventos, sem almoçar:

– Foi num dia como esse que inventei o Fome Zero, depois de ficar tanto tempo sem comer.


17 comentários

  1. mario joao tavares
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 12:30 hs

    SENHOR PRESIDENTE QUEM CRIOU TODAS AS BOLSAS FOI O GOVERNO PSDB—FERNANDO HENRIQUE CARDOSO…

  2. COM DILMA - ADEUS DEMOCRACIA
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 12:44 hs

    Lula, cria vergonha na cara seu malandro. Pra que emntir?Você nunca passou fome na vida. Você foi um vádio Sindicalista, nunca tarabalhou e sempre viveu as custas da ignorância do povo e dos idiotas que o seguiam e ainda o seguem. Você Lula da Silva, é o falso Messias. Sua popularidade virtual esta acabando com o pais, acabando com a DEMOCRACIA, tirando o livre arbitrio do cidadão ao não deixar exercer seu direito Constitucional de escolher e votar em seu cândidato sem sua imposição.

    Lula, você não deixa o povo fazer as comparações necessárias entre os cândidados. ONDE ESTA O TSE?

    Cai fora malandro, e leva sua candidata bãndida, este lixo com você.

    ACORDA SOCIEDADE BRASILEIRA. LULA / DILMA e O PT, QUEREM ACABAR COM A DEMOCRACIA, CALAR A IMPRENSA E MANTER O POVO SEMPRE POBRE POIS, PARA OS COMUNISTAS, COMER, COMER E COMER, EDUCAÇÃO, SAÚDE E LAZER NÃO EXISTE.
    Leva sua cândidata bãndida com voC~e

  3. Pedro Malazartes
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 12:50 hs

    Fome Zero existe em decorrência do Plano Real, criado no governo de Itamar e turbinado por FHC.

  4. DILMA - LULA E AS MENTIRAS
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 12:54 hs

    Publica ai, não me boicota ok

    A APOSENTADORIA DO LULA E SUAS FALCATRUAS

    Lula não pode reclamar da vida, recebe uma aposentadoria especial para anistiado politico segundo documento do INSS. recebe como se na ativa estivesse. O que ocorre efetivamente é que Lula JAMAIS foi anistiado, porque NUNCA foi cassado nem caçado……….

    Nosso Presidente – Aposentado

    Coluna Cláudio Humberto – Correio Brasiliense

    Lula se aposentou aos 42. Documento do INSS obtido pela coluna mostra que o presidente Lula não pode reclamar da vida: a aposentadoria especial para anistiado político, concedida em 1996 e requerida um ano antes, retroagiu a 5/10/1988, um dia antes de ele completar 43 anos. O companheiro presidente tinha 22 anos de serviço, na ocasião. O benefício, que hoje totaliza R$ 3.862,57, está devidamente isento do pagamento de imposto de renda.

    Senhoras e Senhores,

    Essa notícia, trazida pela jornalista Guilhermina

    Ferreira Oliva, mostra o que se convencionou chamar “dois pesos, duas medidas” pois, ao contrário dos simples mortais brasileiros, Lula aposentou-se sem mesmo atingir 25 anos de trabalho, foi contemplado retroativamente com a

    aposentadoria, mercê da Lei da Anistia, e recebe como se na ativa ainda estivesse. O que ocorre, efetivamente, é que Lula JAMAIS foi anistiado, porque NUNCA foi cassado, nem caçado (como José Genoíno, antes de entregar os companheiros do Araguaia para as forças armadas, e “livrar a cara” definitivamente), somente esteve preso (em sala especial, não freqüentou celas com grades) na Polícia Federal.

    Portanto, usou-se com Lula, como também com

    algumas centenas de outros felizardos e espertalhões, um estratagema, um artifício, para que todos aqueles que foram presos por motivos ou ações políticas, por qualquer período de permanência no cárcere, mesmo sem condenação, ou simplesmente tivessem sido os seus nomes citados em processos judiciais, militares, etc., por motivos políticos, ainda que absolvidos, fossem considerados anistiados, o que é uma *teratologia jurídica e social. *(Teratologia: estudo das

    deformações ou monstruosidades orgânicas) Mirador-Dicionário Brasileiro. A totalidade dos cidadãos brasileiros, “ad æternum” pagará essa conta, EXCETO os anistiados, que estão,

    “per omnia sæcula sæculorum”, ISENTOS de pagamento de imposto de renda, taxação de inativos, e essas coisinhas desconfortáveis atribuídas à plebe rude, assim considerados

    todos os que não fazem parte da “tchurma”, ou alguns cortesãos que obtiveram algumas ilegítimas migalhas. Os aposentados em geral, pelo INSS, sabem bem o que é trabalhar 35, ou mais anos, pagar aposentadoria pelo máximo (tem gente

    que pagou até pelo teto de 20 salários mínimos), em salários mínimos, e receber, hoje, por valores de referência, não ultrapassando R$ 1.600,00.

    O funcionalismo público foi presenteado por uma

    reforma constitucional que derrubou drasticamente os seus proventos de aposentadoria, paga imposto de renda, vão ser taxados os inativos, etc, etc, etc. Ou seja: bom mesmo foi ser preso, por qualquer motivo, ou até acusado, sem prisão

    (tudo isso muito melhor do que trabalhar feito doido por 35 anos ou mais…), que a lei da anistia excedeu o perdão amplo, geral e irrestrito, concedendo verdadeiros prêmios lotéricos aos contemplados, a considerar a diferença abissal

    entre as condições de aposentadoria dos anistiados e do resto da população, a autêntica escumalha previdenciária brasileira.

    País do carnaval, das festas, dos profusos

    feriados, das férias de 90 dias para parlamentares (mas não para os funcionários do legislativo), juízes (mas não para os funcionários do judiciário), promotores (mas não para os funcionários do Ministério Público), fica meridianamente claro que quem trabalha nunca alcança, três vezes salve a desesperança…

    O Brasil, desde as capitanias hereditárias, que

    nunca foram abolidas no nosso território, é o país das castas, muito mais do que na Índia, Paquistão, e outros países orientais. Lula NUNCA entrará em filas do INSS, não terá que ser recadastrado aos 90 anos, não trabalha há mais de 30 anos (desde que Lula era presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, em 1972,

    Sua Excelência não sabe o que é um batente diário), aposentou-se com 22 anos de contribuição, 43 anos de idade incompletos, e tudo bem!

    Como dizia o Barão de Itararé: ou todos nos

    locupletamos ou restaure-se a moralidade!

    E depois não querem (não se deve mesmo, né?) que o brasileiro fraude a previdência, sonegue impostos, e coisas que tais, mas como impedir tudo isso, em um país onde as injustiças pululam a todo instante?

    Não há como Ruy Barbosa parar de gritar aos meus ouvidos o que havia dito em 1917: “De tanto ver triunfar as NULIDADES, de tanto ver prosperar a DESONRA, de tanto ver crescer a INJUSTIÇA, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos DOS MAUS, o homem chega a RIR-SE da honra,

    DESANIMAR-SE da justiça, e TER VERGONHA de ser honesto ! ”

    (Ruy Barbosa)

    ACORDA BRASIL
    FORA DILMA, FORA LULA DA SILVA, FORA CHAVES, FORA MORALES, FORA FIDEL E DEMAIS COMUNISTAS DO PT / MST

  5. Zangado
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 13:10 hs

    Está provado, então, que Lula pensa com o estômago (ou estômego) e o resultado disso, em seguida, não precisa mencionar …

  6. Luis Break
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 13:22 hs

    deve ser porque nunca teve de trabalhar para comer né Presidente.

  7. Vanessa
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 13:26 hs

    Os restos mortais do Fome Zero se espalham pela cidade onde nasceu

    Concebido pelo presidente Lula, o Programa Fome Zero nasceu em 3 de fevereiro de 2003 num palanque armado na única praça de Guaribas, interior do Piauí. Morreu dois anos depois sem ter saído do berço, mas nunca teve sepultamento cristão. Ninguém providenciou o velório, o atestado de óbito não foi expedido. Só existe a certidão de batismo, assinada pelo governador Wellington Dias e por quatro ministros que, na festa eleitoreira promovida há sete anos e meio, enxergaram no recém-nascido a cara do Brasil-Maravilha inventado pelo maior governante de todos os tempos.
    (…)
    As coisas se arrastaram até 2005, quando o governo Lula descobriu que o Bolsa-Família era bem mais simples e rendia muito mais votos, matou o Fome Zero de inanição e tentou sumir com o corpo. Não conseguiu, comprovou há um mês a jornalista Sandra Martins, da Tribuna do Piauí. A reportagem publicada em julho expôs o cadáver em decomposição da fantasia oportunista. Espalhados pela cidade iludida, os restos mortais do Fome Zero fazem de Guaribas uma prova contundente de que a visão do Brasil real é obscurecida por um país do faz-de-conta que só existe na propaganda oficial.

    Lula repete no comício de todos os dias que os miseráveis não existem mais. Dilma Rousseff recita desde o começo da campanha que os pobres foram transferidos para a classe média. Se no país do presidente e da candidata as guaribas sumiram, no Brasil verdadeiro continuam assoladas pelas carências de sempre. E flageladas pela mesma fome crônica que segue assombrando a capital do Fome Zero.

    http://www.muraldavila.com.br/noticias/os-restos-mortais-do-fome-zero-se-espalham-pela-cidade-onde-nasceu-7348.html

  8. maria jose nunes teixeira
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 13:37 hs

    quem nao trabalha nao merece comer..

  9. Luciano Ribas
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 14:45 hs

    Mais um dos seus comentários de extremo mau gosto Sr. Campana. Mais um daqueles comentários sem informação de fonte e, sem nenhum nexo! É chegada a hora de V. Ilma. pessoa parar de vender “matérias” favoráveis ao tucanato!

  10. Alerta vermelho
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 15:58 hs

    Poderiam ter inventado o Roubo Zero também.

  11. DILMA - A GRANDE MENTIRA
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 17:45 hs

    MAUI UMA MENTIRA DE DILMA, CÂNDIDATA QUE LULA QUER ENFIAR NO RABO DO POVO

    “DILMA MENTIU: Eu sou o autor do Luz para Todos’

    Da assessoria de imprensa da liderança do PSDB na Câmara dos Deputados:

    O líder do PSDB na Câmara dos Deputados, João Almeida (BA), foto acima, declarou-se surpreso com a afirmação da petista Dilma Roussef no programa do partido veiculado na televisão, quando afirmou que o “Luz para Todos” foi de sua autoria.

    “Isto é uma mentira, pois o programa é de minha iniciativa! Não foi proposto pelo Governo de Lula, como querem passar para a população. E foi aprovado por unanimidade pela Câmara dos Deputados e pelo Senado”, alertou Almeida.

    João Almeida relembra que, em 2003, o Governo Lula enviou ao Congresso Nacional Medida Provisória (MP 127/2003) que tratava apenas da criação de um Programa Emergencial e Excepcional de Apoio às Concessionárias de Serviços Públicos de Distribuição de Energia Elétrica.

    “A MP era somente para dar uma compensação às companhias distribuidoras de energia elétrica, por um aumento que não fora concedido pelo Governo para evitar que a inflação crescesse”, explica Almeida.

    O deputado baiano foi designado relator. Como possuía todos os estudos anteriores relativos à criação do programa “Luz no Campo” (dezembro de 1999, ainda no Governo FHC), entrou em contato com as lideranças do PT para promover a universalização do fornecimento de energia elétrica a todos os brasileiros.

    Foi desta forma que nasceu o “Luz Para Todos”, construído naquele momento pelo relator. “Eu incluí nessa MP a legislação básica para a construção do programa ‘Luz Para Todos’”, lembra Almeida. A lei foi aprovada por unanimidade e o deputado não fez qualquer alarido disso à época.

    “Na elaboração da lei do ‘Luz Para Todos’, tomei o cuidado essencial de evitar a manipulação política. De que forma? Garantindo um sistema de atendimento às comunidades baseado no custo por família, atendendo primeiro aos que podem ser atendidos com custo mais baixo, depois aos de custo mais alto, por fim chegando até aos mais distantes”, completa o líder tucano.

    A ex-ministra não foi a primeira a mentir sobre a autoria do projeto, acentua o deputado baiano. “Tenho uma surpresa muito grande quando aparece ou outro deputado, e agora a ex-ministra de Lula, dizendo que levou o ‘Luz Para Todos’ para aqui, ou que outro levou o Luz Para Todos para lá. Mentem todos!! Ninguém leva o ‘Luz Para Todos’ para qualquer lugar!! Quem diz onde o programa vai acontecer é o computador, que lista as comunidades a serem atendidas em cada momento, considerando o menor custo por unidade beneficiada”, diz.

    O sucesso do programa “Luz Para Todos”, enfatiza João Almeida, “é a lei que criou este fundo, pois quem sustenta o programa não é o orçamento da União”.

    Este é o fundamento básico da proposta original do deputado. “Há muita gente se beneficiando dos resultados eleitorais desse programa sem dizer verdadeiramente a autoria. Cada cidadão brasileiro que paga a taxa acima da taxa social está pagando um pouquinho mais para garantir o Programa Luz para Todos”, finaliza João Almeida

    Senhores, o que é que Lula fez com o Brasil?
    Só mentiras, roubalheira, rasgaram a Constituição Dederal. Querem enfiar no rabo do povo esta senhora que sequer foi Sindida de Predio.

    O povo tem que acordar antes que seja tarde demais.

    JOSÉ SERRA – PRESIDENTE para que possamos continuar vivendo em um pais DEMOCRÁTICO.

  12. QUE VERGONHA!
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 18:57 hs

    O QUE ESPERAR DE UM SUJEITO QUE DISSE: MINHA MÃE NASCEU POBRE,DESDENTADA E ANALFABETA…
    DEVERIA FICAR SEM COMER (AGORA), PARA VER SE PERDE AQUELA
    BARRIGA DE CACHACEIRO.

  13. Parreiras Rodrigues
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 20:39 hs

    O Fome Zero do Governo Lula é o sucedâneo do Projeto Comunidade Solidária criado através da lei 1.366 de 12.01.1995, governo Fernando H. Cardoso. Interessante que a euforia econômica vivida atualmente pelos brasileiros também é decorrente do Plano Real, bolado na administração de Itamar Franco, Henrique Cardoso no quadro ministerial.
    O que faz mesmo este governo, além de passear e fazer cagadas mundo afora?

  14. luciano do boqueirão
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 21:52 hs

    LULA E O FOME ZERO
    O Lula viajava de carro pelo interior do Piauí e lá pelas tantas, no
    meio do poeirão, bate aquela sede, e ele manda parar o carro junto da
    primeira casa no caminho para beber um pouco de água.
    A dona do casebre grita para o menino de uns 9 anos que
    estava sentado na porta: – Luiz Ináçu! Corri aqui, chegue!!!
    Traiz a quartinha e as caneca prus dotô pudê bebê água!
    Lula, todo vaidoso, vendo que a dona do casebre não o reconhecera,
    pergunta: – Companhêra! Vi que a senhora chamou o garoto
    de Luiz Inácio… Ele tem esse nome em homenagem a alguém?
    – Não, não, dotô! O nome dele é Fernando Henrique, mas
    é que o menino deu pra bebê, roubá, minti e fazê tanta merda, que nóis
    apelidô ele anssim…

  15. Vivi
    domingo, 5 de setembro de 2010 – 21:56 hs

    O filósofo Olavo de Carvalho elogia Índio e prova ligações do PT E

    LULA COM AS FARCS.
    .

    http://www.youtube.com/watch?v=XO-bve4O5TA&feature=related
    http://www.youtube.com/watch?v=UygddAloMNw&feature=related

  16. jobalo
    segunda-feira, 6 de setembro de 2010 – 10:20 hs

    Mais uma mentira deste embusteiro barbudo , sabe-se muito bem que o bolsa familia que era para combater a fome foi criado pela dona rute cardoso e o betinhho do rio de janeiro mas o homem barbudo banaliza as coisas serias, e fala tanta mentira , que na boca de um homem com o seu cargo se torna uma verdade mentirosa.

  17. pescador
    segunda-feira, 6 de setembro de 2010 – 10:28 hs

    Jobalo é verdade no Brasil a gente se esquese das verdeiras pessoas boas e damos atenção as mentiras do Lula o Betinho foi umas das maiores pessoas que combateu a desiqualde no pais e ninguem fala a dona Ruthi é a verdadeira mãe do bolsa familia .

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*