Renata Bueno propõe projeto Virada Cultural em Curitiba | Fábio Campana

Renata Bueno propõe projeto Virada Cultural
em Curitiba

A vereadora Renata Bueno (PPS) discursou hoje, 10, em plenário, sobre o projeto Virada Cultural. A partir de então, todos os parlamentares ficaram informados sobre a proposta do evento, “que será o passo da transformação cultural em Curitiba”. Renata disponibilizou sua emenda orçamentária – de R$450 mil – à Fundação Cultural, para viabilizar a Virada Cultural. “O motivo desta benfeitoria se deu por um objetivo maior, um pensamento projetado no futuro. Não beneficiando apenas uma gama da população curitibana, mas, sim, favorecendo um maior número de pessoas e classes sociais”, explica a vereadora.

A Virada Cultural será realizada em novembro, deste ano. Durante o evento, dezenas de praças de Curitiba estarão repletas de atrações culturais. A Virada Cultural terá duração de sete dias, sendo as primeiras 24 horas desempenhadas ininterruptamente e as demais prosseguidas a partir de um cronograma de atividades. “O evento será repleto de ações culturais. Iremos valorizar nossos artistas locais e beneficiar a classe que nunca teve acesso à cultura, aqueles que nunca foram ao cinema, a uma peça teatral, nunca assistiram a um show musical. Com a Virada Cultural toda a população terá a chance de vivenciar, de perto, a cultura paranaense”, enfatiza. O projeto Virada Cultural será vigorado dentro do projeto Corrente Cultural da Fundação Cultural.


22 comentários

  1. PAULO
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 13:49 hs

    COLOCARAM A FCC NO MEIO?
    DANÇOU TUDO!!!
    AS COMISSÕES SÃO ALTAS E A INCOMPETÊNCIA GRANDE!

  2. altevir
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 13:52 hs

    Virada só a Renatinha….

  3. terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 14:17 hs

    Não seria melhor a vereadora destinar esta verba às inúmeras instituições culturais que lutam para sobreviver e menter seus programas na periferia. Esta ” virada” passará e logo será esquecida, enquanto que as instituições permanecerão, mesmo com dificuldades mas permanecerão. E tem outra: a Fundação Cultural já tem verba próprria que pouca gente sabe como é consumida.

  4. ATA DA ILHA
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 14:36 hs

    eu gosto de gente assim ,destemida,determinada e de presença.ela vai ser um icone ,ela é impar, bem diferente do pai,que é muito previsível.

  5. João
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 15:55 hs

    Eu fico pensando nela…

  6. Radamés Kotovelo
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 15:58 hs

    Eu vou!

  7. Carla
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 16:53 hs

    Pegou a idéia do Galdino

  8. Marvio
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 17:23 hs

    OLHA O GOLPEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE

  9. Vanessa
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 17:57 hs

    De onde será que veio esta Renata? Será que ela nunca ouviu falar do Festival de Teatro de Curitiba? Do Natal do HSBC? Não boto muita fé em iniciativas culturais do setor público.
    Acho que existem outras áreas prioritárias para o estado…
    Mas vamos ver se dá em algo.

  10. De Londrina
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 18:36 hs

    Só pela beleza ela já teria meu voto. Vem pra Londrina princesa, pelo menos você trabalha, já aqui temos cada figurinha…

    Linda.

  11. Paulino Viapiana
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 18:58 hs

    Caro Fábio,

    Gostaria de esclarecer algumas questões relacionadas à Corrente/Virada Cultural de Curitiba.

    1.A distribuição de recursos para a Cultura, a partir de 2005, só ocorre por meio de editais públicos, disponíveis no site da FCC – http://www.fundacaoculturaldecuritiba.com.br. Todos os selecionados e as respectivas prestações de contas são regularmente encaminhadas ao Tribunal de Contas. Só não sabem onde são investidos os recursos públicos quem não quer;

    2. A FCC tem muitas comissões sim, todas de alto nível. Como as SETE COMISSÕES DE JULGAMENTO (21 integrantes) que analisaram as 659 propostas inscritas no edital do Mecenato Subsidiado, trabalho concluído na sexta-feira e que resultou na seleção de 245 projetos. Ou como a COMISSÃO DE JULGAMENTO (três integrantes) do edital da Corrente Cultural – 56 projetos inscritos e 33 selecionados.

    3. Talvez as regras de transparência e o profissionalismo da atual gestão provoquem saudosismo naqueles que se beneficiaram durante muito tempo do dinheiro público sem apresentar produtos e serviços de qualidade – ou, pior, sem prestar contas;

    3. A primeira edição da Corrente Cultural foi realizada no ano passado com absoluto sucesso, o que nos incentivou a ampliá-la neste ano – além de uma semana de atividades culturais, incluímos uma virada de 24 horas no início da programação.

    4. A FCC firmou com o Ministério da Cultura, em 2008, parceria para a implantação de 30 Pontos de Cultura em Curitiba – 22 já estão em funcionamento e outros oito estão em fase de seleçao, por uma COMISSÃO DE JULGAMENTO (três integrantes) de alto nível. Os Pontos de Cultura beneficiam entidades culturais espalhadas por toda a cidade, especialmente as regiões mais carentes;

    Atenciosamente,

    Paulino Viapiana
    Presidente da FCC

  12. palhares verador sem mandato
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 20:28 hs

    Parabéns vereadora Renata Bueno, esta iniciativa de apoiar a cultura é um ato de pessoas que tem conhecimento do bem que os projetos culturais fazem para todas as sociedades ! um abraço do seu companheiro de camara ! Ah e ve se prepara um gabinete para mim que 2012 já esta chegando !

  13. ILDO BALDO
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 20:54 hs

    A PATRCINHA VOLTOU A FALAR BOBAGEM

  14. Fábio Mayer
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 21:54 hs

    Ninguém pensa nas pessoas que moramem volta desses lugares onde fazem esses eventos… o negócio é fazer barulho e sujeita uma noite inteira e que se danem os moradores…

  15. Artista
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 – 23:56 hs

    Fundação Cultural de Curitiba é marmelada… gente incompetente que ganha dinheiro às custas dos outros… lei municipal = piada! Repleta de panelinhas, aposto quem serão os artistas que vão participar… os mesmos de sempre.

  16. Macanudo
    quarta-feira, 11 de agosto de 2010 – 8:17 hs

    ki pitelzinho!
    Dô tudo por ela.

  17. sarna
    quarta-feira, 11 de agosto de 2010 – 11:04 hs

    Parabéns à Fundação Cultural pelo projeto – a cultura precisa sim ir ao encontro do povo, ser acessível.

  18. Pitrie
    quarta-feira, 11 de agosto de 2010 – 14:32 hs

    Uhu Viva A Corrente Cultural!!!

  19. brigitte chaurais
    quinta-feira, 12 de agosto de 2010 – 0:53 hs

    Excelente a iniciativa da sra. vereadora destinar verba à cultura, considerando que a virada cultural já é um projeto bem sucedido em cidades como São Paulo e Rio de Janeiro. Por que não em Curitiba, que também integra o circuito cultural nacional e até internacional, com seu Festival de Teatro e sua Oficina de Música, eventos de alta qualidade e significativos índices de participação tanto nos palcos como nas plateias? Creio que os cidadãos aprovarão e participarão. É muito melhor ter dias e noites culturais do que violência e bandidagem nas ruas.

  20. tereza batista
    sábado, 14 de agosto de 2010 – 21:01 hs

    é piada isso né ,fcc já tem verbas para projetos , e são sempre os mesmos que ganhan, tem que ser muito íntimo da fcc para ganhar um projeto , não basta ter um trabalho sério .

  21. Rafael
    domingo, 22 de agosto de 2010 – 20:24 hs

    Que profissionais produzirão este evento? Quem irá dirigir a virada?

  22. Andre Roberto Harbs
    terça-feira, 7 de setembro de 2010 – 8:53 hs

    Oi, temos um grupo produz material altenativo, somos artistas sempre expomos os materiais em feira cultural, gostaria de expor na virada cultural como faço,aonde mostro o trabalho.aguardo resposta

    obrigado

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*