Findo o mandato, Lula vai 'chispar' e 'beber cachaça' | Fábio Campana

Findo o mandato, Lula vai ‘chispar’ e ‘beber cachaça’

Do Blog do Josias, na Folha

A quatro meses e doze dias de deixar o governo, Lula começa a planejar o futuro. Incluiu em seus planos o vice José Alencar.

A primeira providência, disse ele, será desocupar os palácios. Ele terá de deixar o Alvorada. Alencar, o Palácio do Jaburu:

“Eu e você vamos deitar no dia 1º [de janeiro de 2011] à noite nas nossas casas, porque nós temos que dar a posse aqui e chispar. Você pode tratar de desocupar o Jaburu e eu de desocupar o Alvorada”.

A segunda iniciativa será celebrar a ausência dos fotógrafos que os perseguiram durante o par de mandatos:

“Quando eu e o José Alencar deixarmos o Palácio do Planalto, nós vamos tomar um gole da cachaça fabricada por ele, chamada Maria da Cruz. Sem nenhuma preocupação se a imprensa vai fotografar”.

Lula pronunciou os chistes em discurso num evento de contabilistas, realizado num hotel de Brasília.

O discuso pode ser ouvido aqui, na íntegra. Na parte “séria”, o presidente voltou a jactar-se de seus feitos. E lamentou não ter conseguido aprovar a reforma tributária. Debitou o insucesso ao “inimigo oculto”.


32 comentários

  1. vida dificil
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 7:49 hs

    eu estava ate confortavel, pelo fim do mandato do lula, pois minha convivencia é o com a pequena pseudo elite quebrada burguesa, que odeia lula, seria um alivio, principalmente esta elite branca descendete de imigrantes europeu pauperrimos que vieram parar no brasil, pois bem, sai o lula entra dilma, ai o preconceito parece ser maior, ela e do pt e ainda por cima mulher, parece que o filho do imigrante italiano de sao paulo, ñ vai dar no coro mesmo…entao vai ser muito chato ficar recebendo aqeles e-mails chato do jabor e sua turma. chamam o melhor presidente que o brasil de bebado, como que chamarão a dilma, a.b.ou p. ou c.

  2. mantovani
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 7:53 hs

    E pensar que esse homem ainda mantém a preferência o eleitorado. É só no Brasil mesmo!! Disse que vai beber cachaça agora. É como se não fosse manguaceiro a vida inteira. E agora, infelizmente, sai o cachaceiro e entra a velha subversiva e quadrilheira. Pobre Brasil!

  3. Fernando
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 8:01 hs

    E assim caminha a mediocridade… Isso é Brasil!

  4. CAÇADOR DE PETISTAS
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 9:02 hs

    Vai beber ou continuará bebendo cachaça.
    Quero aproveitar o momento para perguntar aos Petistas de plantão que comentam que Lula elege até um poste se este pessoal acha certo eleger um poste?

    Lula da Silva, esta querendo é eleger mesmo um poste. Não se pode brincar com a DEMOCRACIA.

    por favor senhores, a disputa eleitoral, ainda mais em se tratando de administrar um pais do tamanho do Brasil, é coisa séria portanto, não vamos eleger um poste.

    No debate da UOL, MARINA, serviu de escada para o poste DILMA. Tudo combinado.

    Fora PT / MST
    JOSÉ SERRA – PRESIDENTE DO BRASIL, o mais preparado, o mais esperiênte, o mais competente.

  5. Parreiras Rodrigues
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 9:10 hs

    E um povo que elege presidente sem atentar para o seu currículo, é um povo anestesiado, abobalhado, enganado.

  6. Zangado
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 9:11 hs

    Traduzindo o lulês: vai continuar fazendo o que sempre veio fazendo …

  7. ALEMÃO
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 9:11 hs

    Ele quis dizer que vai continua enchendo a cara né?

  8. FISCAL DE REALEZA
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 9:20 hs

    fabio voce mensionou que o lula é alcolatra
    mas nâo tem problema o FHC saiu do governo e foitrabalhar para a maconha ser reconhecido
    é bem pior doque ser cachacero

  9. quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 9:21 hs

    VERGONHA ! Essa coisa ainda “representa” o Brasil

    Ellle já disse outro dia que vai comer coelhinho com cachaça ao deixar o “governo”

    Graças a Deus falta pouco para nos livrar disso aí.
    E vai morrer logo de tanto beber.

  10. PAULO
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 9:32 hs

    COMENTARIO T´PICO DA FAMIGLIA MELLO E SILVA.

  11. Austragésilo Penaforte
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 9:39 hs

    O presidente tem falado muito no ‘inimigo oculto’. Fico a me perguntar se esses tais inimigos ocultos – sim, pois são mais de um, é uma horda – não seriam os mesmos 300 picaretas do Congresso, alardeado pelo próprio Lula em anos anteriores, quando tentava e não conseguia chegar à Presidência da República?
    Mas se são ‘inimigos ocultos’ por que dão hoje sustentação ao seu governo? Estranho, muito estranho.
    Afinal, tirando o PSDB, o DEM e o PPS os demais partidos fazem a alegria presidencial no Congresso da República de muitos favores e benesses…
    Do jeito que a coisa está escrachada no Brasil de hoje, nada há de oculto. A patrola passa para lá e pra cá alisando interesses e tirando as rebarbas inconvenientes…
    O resto é discurso.

  12. jobalo
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 10:06 hs

    beber cachaça, e não fazer nada sempre foram as marcas registrada do barbudo, só que agora com muito dinheiro, principalmente do filho que ficou rico derrepente.

  13. quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 10:14 hs

    Que novidade!! Ele só pensa em cachaça

  14. salete cesconeto de arruda
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 10:29 hs

    E o Serra vai beber vinho com o FH na França?

  15. OSSOBUCO
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 10:48 hs

    Joãozinho chega cedo ao colégio e diz à professora:

    – Tia lá em casa nasceram oito cachorrinhos e todos vão votar no Serra.

    – É mesmo! Diz a professora reaça toda feliz…

    Uns quatro ou cinco dias após, o Joãozinho novamente chega à professora e diz:

    – Tia lá em casa nasceram oito cachorrinhos e cinco vão votar no Serra.

    Então a professora intrigada pergunta:

    – Ué? Não eram oito cãezinhos???

    – Eram, mas três já abriram os olhinhos !!!!

  16. RST
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 11:28 hs

    Bye, Bye Zé Chirico Serra.

    Brasil supera Espanha como oitava economia

  17. PAULO
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 11:39 hs

    E A FALTA DE ASSUNTO NA HORDA DO SARKOZY TROPICAL, AUMENTA NA PROPORÇÃO DA QUEDA DO DITO CUJO

  18. aposentado
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 11:46 hs

    O Vida Dificil- se ser descendente de italiano é pecado por que o lulla collor e família usaram da influencia para conseguir cidadania italiana, mas se ele for prá lá vai ser preso, lá ladrão não se cria.
    Preconceituoso é quem fala de imigrantes, que graças a eles esse país pode sustentar uma tropa de malas, que vivem as custas de quem efetivamente trabalho no Brasil.

  19. Duval Simões Araújo-Londrina
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 12:34 hs

    Eles riem da cara dos trouxas, como eu, que pagam impostos pra essa corja dar dinheiro para MST, CUT, CGT e outros bichos. Sem contar as mordomias disponíveis. Lula faz campanha, no horário de expediente, recebendo todo o salário e mordomias como presidente, usando o avião e a tripulação da FAB.
    Como ganhar uma eleição dessa verdadeira corja que burla a lei dia e noite.
    Com a palavra a justiça eleitoral.

  20. RST
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 13:36 hs

    O Lula, vai dar um tempo, tomar uma caçhacinha, será convidado prá ser presidente de algum orgão internacional, e em 2014 ele volta, tá? Não se aflijam. Ah.Ah.Ah.

  21. RST
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 13:47 hs

    O Brasil governado por quem ama
    HISTÓRIAS BRASILEIRAS
    CONTADAS POR LUIZ ANTONIO SIMAS
    O SEGREDO DE LULA
    É impressionante como uma parcela significativa da elite letrada brasileira não consegue engolir a presença de Lula na presidência. Mais do que uma oposição fundamentada em razões consistentes para criticar o governo, boa parte da oposição a Lula me parece fruto de preconceito deslavado – menos contra a figura de Lula do que contra a carga simbólica que sua trajetória representa.

    Somos um país históricamente marcado pela valorização demasiada da cultura bacharelesca e, ao mesmo tempo, por quatro séculos de escravidão que acabaram por desqualificar completamente o trabalho manual. A primeira constituição brasileira – a carta do Império de 1824 – estabelecia o voto censitário e preservava o escravismo, com o argumento de que libertar escravos atentaria contra o direito à propriedade privada. A primeira constituição da República – a de 1891 – proibia o voto do analfabeto e, ao mesmo tempo, não atribuia ao estado brasileiro o dever de alfabetizar a população. O Brasil, em resumo, foi pensado por sua elite política e econômica a partir da perspectiva da exclusão das massas populares do exercício da cidadania e do acesso ao saber formal

    Lula, nesse sentido, foi o presidente que mostrou a essas elites que o Brasil pode, para elas, dar errado. Sim, porque até agora, na perspectiva dos donos do poder, o Brasil vinha dando certo. É simples: a exclusão social brasileira não foi resultado de políticas fracassadas. Ela foi pensada e praticada como um projeto de Estado-Nação. A chegada de Lula ao poder e a aprovação popular ao seu governo tem uma dimensão simbolica única na trajetória brasileira – é o tapa na cara da elite bacharelesca que se sente detentora do saber-poder desde sempre e não admite o sucesso do sujeito sem educação formal que, como homem comum [daí a sua grandeza] que é [somos], ocupa o cargo outrora destinado aos fidalgos do bacharelismo.

    O horror de muitos adeptos da cultura bacharelesca – a tal da cultura formal – ao presidente do Brasil é o pânico diante da ameaça ao monopólio do saber instituído que essas elites sempre prezaram e exerceram. O recado que a trajetória de Lula manda aos doutores é a expressão viva da bela meditação de Vinicius de Moraes em seu Canto de Oxalufã:

    Você que sabe demais
    Meu pai mandou lhe dizer
    Que o tempo tudo desfaz
    A morte nunca estudou
    E a vida não sabe ler

    O beabá
    Não dá pra ninguém saber
    Por que é que há
    Quem lê e não sabe amar
    Quem ama e não sabe ler?

    Você que sabe demais
    Mas que não sabe viver
    Responda se for capaz:
    Da vida, quem sabe lá?
    Da morte, quem quer saber?

    Oxalufã, o Senhor do pano branco, avisa aos sabichões que o mistério do homem se instaura no tempo que a todos iguala no caminho da Noite Grande – a morte, afinal, nunca estudou e a vida não sabe ler. O conhecimento formal nunca foi sinônimo de conhecimento vital, sabedoria de vida, revela o poeta em sua prece ao grande orixá.

    As elites sofisticadas brasileiras, os sabichões intelectuais, as viuvas do príncipe da sociologia FHC, os intelectuais orgânicos da plutocracia paulista, os donos dos bancos acadêmicos que vêem seus tronos doutorais ameaçados pela adoção do sistema de cotas sociais e raciais no Brasil, os conhecedores de verbos certos e letras mortas, não compreendem o sucesso de Lula por um simples motivo: É a eles que o poeta – ridicularizado por membros dessa mesma elite quando se aproxima da Umbanda e do Candomblé – se dirige quando indaga:

    Por que é que há
    Quem lê e não sabe amar
    Quem ama e não sabe ler?

    A resposta, senhores, ao mistério da popularidade de Lula está na pergunta que o poeta faz ao orixá que nos acolhe debaixo de seu alá funfun e guarda os segredos do mundo na ponta do Opaxorô, o cajado sagrado. Durante quinhentos anos o Brasil foi governado pelos letrados.

    Começou a ser, com Lula, governado por quem ama.

  22. Da Poltrona
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 14:08 hs

    Com razão – Durval.
    Hoje liguei o rádio no carro no início do horário eleitoral e quem estava falando ? Lula.
    Afinal, não tenho mais dúvida: Dilma se chama Lula, ou vice versa.
    E a Justiça Eleitoral ?

  23. RST
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 14:14 hs

    do blog Doladela:
    18/08/10
    A turma do contra
    Não sou radical. Nunca fui. Aliás, passei minha infância e adolescência aprendendo a encontrar um caminho para o diálogo, como forma de evitar conflitos, explosão e ruptura. Ainda hoje, quando o país parece andar nos trilhos, com um presidente que deixará o poder com popularidade maciça, na casa do 80%, me inquieta as vozes dos que falam para poucos, perfilados do outro lado do muro, algo em torno de 5%. Tento entender que razões há para tanta inquietação e medo. Será que eles (e só eles) vêem o que ninguém vê? Será que vislumbram um caos que só eles conseguem enxergar, oito anos depois de um governo petista? O que suas vidas demonstram – curiosamente – é que perfilados com eles estão os verdadeiros donos do poder político e econômico nos últimos 100 anos, no minimo! E me pergunto por que seus discursos estão cheios de ódio, preconceito e intolerância? O que eles perdem, quando tantos ganham? Há pouco lia a coluna de Arnaldo Jabor, no Estadão. Sim, de vez em quando leio Jabor, sempre que posso vejo Noblat, Kibe Loko e outros críticos de oposição ao Governo. Não tenho medo de conhecer o contraditório, nunca tive. Acho que a crítica é necessária, porque a unanimidade é burra, como nos alertava Nelson Rodrigues. É claro que precisamos fiscalizar o poder e os governantes. Afinal, todo adesismo entusiasta é perigoso, mas a questão não é esta. Uma sociedade em mudança tão rápida quanto a nossa traz à cena novos atores, personagens esquecidos, ou que não tiveram oportunidade de aparecer antes. Eles passam a dividir a atenção com os galãs e as madames de outrora e isso é o que mais os incomoda. A turma dos cinco por cento não gosta e não está acostumada a dividir, por vaidade, egoísmo ou soberba. É difícil mesmo. Dividir significa renunciar uma parte e se regozijar em ver o outro usufuir a parte que você acabou de deixar de ter. E é contra esta lógica distributiva que eles se insurgem. E é contra esta nova competitividade que eles se levantam. Lamento mas sim, nós podemos!

  24. Renato
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 15:51 hs

    Tem mais é que descansar depois de ter cumprido tão bem o seu papel de presidente. Viva Lula- o maior presidente da história desse país.

  25. RPC
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 15:58 hs

    BEM QUE FAZ…

  26. quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 18:08 hs

    QUE ATIRE A PRIMEIRA PEDRA QUEM NUNCA BEBEU UMA CACHACINHA DANADA???????????????????????????????????

  27. Jacarezinho
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 19:55 hs

    Nunca, na história desse país, se roubou tanto e tão impunemente. E o chefe da quadrilha parece o cara que tinha garfeado um porquinho numa roça e o colocado sobre os ombros. Visto e alcançado pelo dono, respondeu ao ser xingado: Ladrão de porco? Que porco? Vixi…Tira esse bicho de cima de mim…

  28. walter
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 21:08 hs

    é isso aí, tem mais é que curtir a vida mesmo, parabéns pela tarefa cumprida.

  29. DON QUIXOTE
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 21:43 hs

    É, esse riso de felicidade , está ligado ao seu PC que é seu filho, que ficou biliardário em poucos anos.

    O Lula não não mancha a mão. Mas os que estão ao seu lado, fazem “bons negócios”, coma aprência de coisa correta.

    Com filho que passou de guarda de zoológico para um grande milionário do Brasil, dá para sair rindo a vontade do poder após dois mandatos de “negociações”, só foram 8 anos.

    Perderam para o bibinho que garfou 22 anos.

  30. SOLANGE LOPES
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 21:59 hs

    RST, será que a cirrose vai deixar o Lulla voltar em 2014?

  31. LSP
    quinta-feira, 19 de agosto de 2010 – 22:48 hs

    atenção;

    SE BEBER NÃO GOVERNE!!!!

  32. Edimilson
    sexta-feira, 31 de dezembro de 2010 – 17:50 hs

    GENTE VAMOS RACIOCINAR,COLLOR,SARNEI,LOBÃO,RENAN,IDELI,SERES,SILVINHO LADEROVER,FUCHIKEN,JOSÉ DIRCEU,MAGNO MALTA SEVERINO CAVALCANTE,HUMBERTO COSTA,PAULINHO DA FORÇA,OS DOIS FILHOS DE LULA QUE FICARAM MILIONÁRIO DO DIA PARA NOITE,A FILHA ENVOLVIDA EM ONG FANTASMA.VAVA SE IRMÃO COM TRAFICO DE INFLUÊNCIAS,ERENICE,WALDOMIRO DE NIZ,OBRAS DO PAC SUPERFATURADA.A SAUDE ACABADA,ESTRADAS,PORTOS E AEROPORTOS SUCATEADOS. UFA E AINDA QUER TER MORAL VAI TOMAR CACHAÇA QUE É O QUE ELE SABE FAZER.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*