Hoje é dia de eleição no Colégio Estadual do Paraná | Fábio Campana

Hoje é dia de eleição no Colégio Estadual do Paraná

Orçamento anual do colégio gira em torno de R$ 12,5 milhões

Flávio Laginski

Após quase duas décadas sem contar com eleições para diretor, o Colégio Estadual do Paraná decide hoje quem irá administrar a maior e mais tradicional escola do Estado.

Contando com uma comunidade de aproximadamente cinco mil pessoas, entre alunos, professores e funcionários, o Estadual, como é conhecido por todos, era um dos poucos colégios que não tinha processo de escolha de diretor porque a instituição é administrada de outra forma, uma vez que possui autonomia para gerir os seus recursos, cujo orçamento anual fica na faixa de R$ 12,5 milhões.

A consulta à comunidade só será possível devido à sanção da Lei número 14.231 em 6 de julho deste ano pelo governador Orlando Pessuti, atendendo a uma reivindicação de alunos, servidores e educadores do Estadual.

A atual diretora e chefe do Núcleo Estadual de Educação de Curitiba, professora Sheila Marize de Toledo Pereira, informa que o processo vem ocorrendo de forma tranquila.

“Não tivemos nenhum problema até o momento com a formação das duas chapas concorrentes. Estou certa que esta consulta à comunidade vai acontecer de forma pacífica e democrática”, avalia.

Dois grupos estão na disputa. A chapa 1, encabeçada pelo professor Enzo Aparecido de Souza, e a chapa 2, liderada pela professora Tânia Maria Acco. Estarão aptos para participar deste processo alunos do ensino médio e técnico, pais de alunos do ensino fundamental, estudantes do ensino fundamental maiores de 16 anos, professores e funcionários.

A consulta começa às 8h e vai até às 22h. A chapa vencedora vai administrar temporariamente o Colégio Estadual do Paraná. Em novembro de 2011, uma nova consulta aos estudantes, pais, professores e servidores será realizada.


10 comentários

  1. Ex Aluno
    terça-feira, 14 de setembro de 2010 – 10:59 hs

    Finalmente nós conseguimos o que queríamos,

    A luta foi árdua lá em 2007 quando começamos o movimento, do qual tenho orgulho de ter participado.
    Diretas JÁ está aí.

  2. Fabiano
    terça-feira, 14 de setembro de 2010 – 11:15 hs

    Osmar Dias usou a cota aérea para comprar uma passagem para a filha Rebeca Dias. Ela foi de Curitiba para Buenos Aires, pela Varig. O bilhete foi emitido em 13 de fevereiro deste ano. “Não devo prestar contas da viagem dela. Presto contas dos meus atos. Não infringi nenhuma norma e nem o regulamento do Senado. Sempre segui estritamente as regras do Senado”, afirmou Osmar.

    Ora Senador, desde 1999 existe na Constituição Federal o princípio da EFICIÊNCIA:
    Art. 37. A administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência

    Vê-se que seus atos como Senador não estão somente regulamentados pelo regimento do Senado, temos o conceito do princípio da eficiência muito bem posto por ALEXANDRE MORAES:
    “Assim, princípio da eficiência é o que impõe à administração pública direta e indireta e a seus agentes a persecução do bem comum, por meio do exercício de suas competências de forma imparcial, neutra, transparente, participativa, eficaz, sem burocracia e sempre em busca da qualidade, rimando pela adoção dos critérios legais e morais necessários para melhor utilização possível dos recursos públicos, de maneira a evitarem-se desperdícios e garantir-se maior rentabilidade social.” (MORAES, Alexandre de. Reforma Administrativa: Emenda Constitucional nº 19/98. 3. ed., São Paulo : Atlas, 1999, p. 30.)

    Então fica a pergunta, a Constituição não é norma? Gostaria muito que meus professores de Direito, que hoje são partidários deste candidato, me explicassem, onde ocorreu a persecução do bem comum, como foi garantida a rentabilidade social, com a conduta do Senador? Custava para uma pessoa que sabia que concorreria a um cargo público não ter tal desprezo pela Constituição Federal?

    Att.
    Fabiano Kormann Reimann

  3. Ricardo
    terça-feira, 14 de setembro de 2010 – 11:36 hs

    Viu Madselva…de q adiantou ser puxa saca de Requião. NADA

  4. Claudia Wasilewski
    terça-feira, 14 de setembro de 2010 – 12:27 hs

    Até que enfim!!!!!!!

  5. Rubens Tavares
    terça-feira, 14 de setembro de 2010 – 13:05 hs

    hoje é dia de festa, alegria, emoção, depois de muita luta, do abraça CEP, dos desmandos da “gestão democrática stalinista” do plebiscito, de vários processos, os corredores do “velho” CEP se enchem de alegria, a democracia venceu as eleições foram conquistadas, apesar de Mauricios, Requiões, de Bezerras, o caminho é sem retorno. imagens bonitas, dos estudantes votando, dos professores votando, dos funcionários votando, dos pais votando, exercendo seu direito de escolher de maneira direta os seus representantes, escolher livremente, um exercicio saudável para todos. e aqueles que são as “viúvas” do arbitrio, seram esquecidos, deixados de lado, apesar de quererem tumultuar o processo eleitoral, a esse deixe que a história se encarregue aos combatentes o orgulho, a dignidade, o sonho, a utopia. Viva a democracia, parabéns a esse blog que sempre esteve junto na conquista desse direito, e de todos aqueles que contribuiram para que a tempestade se fosse e a brisa voltasse……………..

  6. Prof. Bonin
    terça-feira, 14 de setembro de 2010 – 14:24 hs

    Finalmente prevaleceu o bom senso, a vontade política do Pessuti, e a compreensão dos Deputados Estaduais em revogarem uma arbitrariedade da lei que impedia essa decisão já bem tardia mais que é justa e democratica!!!!

  7. ORQUIDEA
    terça-feira, 14 de setembro de 2010 – 15:58 hs

    Parabéns aos alunos, ao movimento Pro democracia, ao Movimento das Diretas no CEP, aos professores resistêntes, aos que não se venderam, aos que não se calaram, parabéns a este blog sempre a favor da democracia.

    Obrigda Fábio Campana!

    Obrigada Malu…Saudades!!!!

  8. terça-feira, 14 de setembro de 2010 – 19:27 hs

    ´ESPERAMOS QUE SEJA ELEITA UMA PESSOA CAPAZ E COERENTE DO TAMANHO E HISTÓRIA DO COLÉGIO ESTADUAL DO PARANÁ;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;

  9. Eduardo Emilio
    terça-feira, 14 de setembro de 2010 – 20:57 hs

    Realmente, fiquei surpreso com a velocidade dos acontecimentos… Pena que no período em que lá estudei foi tão conturbado e autoritário, espero com bons olhos esta nova fase: A Democracia é a forma de expressão do sapiens do gênero homo, cabe a este bem usá-la, que comece no colégio e passe para a sociedade

  10. Thianny
    quarta-feira, 15 de setembro de 2010 – 7:28 hs

    Parabéns a comunidade do CEP, aos professores, alunos e funcionários que resistiram aos desmandos da Madselva. O que adiantou? Ela voltou para a UFPR ( pra falar de gestão democrática!!!!) Parabésn aos alunos do Movimento pro democracia por continuarem a luta após os expurgos de 2007. Fabio Parabésn por sempre se posicionar pela Democracia e respeito!!!! VIVA os Novos TEMPOS no CEP!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*